'Rhythm In Me' alcança o TOP 3 Global de Future House do Beatport
Menu & Busca
‘Rhythm In Me’ alcança o TOP 3 Global de Future House do Beatport

‘Rhythm In Me’ alcança o TOP 3 Global de Future House do Beatport

Home > Entretenimento > Música > ‘Rhythm In Me’ alcança o TOP 3 Global de Future House do Beatport

Um mês após o lançamento de Rhythm In Me, fruto da parceria de Pontifexx e Düncan pela Stmpd Rcrds, gravadora de Martin Garrix, a música alcançou o TOP 3 Global de Future House do Beatport com sua versão Club Mix, conquistando a terceira posição de track mais baixada por DJs e fãs de todo o mundo e dividindo as primeiras colocações com artistas como Tchami e Moska. Com os vocais de Cammie e 2Strange, a produção agradou tanto o holandês Garrix, que rendeu o suporte em seu Radio Show antes mesmo de ser lançada, além de também ser tocada na renomada BBC Radio 1.

Pontifexx
Rhythm In Me, de Pontifexx e Düncan, alcança o TOP 3 Global de Future House do Beatport. | Foto: Reprodução.

Rhythm In Me é o segundo lançamento de Pontifexx na Stmpd, depois do grande sucesso de sua estreia no segundo semestre de 2019, com a música Feelings, em parceria com Zeeba e Le Dib. Consolidando o espaço de Tomás Pontifex na gravadora holandesa e enaltecendo ainda mais o seu sólido talento.

A primeira vez a gente nunca esquece. Nunca tinha tido uma música no Top 3 do Beatport. Ver todo esse alcance para a versão Club Mix é algo surreal e fico muito feliz com o apoio recebido da gravadora. Ansioso para vocês escutarem os próximos lançamentos meus por lá.

Conta Pontifexx.

Düncan se juntou ao seleto grupo de produtores brasileiros a ter uma música lançada pela label de Martin Garrix, mostrando que os sonhos não podem parar, mesmo no meio de uma pandemia. “Entrar no TOP 3 do gênero no Beatport significa muito para mim. Como DJ e produtor, sempre tive esse sonho. É em momentos como este que me sinto cada vez mais e mais motivado para continuar a fazer o que eu mais amo – Música”, conta Düncan.

Rhythm In Me é uma música diferente desde o primeiro instante. Primeiro, pelo estilo que ela segue, mesmo que dentro da música eletrônica, com uma mistura inovadora de rap. Segundo, pela excelente harmonia entre os vocais femininos e masculinos, uma aposta que pouco se vê neste cenário. A versão Club Mix tem um BPM (batidas por minuto) mais alto que a versão Radio, mas mantém os elementos misteriosos no break para culminar num build-up interessante e com ritmo marcante. A música agrada tantos os fãs de música eletrônica quanto os de outros estilos.

Pontifexx e Düncan mostram que, além de uma amizade de anos, a sinergia no estúdio está rendendo frutos inéditos para ambos os projetos. Sendo você, fã de música eletrônica ou não, Rhythm In Me chega para ocupar o espaço de “nova música favorita” do momento! Ouça agora mesmo e entenda o porquê a track entrou para o TOP 3 Future House do Beatport.

Tags mais acessadas