Frozen 2 - leia a crítica do filme [spoiler]
Menu & Busca
Frozen 2 – leia a crítica do filme [spoiler]

Frozen 2 – leia a crítica do filme [spoiler]

Home > Entretenimento > Cinema e Séries > Frozen 2 – leia a crítica do filme [spoiler]

Apesar das dificuldades de criar uma sequência de um filme com a mesma originalidade do primeiro lançado, Frozen 2 mostra que isso não é impossível.

Ao se destacar no bom uso dos efeitos visuais, a sequência da Disney se distanciou das expectativas e trouxe um ar de amadurecimento na narrativa.

Além disso, os produtores fizeram questão de responder muitas das perguntas deixadas em aberto no primeiro filme.

Trailer do filme Frozen 2 | Reprodução

Enredo

O ponto de partida é quando Elsa (Idina Menzel) começa a ouvir vozes que a levam a um lugar e percebe que só ela as ouve, sendo a única, portanto, que pode desvendar o mistério.

Assim, ela, Anna (Kristen Bell), Olaf (Josh Gad), Kristoff (Jonathan Groff) e Sven saem do reino a fim de encontrar essas respostas. Logo, descobrem que a tribo local da floresta encantada regida pelos quatro elementos (água, ar, terra e fogo) está presa e não consegue se libertar.

Nisso, acabam por descobrir todo o passado por trás daquela consequência, além de que o local, Antohallam, é o lugar de origem da mãe das irmãs, a Rainha Iduna (Evan Rachel Wood).

No entanto, as irmãs resolvem ir em busca do mistério de madrugada, prosseguindo a aventura somente com Olaf.

Por outro lado, após descobrirem o que levou a morte de seus pais, Elsa decide que Anna não irá até o fim. Assim, coloca a irmã junto com Olaf em um barco e prossegue a missão sozinha.

Ao caminhar sozinha e vasculhar as próprias memórias em Antohallan, a protagonista se transforma em uma estátua de gelo e Olaf “morre”.

E, como já visto no filme antecessor, resta à Anna salvar tudo. E ela consegue, claro.

Resultado de imagem para frozen 2
Frozen 2 | foto: Reprodução

Semelhanças entre os dois filmes

Tanto no primeiro quanto em sua sequência há circunstâncias que são repetidas, as vezes, com alguns detalhes diferentes.

Por exemplo, o gigante de neve no primeiro e o gigante de terra agora. Outros pontos marcantes são a Elza ser congelada e a Anna salvar tudo como na vez antecedente.

Conclusão

No fim, Frozen 2 acaba por trazer aspectos semelhantes ao primeiro filme, mas os aborda de maneira mais madura.

O filme baseia-se muito no passado, trazendo vários feedbacks. Além disso, designa grande parte do tempo na busca da origem dos poderes de Elsa.

Sendo assim, a animação da Disney alcança, hoje, um dos maiores sucessos de bilheteria já vistos.

0 Comentários

Tags mais acessadas