Protetor solar atrapalha a produção de vitamina D?
Menu & Busca
Protetor solar atrapalha a produção de vitamina D?

Protetor solar atrapalha a produção de vitamina D?

Home > Lifestyle > Saúde > Protetor solar atrapalha a produção de vitamina D?

De acordo com a dermatologista Ana Paula Souza (@anafasouza) muitos médicos orientam a exposição ao sol para a sintetização de vitamina D, e alguns deles contraindicam o uso de protetor solar: “Realmente quanto maior a fotoproteção, menor vai ser a produção de vitamina D”. A profissional trouxe mais detalhes acerca do tema, que principalmente no verão, é bastante questionado.

Protetor solar atrapalha a produção de vitamina D?

Mesmo que os bloqueadores solares tenham uma ação contrária à produção da vitamina, o tempo necessário para a sintetização diária é muito curto, cerca de 10 minutos em mãos e faces para uma pessoa de pele clara, que absorve mais, já seria suficiente, podendo aumentar. Ou seja, na teoria o protetor solar reduz sim a produção da vitamina, mas na prática ele não vai causar insuficiência para uma pessoa que não tenha deficiência constatada. 

Sendo assim, enfatiza: “Não se deve orientar as pessoas a não usarem protetor e ficarem se expondo ao sol”. No dia a dia, indivíduos que moram em um país tropical como o Brasil já estão absorvendo a radiação necessária para produzir a vitamina D. A partir da década de 1970, os pesquisadores descobriram que ela poderia ser produzida pelo organismo, ou seja, na realidade pode ser considerada por alguns especialistas como um hormônio.

https://falauniversidades.com.br/cancer-de-pele-como-se-prevenir/

Qual protetor solar escolher?

woman sitting on seashore
Mulher na praia

Os protetores solares são compostos por substâncias químicas, que absorvem a radiação, ou físicas, que refletem a radiação. Assim, costumam ser uma mescla dos dois. Entenda como são classificados e as siglas utilizadas pelo mercado:

  • FPS: proteção à radiação UVB. O número corresponde à quantas vezes mais a pessoa está protegida com a aplicação do produto do que se estivesse sem.
  • PPD: valor que não costuma estar exposto na embalagem logo “de cara”, mas en números menores escondidos. O ideal é que o valor seja  ⅓ do FPS.

Crianças com até 6 meses não devem utilizar, somente métodos de barreira como chapéu e roupa para prevenção. Já para a faixa etária entre 6 meses e 6 anos e para pessoas com pele sensível, o recomendado são produtos com filtros inorgânicos. O ideal é utilizar 2 miligramas por centímetro cúbico e reaplicar, pois a cada uma hora o fator de proteção vai reduzindo.

Por: Izadora Del Bianco (@izadbr)

0 Comentários

Tags mais acessadas