Quais são as consequências do ensino a distância para os estudantes?
Menu & Busca
Quais são as consequências do ensino a distância para os estudantes?

Quais são as consequências do ensino a distância para os estudantes?

Home > Lifestyle > Quais são as consequências do ensino a distância para os estudantes?

Existem diferenças marcantes entre o ensino a distância e o presencial. Durante o período de isolamento social, necessário para o momento da Covid-19, muitos alunos e, principalmente professores, têm que aprender novas formas para não deixar o rendimento e a qualidade das aulas diminuírem.

Quais são as consequências do ensino a distância para os estudantes?
É possível mesclar anotações e materiais digitais para estudar a distância

Sílvia Cristina Palaia, de 56 anos, que já leciona há 24 anos, foi a entrevistada para esclarecer um pouco mais sobre esta nova realidade. A professora é formada em Magistério, Ciências Sociais e História na Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG, fez uma especialização em Historiografia na PUC de São Paulo e iniciou um mestrado em Sociologia. Trabalha atualmente no Colégio Santa Helena e suas matérias são História, Sociologia, Filosofia e Projetos Interdisciplinares.

O bate-papo foi iniciado abordando as principais diferenças entre um ensino presencial e um ensino a distância. Ela disse que nas aulas presenciais estão todos dividindo o mesmo espaço com suas vantagens e desvantagens. Em meio ao cenário, surgem regras de respeito e de amizade. O aprendizado não é constituído somente por conteúdos programáticos. Há nas relações cotidianas muito material para ser trabalhado em sala de aula: transformar em aprendizado um conflito, por exemplo, partir de algo que esteja acontecendo e transformar em conteúdo. Na sala de aula estão todos juntos e olhando um para o outro. Comem juntos, estudam juntos, fazem bagunça juntos.

Quais são as consequências do ensino a distância para os estudantes?
O ensino presencial tem muitas possibilidades de abordagem

Já sobre o ensino online, ela diz: “Sem dúvida nos oferece mais ferramentas e a aula pode ser enriquecida com trechos de filmes e notícias – tudo ali de fácil acesso. Você pode deixar aulas gravadas e lições de casa e você recebe esses materiais num mesmo lugar com a data da entrega e quem entregou. Se forem testes de múltipla escolha, você não precisa nem corrigir porque a ferramenta, mediante gabarito prévio, corrige para você. Mas não temos o calor da sala de aula e muito menos a interação”. 

Para ela, os professores tiveram que se ressignificar neste momento de pandemia. Primeiro, fizeram um curso sobre a ferramenta e, no início era complicado: “Acabávamos trabalhando muito mais”. Os alunos também não sabiam direito como utilizar alguns recursos. Depois o tempo da aula foi adaptado e começou a existir um maior controle, por meio da participação de quem realmente está na chamada de vídeo. Alguns alunos não têm câmera ou não querem deixar ligada e os professores não podem obrigá-los.

Ensino de humanas e exatas a distância

Existe alguma diferença entre o ensino de humanas e de exatas a distância. A entrevistada diz, em sua opinião, que é mais fácil para o professor da área de humanas porque ele não tem a necessidade de fazer os exercícios passo a passo, mesmo que exista a lousa virtual. O professor de humanas normalmente é mais falante e, pelos próprios conteúdos, aproveita melhor os recursos audiovisuais.

Dificuldades dentro e fora da sala de aula

A maior dificuldade de aprendizagem relatada pelos alunos na escola é a concentração. Ficar sentado durante 5h, às vezes até mais, prestando atenção, é muito difícil. Mesmo que eles levantem, interajam com os colegas, deem risadas, é um modelo que merece ser diversificado. Na escola onde Sílvia trabalha, os profissionais tentam variar os tipos de aula e os ambientes.

Com o ensino a distância as dificuldades permanecem, principalmente no aspecto citado anteriormente. Estar sozinho diante da tela é um desafio. Muitos reclamam do cansaço. Em contrapartida, não precisam fazer nada como copiar, prestar atenção, responder aos exercícios, a não ser que queiram e sintam a necessidade. Os alunos da historiadora dizem que sentem falta do calor da convivência. 

Oportunidades do ensino a distância

Os conselhos da professora aos universitários são muitos: “Aproveitem para pesquisar. A fala do professor está gravada. Até mesmo durante a aula, quando ele citar algum artigo ou nome, vá atrás do que ele está falando”.

Quais são as consequências do ensino a distância para os estudantes?
Em casa, você pode pesquisar sobre diversos temas no próprio horário da aula

Outras dicas mencionadas por ela são:

  • Faça perguntas e encare a aula como um filme que você assiste;
  • Neste momento você não precisa se locomover, nem se preocupar com o vestuário, então aproveite o saldo positivo para estudar, pois seu cansaço está menor;
  • Converse com os amigos, faça reuniões em grupo e interaja com seus professores.

Ela destacou acerca da interação: “Nós gostamos disso! E precisamos. Estamos sentindo muito falta da presença física de vocês”.  

Tags mais acessadas