Filipe Ret é alvo de investigação após suposta distribuição de maconha em festa
Menu & Busca
Filipe Ret é alvo de investigação após suposta distribuição de maconha em festa

Filipe Ret é alvo de investigação após suposta distribuição de maconha em festa

Home > Notícias > Filipe Ret é alvo de investigação após suposta distribuição de maconha em festa

O rapper Filipe Ret, de 37 anos, que recentemente lançou o single Tudo Nosso com Anitta, está sendo investigado pela Polícia Civil por conta de uma suposta distribuição de maconha em sua festa, a ‘Open Beck’, que ocorreu no dia 21 de junho no Vivo Rio. Na manhã desta terça-feira (19), policiais da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE-RJ) cumpriram 5 mandados de busca e apreensão em endereços do rapper, como exemplo de seu estúdio.

A equipe policial apreendeu o celular do rapper, maconha e o material para enrolar cigarros. A quantidade da substância não foi informada e Filipe Ret será investigado por porte de entorpecentes.

Após o ocorrido, o rapper usou as redes sociais para se pronunciar. Confira:

Filipe Ret - investigação - maconha-min
Filipe Ret é investigado por suposta distribuição de maconha. | Foto: Reprodução/ Instagram

“Nada que faço é motivo de prisão”, Filipe Ret se pronuncia após investigação

Na noite de ontem, terça-feira (19), Filipe Ret usou os stories do Instagram para se pronunciar sobre o ocorrido.

“Obrigado por todas as mensagens de carinho e preocupação de vocês. Eu não sou perfeito, mas nada que faço é motivo de prisão. Peço sinceras desculpas a meu pai, a minha mãe e a mãe do meu filho por terem suas casas invadidas e reviradas. Vocês não têm nada a ver com essa história e não mereciam isso”, escreveu.

“Já estou bem. Amo vocês. Agora só preciso descansar e passar mais tempo com meu filho”, completou.

Inquérito

Segundo apuração da TV Globo sobre o inquérito, a Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE-RJ) considera que “Filipe Ret vive no Brasil como se estivesse na Califórnia” e aproveita os privilégios da fama para “livremente usar e fornecer drogas”.

Além disso, apontam que ele ignora as leis de proibição e “reforça a falsa ideia de seletividade do sistema”.

Assessoria de Filipe Ret fala sobre as acusações

A assessoria do rapper enviou uma nota a imprensa. Confira:

Após cumprir uma agenda intensa de shows e lançamentos, Filipe Ret foi para Angra dos Reis com a sua família e amigos para um período de descanso. Na manhã desta terça-feira, 19 de julho, o artista foi surpreendido por uma operação da Polícia Civil do Rio de Janeiro, que o conduziu para a Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE-RJ), na Cidade da Polícia, no Jacarezinho, na Zona Norte. Houve uma ação em que foram apreendidos pertences pessoais do artista Filipe Ret, que já se declarou usuário de maconha, foi conduzido à delegacia e foi lavrado apenas um termo relativo à posse de maconha para uso pessoal. Qualquer alegação diferente desta, se trata de uma afirmação descolada da realidade e única e exclusivamente do interesse de terceiros. Filipe Ret agradece o carinho dos fãs, da família e de amigos.

___________________________________
Por Giovana Rodrigues – Redação Fala!

Tags mais acessadas