Menu & Busca
Beleza Oculta é o filme da Tela Quente nesta segunda

Beleza Oculta é o filme da Tela Quente nesta segunda


O filme Beleza Oculta, estrelado por Will Smith, será o destaque da Tela Quente nessa segunda-feira (26) e irá começar ás 22h20. O filme foi dirigido por David Frankel, também diretor de Marley & Eu, e teve sua estreia em janeiro de 2017 com a bilheteria de 88,5 milhões de dólares.

ROMEU E JULIETA: FILME COM WILL SMITH E QUEEN LATIFAH NA NETFLIX

Beleza Oculta na Tela Quente: Filme é estralado por Will Smith

Tela Quente: Filme é estralado por Will Smith

Beleza Oculta: Sinopse

Howard, um jovem e bem sucedido empreendedor, entra em depressão após uma tragédia pessoal e passa a escrever cartas para a Morte, o Tempo e o Amor, algo que preocupa seus amigos.

Mas o que parece impossível, se torna realidade quando essas três partes do universo decidem responder. Morte, Tempo e Amor vão tentar ensinar o valor da vida para Howard

Situado no Natal, Beleza Oculta é um filme dramático que possui uma forte lição de moral.

SAIU O PRIMEIRO TRAILER DE GEMINI MAN, PROTAGONIZADO POR WILL SMITH

Confira o trailer:

Veja as Críticas do filme Beleza Oculta:

As críticas do filme foram em suma negativas:

A proposta, no entanto, fica escondida, soterrada por frases de efeito e atuações canhestras, que classificam Beleza Oculta como um caça-lágrimas tipicamente hollywoodiano.

Renato Hermsdorff disse na crítica do filme feita para o AdoroCinema

Muitas vezes um bom elenco não significa uma boa atuação, ou um roteiro bem amarrado não quer dizer que o texto de um filme esteja dizendo algo, e muito menos quer dizer que uma direção segura realize um grande filme. Beleza Oculta sofre desse mal, um longa que parece ter todas as peças para seu sucesso, mas apenas comprova a lógica da matemática inexata do cinema.

Escreveu Giovanni Rizzo para o Observatório do Cinema
Beleza Oculta
Will Smith na Tela Quente hoje (26)

Apesar das observações negativas, o filme Beleza Oculta também recebeu críticas positivas.

O espectador é levado, por uma engenhosidade do texto, a desconfiar, o tempo inteiro, se está diante de uma situação “realista” ou não. É um truque (no bom sentido) bem encadeado, que evita que se abandone a cadeira do cinema.

Quer se tornar um colaborar e escrever para o fala?
Saiba como

0 Comentários

Tags mais acessadas