Como a pirataria mudou o branding das grifes de moda
Menu & Busca
Como a pirataria mudou o branding das grifes de moda

Como a pirataria mudou o branding das grifes de moda

Home > Notícias > Mercado > Como a pirataria mudou o branding das grifes de moda

Mesmo antes da internet, a pirataria está presente. Com um aumento cada vez maior, mercadorias mais semelhantes às originais e a aceitação destes produtos pelos consumidores, as lojas de luxo estão sendo obrigadas a criar tecnologia que diferencie seus artigos dos pirateados.

A pirataria vem afetando o branding de grifes de moda em todo o mundo. | Foto: Reprodução.

Entenda como a pirataria afeta a marca das grandes grifes de moda em todo o mundo

Com o preço muito mais acessível e um pouco mais de semelhança com o verdadeiro item, a marca e a originalidade passam a ser um dos últimos quesitos de escolha do consumidor. A pirataria também trouxe aspectos positivos para as empresas. Entre elas a agilidade e a criatividade para novos lançamentos e o desenvolvimento dos atuais que já estão no mercado, pois o produto pirateado não consegue dar ao usuário a experiência que ele tem ao consumir sua marca.

Muitas marcas de luxo acabaram atingindo um grupo totalmente ao contrário do que deseja atender com a pirataria, e isso faz com que as pessoas sintam vontade, mesmo com o produto pirateado, ter a experiência do item original.   

O marketing da moda e do mundo dos negócios possui novas estratégias, buscando a valorização da experiência do cliente priorizando a marca e a experiência e não somente o produto. A pirataria não é fácil de se combater, até lá as grifes precisam provar o seu valor e mostrar o porquê são caras. Se o consumidor acredita, valoriza e tem certeza do quanto são importantes determinadas marcas na sua experiência de consumo, estas certamente terão milhares de adeptos, independente do quanto sejam pirateadas ou barateadas.

__________________________________________

Letícia Ferreira Soares Azevedo – Fala! Uninove

Tags mais acessadas