segunda-feira, 26 fevereiro, 24
HomeCinema e SériesAs 5 melhores animações da DC Comics para quem é fã de...

As 5 melhores animações da DC Comics para quem é fã de super-heróis

Em 1993, a DC Comics se uniu à Warner Bros para produzir animações inspiradas em suas famosas histórias em quadrinhos. Desde o início, os desenhos animados fizeram sucesso entre os fãs de super heróis e, até hoje, possuem um grande reconhecimento por eles.Eu, também como fã, tenho minhas produções favoritas, assim como a maioria da comunidade geek.

A DC Comics criou grandes animações sobre seus super-heróis.
A DC Comics criou grandes animações sobre seus super-heróis. | Foto: Reprodução.

Por isso, listei, com base na minha opinião, as 5 melhores animações para aqueles que, assim como eu, gostam do universo da DC.

5 animações de sucesso da DC Comics

5 – Mulher Maravilha (2009) — de Lauren Montgomery

Mulher Maravilha, de Lauren Montgomery, fala sobre uma das super-heroínas mais famosas dos quadrinhos.
Mulher Maravilha, de Lauren Montgomery, fala sobre uma das super-heroínas mais famosas dos quadrinhos. | Foto: Reprodução.

Na ilha Themyscira, as Amazonas treinam para se tornar guerreiras e manter o deus da guerra, Ares, aprisionado. Mas isso muda quando o piloto da aeronáutica norte-americana Steve Trevor aterrissa acidentalmente no local e deixa o prisioneiro escapar. Diante disso, a princesa Diana é escolhida para capturar o deus e levar Steve para casa. Então, juntos, os dois viajam para impedir a vingança de Ares.

Baseado na história em quadrinhos de Mulher Maravilha: Deuses e Mortais, o longa conta a origem completa de Diana e introduz todos os personagens importantes de sua história. Essa versão é realmente útil para saber tudo sobre a super heroína, além de ser leve, divertida e bem executada.

4 – Liga da Justiça: Ponto de Ignição (2013) —  de Jay Oliva

O Flash Reverso é um dos vilões de Liga da Justiça: Ponto de Ignição.
O Flash Reverso é um dos vilões de Liga da Justiça: Ponto de Ignição. | Foto: Reprodução.

Flash altera a linha do tempo quando volta ao passado para tentar salvar a vida de sua mãe e, de imediato, o mundo se modifica tragicamente. Por consequência, uma guerra entre Atlântida, do Aquaman, e as Amazonas, da Mulher Maravilha, se inicia com o objetivo de devastar a Terra e, assim, a Liga da Justiça precisa entrar em ação.

Nos quadrinhos, foi Ponto de Ignição que deu início para Os Novos 52 (um relançamento de toda linha da DC Comics) e nas animações não foi diferente, visto que o filme motivou o lançamento de Liga da Justiça: A Guerra. Por esse motivo, a obra foi um marco para começar uma nova fase de narrativas aos super heróis.

Além disso, o longa, baseado na história homônima de Geoff Johns e Andy Kubert, conta com mortes chocantes, um bom desenvolvimento para os personagens principais e uma trama excelente.

3 – Grandes Astros: Superman (2011) — de Sam Liu

Nesta animação da DC, a vida de Superman está por um fio.
Nesta animação da DC, a vida de Superman está por um fio. | Foto: Reprodução.

Baseada na série de quadrinhos homônima de Grant Morrison e Frank Quitely, a animação conta sobre um episódio em que Superman tenta resgatar um grupo de pesquisa prestes a ser consumido pelo Sol, mas, como resultado, ele acaba tendo suas células sobrecarregadas de energia solar. Então, com pouco tempo de vida, o herói precisa resolver conflitos e preparar o mundo para sua partida.

O desenho explora o lado mais humano de Superman para mostrar seu altruísmo e sua bondade com a população local. As cenas de ação, no caso, são excluídas, visto que ele está fragilizado. No entanto, não é de todo mal, já que esse contexto é algo raro a ser abordado nas tramas animadas, sendo assim, uma inovação na imagem do heroísmo.

2 – Liga da Justiça: A Nova Fronteira (2008) — de Dave Bullock

Liga da Justiça: A Nova Fronteira é uma das diversas animações da DC sobre a equipe.
Liga da Justiça: A Nova Fronteira é uma das diversas animações da DC sobre a equipe. | Foto: Reprodução.

No período da Guerra Fria, o Superman, o Batman e a Mulher Maravilha estão sob a suspeita do governo. Enquanto isso, chega uma ameaça na Terra e, por isso, uma nova geração de super-heróis e um grupo de veteranos precisam se unir para salvar o mundo.

O longa, baseado na história em quadrinhos homônima de Darwyn Cooke, se passa nos anos 50 e, por isso, possui uma estética clássica e diferente das demais, o que combina com o enredo. Os novos heróis (Lanterna Verde, Caçador de Marte, Flash e Mulher Maravilha) são bem desenvolvidos e bem apresentados, o que equilibra a trama e a deixa mais bonita, simbolizando, também, a importância da Liga da Justiça para a cultura geek.

1 – Batman Contra o Capuz Vermelho (2010) — de Brandon Vietti

Nesta animação, Batman enfrenta Capuz Vermelho.
Nesta animação, Batman enfrenta Capuz Vermelho. | Foto: Reprodução.

No longa, Batman descobre que o Capuz Vermelho também está vigiando Gotham City. O novo vigilante, por sua vez, consegue limpar a cidade com eficiência, mas não mede esforços para matar, desrespeitando, assim, o código de ética imposto pelo Homem-Morcego. Como se não bastasse, o Coringa se põe entre os dois e, é claro, os conflitos aumentam.

O desenho animado, baseado na obra Batman: Sob o Capuz, possui uma estética sombria e um pouco dramática, passando, até mesmo, um ar mais maduro em comparação com os outros filmes da franquia, isso porque ele contém menos cenas de violência explícita. A qualidade do visual e da narrativa da obra também se destacam, o que chama a atenção e fortalece o enredo, que, por si só, já é espetacular.

__________________________________________________________

Por Giovanna Pavan – Fala! Anhembi

ARTIGOS RECOMENDADOS