Lugares que você não pode deixar de conhecer em São Paulo
Menu & Busca
Lugares que você não pode deixar de conhecer em São Paulo

Lugares que você não pode deixar de conhecer em São Paulo

Home > Lifestyle > Viagens > Lugares que você não pode deixar de conhecer em São Paulo

São Paulo é a capital  mais populosa do Brasil e cheia de entretenimento, história, conhecimento e muita oferta de lazer. Uma metrópole urbana! Ah, sem contar a vasta área verde. Cidade que nunca dorme, sempre antenada e bem iluminada. Capital que é marcada pela mistura de vários povos, que somaram suas raízes e herança para hoje formar a identidade de um povo paulistano, a mesma virou hospitalidade para outras cidades e passou a ser lar para muitas pessoas.

Com isso, separamos 5 pontos turísticos que você não pode deixar de visitar quando vier para Sampa, apelido carinhoso que os paulistanos deram para essa linda cidade.

OS 5 PONTOS TURISTICOS DE SÃO PAULO

1. Avenida Paulista

A Avenida Paulista é o cartão postal de São Paulo.
A Avenida Paulista é o cartão postal de São Paulo. | Foto: Reprodução.

Caminhar por São Paulo e não passar pela avenida mais famosa da cidade significa que o passeio não valeu. A Avenida Paulista foi inaugurada em 1891, no final do século XIX. Essa foi a primeira via pública asfaltada da cidade, já foi local de grandes mansões de barões do café. Hoje, pouco sobrou daquele tempo, e as ruas são dominadas por arranha-céus empresariais, espaços culturais, centros comerciais, parques e muitos bares e restaurantes.

A Avenida Paulista é um dos principais pontos turísticos de São Paulo. Aos domingos, a avenida fica fechada, parando o trânsito, e se transforma em um enorme parque e espaço cultural, com shows, feiras de artesanato e espaço para práticas esportivas.

2. Farol Santander

O Farol Santander.
O Farol Santander. | Foto: Caio Pimenta/ SPTuris.

O Farol Santander abriu suas portas no início de 2018 e se tornou um dos espaços culturais mais legais da cidade, por ter uma das vistas mais especiais de São Paulo. Está localizado no icônico Edifício Altino Arantes, também conhecido como Prédio do Banespa ou Banespão. É o terceiro prédio mais alto da cidade e o sétimo do Brasil.

3. Mercado Municipal de São Paulo

O Mercadão é um marco gastronômico de São Paulo.
O Mercadão é um marco gastronômico de São Paulo. | Foto: Reprodução.

O Mercadão Municipal é um dos mais tradicionais pontos gourmet da cidade. No Mercadão, como é carinhosamente chamado pelos paulistanos, é possível encontrar de verduras, legumes e frutas fresquinhas, passando por carnes, aves, peixes e frutos do mar, massas, doces, especiarias e produtos importados de primeira linha. Você não pode deixar de visitar o Bar do Mané, conhecido pelo famoso sanduíche de mortadela. O Mercadão, hoje, conta com mais de 270 estandes que atraem turistas de todos os lugares do mundo.  

4. Bairro da Liberdade

O Bairro da Liberdade, a maior comunidade asiática no País.
O Bairro da Liberdade, a maior comunidade asiática no País. | Foto: Reprodução.

Conhecida pelas suas luminárias orientais, arquitetura, lojas e restaurantes típicos de países como Japão, China, Tailândia e Coreia do Sul. O Bairro da Liberdade é rico em cultura oriental, ele reúne a maior comunidade asiática do país, que fica na região central da cidade de São Paulo. Um pouco do Japão dentro de São Paulo, aproveite e conheça essa cultura asiática.

5- Parque do Ibirapuera

O Ibirapuera é um dos maiores parques de São Paulo.
O Ibirapuera é um dos maiores parques de São Paulo. | Foto: Reprodução.

O Parque do Ibirapuera é um dos cartões postais da cidade de São Paulo, com uma enorme área verde e um dos mais visitados. O nome Ibirapuera significa “árvore apodrecida” em tupi-guarani e vem de uma aldeia indígena que ocupava a região do Parque quando a área era alagadiça com solo de várzea. O local oferece muito mais do que um espaço para caminhadas em meio à natureza e exercícios físicos.

Em seu interior é possível encontrar opções como o Planetário, o Museu de Arte Contemporânea, a Oca, o Auditório Ibirapuera, o Pavilhão da Bienal, o Pavilhão Japonês e o Viveiro, entre outras. Não deixe de passar no parque e curtir, conhecer a paisagem, um passeio de bicicleta e um belo piquenique em família e amigos.

_____________________________________________________

Por Julia Caires de Ataide – Fala! São Judas

Tags mais acessadas