Entrevista com Priscilla Reis Maia, empreendedora e multiartista
Menu & Busca
Entrevista com Priscilla Reis Maia, empreendedora e multiartista

Entrevista com Priscilla Reis Maia, empreendedora e multiartista

Home > Notícias > Entrevistas > Entrevista com Priscilla Reis Maia, empreendedora e multiartista

Priscilla Reis Maia, nasceu em 2001 em Osasco, São Paulo. Incentivada por seus pais desde a infância, sempre procurou não se prender a uma única função em sua vida. Hoje empreendedora, a estudante de Engenharia Ambiental e Sanitária também se destaca com escritora.

A jovem é multiartista, gosta de leituras diversas e, em 2022, participou do projeto OndulAções/Associação OndulArte “Ultrapassando fronteiras com Guilherme de Almeida”, da Cultura Abraça Campinas, onde pela primeira vez exibiu um dos seus textos a “Era uma Era” em formato multimídia.

Priscilla Reis Maia
Priscilla Reis Maia é empreendedora e multiartista. | Foto: Montagem/ Kátia Reis

Entrevista com Priscilla Reis Maia

1) Quando você começou a escrever? 

Iniciei meus primeiros escritos ainda criança, ali entre meus 9 e 10 anos de idade, nesta fase já rabiscava algumas frases e poemas, de uma forma simplória e digamos que tímida, pois por entender que faziam parte de quem eu era, não tinha coragem de mostrá-los a ninguém. 

2) Como é a sua relação com a literatura e leitura? É um hábito que tem desde pequena ou adquiriu mais tarde?

Meu gosto pela leitura vem pelo incentivo dos meus pais, sempre ganhei bons livros de presente, passeios por livrarias e eventos culturais sempre me cercavam. Ainda na infância eu ficava lendo os dicionários, acha aquele universo de palavras mágico. Ficava imersa ali e procurava o significado das palavras e quando encontrava passava para a próxima desconhecida e o processo se reinicia e não tinha fim, momentos viciantes eram esses. Quem já se permitiu a ler um dicionário sabe como o processo funciona.

Hoje a literatura se tornou um hobby gostoso, no qual consigo percorrer por diversos mundos, transcrever e ainda sim adquirir novos conhecimentos. Essa entrevista é o resultado dos novos caminhos que abro aqui, no momento estou lendo o livro “Sem esforço”, do Greg Mckeown. onde tem vários macetes para tornar mais fácil o que é mais importante. Em outros tempos eu me limitaria a não participar de atos que me tirassem da zona de conforto para evitar os problemas que poderiam vir, outro dia falamos disso. Graças aos incentivos de muitos pude chegar até aqui, mesmo com frio na barriga, mas entendendo a não ser limitada aos meus medos.

priscilla reis maia - empreendedora
Priscilla Reis Maia acredita na importância da leitura para o desenvolvimento de cada um. | Foto: Reprodução/ Kátia Reis

3) Como você vê a importância da leitura, principalmente para crianças e jovens, no país em que vivemos?

Ler é não se alienar e ser curioso(a), é o caminho ideal. Acredito que ler, seja para qual for o objetivo, desde adquirir conhecimento ou por prazer da boa leitura, isso só nos traz benefícios. Eu tenho um projeto de incentivo à escrita e a leitura, chamado “Fragmentos da Pri”, onde vocês irão encontrar trechos, frases e até mesmo palavras que exibem algumas inquietações presenciadas e vividas por mim e pelo ambiente onde vivo. Em nosso dia a dia é importante estar cercado de boas leituras, se me permitem, deixo uma proposta a vocês, incentivem alguém, presentei com livros, distribuam conhecimento e façam leituras coletivas.

4) Qual é o papel das redes sociais para o seu trabalho de escritor? Como é a sua interação com seus leitores na Internet?

Acredito que para novos escritores e escritoras as redes sociais são imprescindíveis para que os projetos deem certo. É um campo onde o acesso acontece com um alcance especial sem intermédios. As redes sociais me tiraram do anonimato e meus escritos guardados nos blocos de notas do celular se transformaram em páginas impressas. Essa ferramenta bem utilizada nos abre a oportunidade para participar de eventos, conversar com as pessoas, sentir o cheiro do livro e das páginas, bem como compartilhar as leituras em conjunto. Hoje celebro a minha participação na Bienal Internacional do Livro de São Paulo, que dispensa qualquer apresentação, por se tratar do maior palco de encontro dos grandes autores e das principais editoras do pais. 

5) Deixe o seu recado para os leitores.

Quero muito agradecer a Deus pela oportunidade de ter participado desta entrevista, aos meus pais e a minha família por sempre estarem ao meu lado e a você que leu até aqui, gratidão.

Nunca deixem o medo e os seus pensamentos te pararem, “o medo distancia você daquilo que você nasceu para fazer e bloqueia uma onda de prosperidade em todos os seus caminhos” – Pablo Marçal.

____________________________________
Por Benazira Djoco – Fala! UNIESP PB

Tags mais acessadas