Mäff e Samir: conheça os responsáveis pela faixa "Periferia"
Menu & Busca
Mäff e Samir: conheça os responsáveis pela faixa “Periferia”

Mäff e Samir: conheça os responsáveis pela faixa “Periferia”

Home > Entretenimento > Música > Mäff e Samir: conheça os responsáveis pela faixa “Periferia”

“Periferia” é a faixa de Mäff e Samir, pela G-Spot Records, que traz conceito e cultura misturados. Se você é um frequentador assíduo de festas eletrônicas, principalmente de tech house, com certeza já escutou por aí a faixa nos sets de DJs como Gabe, Brisotti, Urbano, Kaza e mais!

Os DJs e produtores curitibanos juntaram inspirações características do deep tech e tech house para mesclar com elementos do hip-hop dos anos 90 e 2000, resultando em uma verdadeira bomba para as pistas. Quem ouve Racionais MC ‘s identifica de cara o piano da faixa “Capítulo 4, Versículo 3” na track de Mäff e Samir!

Não tem como não ficar curioso para ouvir a faixa, não é? Confira “Periferia” nas principais plataformas digitais e leia o bate-papo que tivemos com os artistas contando um pouco mais sobre a produção dessa faixa tão significativa.

Mäff e Samir
Mäff e Samir. | Foto: Divulgação.

Mäff e Samir falam sobre nova faixa “Periferia”

1. Como surgiu a ideia de produzir “Periferia”?

MÄFF: Surgiu de forma espontânea. SAMIR apresentou a ideia inicial e me convidou para colaboração. Já de cara vi muito potencial na música, pois já tinha elementos que expressavam minhas referências.

2. E como foi o processo criativo? Enfrentaram dificuldades ou fluiu naturalmente?

MÄFF: Fluiu muito naturalmente. A ideia que SAMIR apresentou já mostrava  muito potencial e não tive dificuldade para dar continuidade. Veio uma estrutura sólida de bateria e bass line com a sonoridade que eu gosto muito, eu acrescentei uma percussão modular deixando mais cheia e cuidei da criação dos breaks trazendo um instrumental, levando a música para outra atmosfera e dando aquele sentimento nostálgico. 

3. Sabemos que a música escolhida para a mixagem é de uma das maiores referências do rap brasileiro, Racionais MC’s. Mas o que exatamente a palavra “Periferia” representa nesse caso?

SAMIR: Representa a nostalgia do Rap nacional, que historicamente passou por gerações, impactando na sociedade e abrindo espaço cultural, mostrando que a periferia também tem grandes talentos.

4. Conte um pouco mais sobre a sonoridade da faixa e os elementos que vocês utilizaram.

MÄFF: Contém um bassline sólido com notas curtas juntando-se com um Tom que conduz o groove a uma sonoridade única. A parte de bateria tem seus protagonistas: Hat, Clap, Hihat bem presentes, enquanto o shaker e a percussão modular vão acompanhando de fundo trazendo mais swing no groove. Por fim, o timbre impactante junto ao vocal, moldando um som muito emblemático que traz à tona o Rap nacional e a cultura do hip-hop para o universo da música eletrônica.

5. E sobre a oportunidade de lançar pela G-Spot Records, como surgiu? Qual é a importância desse passo na carreira de vocês? 

MÄFF E SAMIR: A oportunidade veio a convite da própria G-Spot, nos surpreendeu muito e ficamos lisonjeados, pois sabemos a grandeza e importância deste selo no cenário nacional e internacional, trazendo muita relevância e nos dando a chance de lançar ao lado de grandes artistas. Inclusive, gostaríamos de agradecer à G-Spot pela oportunidade que significa muito para nós (Mäff e SAMIR), um selo de tamanha importância consegue levar nossa música a lugares incríveis, o que é nosso objetivo.

Tags mais acessadas