As 7 comidas brasileiras mais famosas no exterior
Menu & Busca
As 7 comidas brasileiras mais famosas no exterior

As 7 comidas brasileiras mais famosas no exterior

Home > Entretenimento > Cultura > As 7 comidas brasileiras mais famosas no exterior

A culinária brasileira é muito rica em misturas, cores e sabores. Nossa gastronomia recebeu influências indígenas, europeias e africanas, mas o que a torna diferente são as modificações e adaptações sofridas com o tempo, ganhando personalidade própria. O resultado dessa combinação é apreciado muito por aqui e no resto do mundo também.

Até alguns anos atrás, a comida brasileira era considerada exótica por outros países, mas o aparecimento de chefes de cozinha brasileiros no exterior mudou a visão de muitos apreciadores gastronômicos. Logo, comidas simples do nosso dia-a-dia passaram a ter valor e vasta presença em restaurantes de todos os cantos do mundo.

Confira quais são as sete comidas brasileiras mais famosas no exterior:

1 – Brigadeiro 

Resultado de imagem para brigadeiro"

O doce de origem carioca geralmente relacionado a festas de aniversário, é muito apreciado em outros países. Um dos motivos que contribuem para o sucesso da guloseima é o fato de ele ser bem similar a uma trufa de chocolate. Além do tradicional, também há vários derivados do brigadeiro em outros países, como o de Oreo, Sensação e Red Velvet.

2 – Churrasco

Resultado de imagem para churrascp"

Os índios tupis tinham o costume de caçar animais e defumar a carne sobre grelhas de madeira, o que fazia o alimento durar muito mais tempo. Apesar do churrasco não ser exclusividade do nosso país, é aqui que a carne é temperada com sal grosso e servida bem rosada. Aqui foi inventado o corte da picanha e o coraçãozinho de frango, sem falar do queijo coalho e o pão de alho. Além disso, apenas em churrascarias brasileiras o garçom vai até a mesa do cliente cortar a carne.

3 – Pão de Queijo

Resultado de imagem para 3 - Pão de Queijo"

Queijo e pão, dois queridinhos do mundo inteiro, são unidos através do forno e resultam no famoso pão de queijo brasileiro. Crocante por fora e macio por dentro, essa comida tornou-se conhecida pela singularidade que o leite de Minas Gerais traz para o queijo recheado no pão. Em outros países, o pão de queijo pode ser ainda mais recheado, adicionado com creme de queijo, ricota e até carne.

4 – Feijoada

Resultado de imagem para Feijoada"

Carne mergulhada em feijão preto, pedaços de linguiça no meio, carne de porco dessalinizada e de qualidade, a feijoada é uma das comidas brasileiras mais conhecidas mundialmente e a que menos sofre alterações no cardápio para não tirar a essência do prato. Podendo ser acrescentada de farofa, couve, fatias de laranja e cachaça para acompanhar, a feijoada clássica pode levar cerca de 24h para ficar pronta, o que pode dar bastante trabalho para os gringos acharem uma feijoada tão completa quanto a nossa.

5 – Caipirinha

Resultado de imagem para Caipirinha"

A caipirinha tem origem paulista e é um coquetel alcoólico com cachaça, açúcar, limão e gelo. A cachaça também é um ingrediente brasileiro, o que torna a procura da original mais difícil em outros países, mas outras variações também são famosas, como a caipiroska (com vodka ao invés de cachaça) e a caipiríssima (com rum). A caipirinha é frequentemente encontrada em praias do mundo inteiro.

6 – Açaí

Resultado de imagem para Açaí"

De todas as frutas da Amazônia, o açaí talvez seja o mais conhecido. Servido como uma espécie de sorvete doce, às vezes com granola por cima, pedaços de banana, leite condensado ou leite ninho, esta é uma sobremesa bem famosa principalmente na Europa, mas foi primeiro utilizada pelos índios nativos daqui como fonte de energia e acompanhamento para peixes.

No Norte do Brasil, principalmente no Pará e no Amapá, o açaí é consumido gelado e in natura. Pode ser acrescentado de farinha e dessa forma, serve como acompanhamento para peixes e camarões.

7 – Moqueca

Resultado de imagem para Moqueca"

De origem indígena, este prato é mais conhecido pelas suas versões do Espírito Santo e na Bahia. A receita leva peixe (ou outros frutos do mar), tomate, cebola e coentro na panela, sendo refogados e servidos na tigela de barro em meio a nuvens de vapor perfumado.

Os capixabas adicionam sementes de urucum para um corante natural vermelho, enquanto os baianos servem uma versão feita com óleo de palma, pimentão e leite de coco. Geralmente é acompanhada de arroz, farofa e pirão. Lá fora, a mais conhecida é com camarão.

Por Niara Viana – Fala! PUC

0 Comentários

Tags mais acessadas