Instagram, WhatsApp e Facebook tem aumento de acesso de 40%
Menu & Busca
Instagram, WhatsApp e Facebook têm aumento de 40% de acessos

Instagram, WhatsApp e Facebook têm aumento de 40% de acessos

Home > Entretenimento > Geek > Instagram, WhatsApp e Facebook têm aumento de 40% de acessos

Após o inicio da quarentena recomendada pela OMS (Organização Mundial da Saúde) para conter avanço da propagação do novo coronavírus, redes sociais como Facebook, WhatsApp e Instagram obtiveram um aumento de acesso impressionante.

aumento no uso de whatsapp, instagram e facebook
Facebook, WhatsApp e Instagram. | Foto: Reprodução.

Quarentena marca aumento do uso de internet e redes sociais

Apenas três dias após o início da quarentena para conter a disseminação do Covid-19, operadoras como Vivo, Claro, Tim e Oi registraram um aumento de 40% no tráfego de internet banda larga fixa de sua rede, de acordo com a Folha de S. Paulo. A pandemia do novo coronavírus já afeta mais de 100 países e mais de 500 mil pessoas.

De acordo com estudos feitos pela Kantar, à medida que os países se aprofundam na pandemia, o consumo de mídia passou a aumentar em todos os canais internos. Nos estágios posteriores da pandemia, a navegação na web aumentou em 70%, seguida pela exibição de TV (tradicional) aumentando em 63% e o engajamento nas mídias sociais aumentando em 61% sobre as taxas normais de uso.

WhatsApp, Facebook e Instagram

Em todos os estágios da pandemia, o WhatsApp é o aplicativo de mídia social que apresentou os maiores ganhos de uso, à medida que as pessoas procuram permanecer conectadas.

No geral, o WhatsApp teve um aumento de 40% no uso. Na fase inicial da pandemia aumentou 27%, na fase intermediária 41%, e os países que já estão na fase final da pandemia observam um aumento de 51%.

A Espanha experimentou um aumento de 76% no tempo gasto no WhatsApp. O uso geral do Facebook aumentou 37%. A China experimentou um aumento de 58% no uso de aplicativos de mídia social locais, incluindo Wechat e Weibo.

O aumento do uso em todas as plataformas de mensagens tem sido maior entre pessoas na faixa etária de 18 a 34 anos. Em uma média geral, WhatsApp, Facebook e Instagram experimentaram um aumento de 40% no uso de menores de 35 anos.

Tags mais acessadas