Guia do Pet: O que você precisa saber antes de adotar um animal
Menu & Busca
Guia do Pet: O que você precisa saber antes de adotar um animal

Guia do Pet: O que você precisa saber antes de adotar um animal

Home > Lifestyle > Guia do Pet: O que você precisa saber antes de adotar um animal

Animais, são seres vivos, sejam eles de estimação (Pet) ou não, a diferença é que aqueles que são adotados pelos seres humanos acabam tornando-se responsabilidade deles. Portanto, a pessoa que resolve se tornar dono de um gato, cachorro, passarinho, hamster e entre outros, deve ter conhecimento de algumas coisas antes mesmo de tomar essa decisão.

A seguir, saiba o que é preciso ter em mente antes de adotar um Pet para sua vida.

5 dicas sobre adotar um Pet

1. Por que adotar em vez de comprar?

Adotar um Pet envolve amor e compromisso.
Adotar um Pet envolve amor e compromisso. | Foto: Reprodução.

Antigamente, era mais comum que as pessoas comprassem seus pets em vez de adotar, mas ao decorrer do tempo foi tomado o conhecimento das condições nas quais esses animais eram tratados como objetos para venda. Existem muitos canis e criadores que, até hoje em dia, mesmo com leis que tentam evitar isso, usam cachorros como um método de ganhar dinheiro e não levam em consideração a saúde e bem-estar desses animais. Além disso, a quantidade de pets que são abandonados é incontável, oferecer um bom lar a esses animais que passam diversas dificuldades como fome, frio e perigo é um ato sincero e bondoso.

2. A responsabilidade de ter um Pet

Animais de estimação dão trabalho, tenha em mente isso quando adotar o seu.
Animais de estimação dão trabalho, tenha em mente isso quando adotar o seu. | Foto: Reprodução.

Ter um animal de estimação requer tempo, atenção e condições financeiras, apesar de nada disso significar que é necessário deixar todas as outras prioridades de lado para passar o dia todo cuidando do pet. Não tem como esquecer que eles possuem sentimentos e sensações assim como os seres humanos e não adianta só querer ter o bichinho em casa e esquecê-lo aos cantos, ou até mesmo acabar abandonando ele quando as coisas complicarem, então o principal que deve se ter quando tomar essa escolha, é ter responsabilidade, maturidade e condições para adotar, independente da espécie que seja.

3. Querendo ou não, animais de estimação causam gastos

Não se esqueça que um Pet será um novo gasto mensal para você.
Não se esqueça que um Pet será um novo gasto mensal para você. | Foto: Reprodução.

Assim como nós que possuímos gastos mensais, com comida, roupa, água e outras coisas, os animais também precisam de cuidados que geram gastos. Ração, veterinário, vacinas, remédios, tapetes higiênicos, a lista é longa. Por isso, antes de adotar um animal, tenha consciência de que irá gastar com ele e mais, faça as contas de quanto irá gastar para ter certeza que você poderá cobrir tais gastos.

4. Assim como seres humanos, também existem animais com o passado complicado

Cada animal possui um passado e é muito importante respeitar isso.
Cada animal possui um passado e é muito importante respeitar isso. | Foto: Reprodução.

Isso não é necessariamente uma regra, mas alguns animais que são adotados acabaram tendo um passado complicado, como alguns traumatizados e/ou com membros do corpo machucados. Esses pets podem acabar precisando de um tratamento especial, muitas vezes com o uso de remédios e acompanhamento veterinário, mas é importante saber que isso não deve atrapalhar ou ser um empecilho na hora da adoção, todos precisam de carinho da mesma forma, principalmente estes que já sofreram tanto. 

Então, decidiu adotar um animal de estimação? Independente da raça, cor ou espécie que ele seja, não esqueça que são seres vivos e que possuem sentimentos desde dor até (muito) amor. Quando você decide tomar essa responsabilidade, saiba que você será além de dono, o lar, a companhia e o melhor amigo desse bichinho, portanto cuide bem dele!

_____________________________________________________

Por Ana Carolina do Nascimento Yamazaki – Fala! Mack

Tags mais acessadas