Eduardo Bolsonaro e Ricardo Salles: políticos que criaram cursos digitais
Menu & Busca
Eduardo Bolsonaro e Ricardo Salles: políticos que criaram cursos digitais

Eduardo Bolsonaro e Ricardo Salles: políticos que criaram cursos digitais

Home > Eduzz > Eduardo Bolsonaro e Ricardo Salles: políticos que criaram cursos digitais

Políticos lançam cursos online como estratégia para ampliar a campanha eleitoral e se aproximar dos seus apoiadores. Eduardo Bolsonaro e Ricardo Salles são exemplos disso. 

Como estratégia eleitoral, políticos lançam cursos digitais sobre política e assuntos semelhantes para se aproximar ainda mais do eleitorado.

Ter uma rede social já virou praxe caso você queira se eleger em algum cargo político. Sem dúvidas, a internet é a maior disseminadora das ideias dos políticos, sejam eles de esquerda ou de direita, mas recentemente uma mudança de rumo estratégico chamou a atenção: Eduardo Bolsonaro, Deputado Federal do Brasil, disponibilizou dois cursos online, o Prepara Brasil na plataforma da Eduzz e o curso O Guia Definitivo para Posse de Arma em plataforma própria.

Os cursos envolvem ideais conservadores e são ministrados por outros políticos de direita, incluindo o próprio Deputado. Nomes como: Damares Alves, Mário Farias, Marcos Pollon e Ricardo Salles integram o quadro de professores. 

Para quê é necessário criar um curso online?

Um curso online pode ser um grande diferencial na candidatura ou na permanência de um político no seu cargo. Isso porque a partir dele é possível que os apoiadores consigam entender melhor as propostas daquele indivíduo. 

Os infoprodutos, isto é, os produtos digitais estão cada vez mais em alta e se aproveitar dessa nova forma de vender para obter resultados ainda melhores, é muito inteligente.

O objetivo aqui é aproximar os integrantes da direita e permitir que eles tenham acesso a um conhecimento específico. Com isso, as próprias pessoas vão poder disseminar as informações mais importantes, além de serem capazes de permear discussões sobre os assuntos como: aborto, feminismo, porte de armas, desmatamento e economia. 

Quanto mais aparato intelectual os apoiadores tiverem, maior o número de pessoas que poderão ser impactadas com o conhecimento.

Ricardo Salles participa do curso de Eduardo Bolsonaro.
Ricardo Salles participa do curso de Eduardo Bolsonaro.

Cursos de Eduardo Bolsonaro

Sendo assim, Eduardo Bolsonaro acabou disponibilizando dois cursos diferentes, ambos voltados para temas conservadores. O “Prepara Brasil” é recomendado para quem quer adquirir mais conhecimento para conseguir desenvolver temas polêmicos e importantes com a visão da direita. Já o “ O Guia Definitivo para Posse de Arma”, é mais indicado para as pessoas que desejam saber o que é preciso fazer para ter uma arma e como manuseá-la. 

O “Prepara Brasil” conta com vários políticos e especialistas nos assuntos desejados, custando R$ 197,00. As aulas são divididas em 12 módulos, sendo eles: Conservadorismo e jornalismo; Juventude e feminismo; Liberdade e eleições; Meio ambiente e armas; Cultura e direito eleitoral; Globalismo e cristianismo; Processo legislativo e defesa do agro; Segurança pública e educação; Aborto e ideologia de gênero; História do Brasil e racismo; Economia e homeschooling; Arte, ativismo judicial e drogas.

Os indivíduos que adquirirem esse curso ainda ganham duas aulas de bônus. A primeira é voltada para a escolha correta dos candidatos e a segunda é direcionada especificamente para Eduardo Bolsonaro e as suas ideias de vida e trabalho. 

“O Guia Definitivo para Posse de Arma” é um pouco diferente, sendo ministrado pelo próprio Deputado Federal e Marcos Pollo, fundador do projeto proarmas no Brasil. O valor deste segundo curso também é diferenciado, cerca de R$ 400,00.

Os temas variam entre: diferenciar os tipos de armamento, demonstrações práticas e dicas de como contornar as dificuldades da burocracia no processo de aquisição da licença para a obtenção da posse de armas.

Após receber duras críticas referentes ao lançamento do curso de treinamento de posse de armas, Eduardo Bolsonaro criou uma plataforma própria de conteúdo, com objetivo de não ter seu material barrado de ser postado. 

Assim, depois de garantir a manutenção do seu curso, o Deputado Federal e os seus apoiadores políticos desejam que as suas estratégias tragam resultados positivos nas eleições de 2022. 

Tags mais acessadas