Monte Verde: charme e romance para os amantes do frio em estilo europeu
Menu & Busca
Monte Verde: charme e romance para os amantes do frio em estilo europeu

Monte Verde: charme e romance para os amantes do frio em estilo europeu

Home > Lifestyle > Viagens > Monte Verde: charme e romance para os amantes do frio em estilo europeu

Cidades serranas no Brasil combinam o clima e a arquitetura alpina europeia para atrair turistas que curtem um friozinho com um bom chocolate quente. A pequena e romântica vila sulmineira, Monte Verde, vem se tornando um desses principais destinos. Além de oferecer uma paisagem exuberante de araucárias e hortênsias, Monte Verde concentra variedades de hospedagem e de restaurante, bem como diversas opções de trilhas como passeios ecoturísticos e outras atividades de lazer.

Como chegar em Monte Verde

Localizado em meio a Serra da Mantiqueira, o distrito da cidade de Camanducaia (MG) fica a cerca de 166 km de São Paulo, a 420 km do Rio de Janeiro e a 456 km de Belo Horizonte.

Para chegar até Monte Verde, a viagem pode ser feita de carro ou de ônibus. Lembrando que este possui horários estabelecidos de saída para o destino de Camanducaia. Então, programe-se com antecedência. 

Também, se sua opção é ir de carro, dobre a atenção ao subir a serra, pois a estrada é cheia de curvas.

 Temperatura

Por estar a 1600 metros de altitude, as temperaturas em Monte Verde são baixas durante todo ano. É claro que o inverno é a estação de alta temporada na região dos chalés alpinos mas, mesmo no verão, é possível se deleitar com um chocolate quente ou um fondue. 

De dezembro a março, as temperaturas variam entre 14ºC e 24ºC. Enquanto de junho até julho, a variação é em torno de 18ºC e 5ºC, podendo haver temperaturas abaixo de zero e geadas.  

Com arquitetura em estilo europeu e baixas temperaturas, Monte Verde, MG, está na rota do turismo – Foto: Daniela Ayres/ G1

O que fazer em Monte Verde  

Para turistar, vale a pena caminhar pela Avenida Monte Verde –  a principal da vila – para apreciar o charme da arquitetura europeia e o romantismo de Monte Verde. A avenida possui galerias e muitas opções de lojinhas de artesanato, queijos e chocolates. Além disso, há um amplo comércio de vestimentas especialmente para o frio. 

Também, existe um espaço adequado ao mascote da região, o esquilo, no qual o turista pode observá-lo no Shopping Center Celeiro. Mas atente-se às recomendações para preservar o animal de estresse ou de sensação ameaçadora. 

Dentre as exigências estão: não tirar fotos com o flash ligado, não alimentá-lo e não se aproximar muito. Lembrando que a mordida de um esquilo pode transmitir raiva. Portanto, admire os animais, mas respeite seu espaço, pois eles não são nenhum brinquedo de atração. 

Os passeios ecoturísticos da região serrana são as trilhas, classificadas pelos níveis fácil, intermediário e avançado. Ou seja, todos podem realizar essa aventura e desfrutar a beleza da natureza. 

As trilhas de nível fácil são: a Trilha do Pinheiro Velho, a Trilha do Chapéu do Bispo e a Trilha Corredeiras do Itapuá. De classificação intermediária tem-se: a Trilha do Platô e a Trilha da Pedra Redonda. E as avançadas são: a Trilha da Pedra Partida e a Trilha do Selado. 

Para realizar qualquer trilha, é importante estar atento ao clima do dia e também avisar a recepção em que se encontra hospedado. Além disso, certifique-se dos locais de acesso e utilize repelente, calças longas e sapatos antiderrapantes. Também não se esqueça de levar água. 

Seja no sossego das montanhas ou no desafio das trilhas, Monte Verde oferece diversos programas – Foto: Reprodução/ AHPMV)

Outras diversões são os passeios de jeep, quadriciclo, arvorismo, tirolesa e arco e flecha. Na avenida principal há stands espalhados de vários grupos que realizam essas atividades.

Onde comer

A maior concentração de restaurantes encontra-se na Avenida Monte Verde, no qual há desde comidas mineiras até fondues. Os preços podem variar de um estabelecimento para outro. Por isso, vale apreciar uma caminhada e pesquisar sobre os pratos e seus valores que ficam disponíveis nos cardápios na entrada dos restaurantes.

Avenida Monte Verde – Foto: monteverde.org

Hospedagem

A região de Monte Verde possui uma grande quantidade de hotéis, pousadas e aluguéis de casas por temporada.

Para maiores informações sobre Monte Verde, é aconselhável uma visita ao site http://guiamonteverde.com.br/index.html

________________________________________________________
Por Jennifer de Carvalho Soares – Fala! Mackenzie


0 Comentários

Tags mais acessadas