Cantor MC Jotinha morre baleado em Duque de Caxias
Menu & Busca
Cantor MC Jotinha morre baleado em Duque de Caxias

Cantor MC Jotinha morre baleado em Duque de Caxias

Home > Entretenimento > Famosos e TV > Cantor MC Jotinha morre baleado em Duque de Caxias

Jonathan Gomes de Araújo, mais conhecido por seu nome artístico MC Jotinha, morreu baleado na última terça-feira (16). O jovem, que era cantor de funk, foi assassinado em Duque de Caxias (RJ) após uma briga que ocorreu em um bar, de acordo com o relato de seu pai. O funkeiro tinha 17 anos e começou cedo no meio musical. Mesmo jovem, tinha músicas de sucesso. O enterro ocorreu na quarta-feira (17).

MC Jotinha
Apesar de jovem, o cantor MC Jotinha construiu uma longa trajetória no meio musical. | Foto: Montagem/ Instagram.

Quem foi MC Jotinha? Conheça sua trajetória

MC Jotinha começou a cantar em 2008, quando tinha 4 anos de idade. O talento foi descoberto em 2011 pelo empresário e cantor de funk MC PR. O empresário levou o jovem para fazer uma participação na música Poxa vida, hein, wow, do MC Roba Cena. Apesar de seu nome não costumar ser lembrado por essa participação, a sua voz fez muito sucesso.

Em 2013, o empresário decidiu dar uma grande oportunidade ao jovem talento, que regravou uma música de MC PR, chamada Kika uma vez, kika de novo. A gravação foi colocada de forma aberta para que DJs pudessem fazer remixes.

Já em 2014, MC Jotinha gravou um novo sucesso. A música Mentiroso ficou muito conhecida no Rio de Janeiro, Espírito Santo e Minas Gerais.

Depois de alguns anos sem nenhum hit, MC Jotinha voltou a fazer sucesso em 2018, mas, dessa vez, a expansão foi nacional. A música Kika uma vez, kika de novo começou a ser muito usada por DJs e uma versão produzida pelo Kurinin foi lançada em 2019. Atualmente, esta versão também produzida pelo canal KondZILLA  já tem quase 6 milhões de visualizações.

Confira alguns dos sucessos de MC Jotinha

Uma das recentes produções de MC Jotinha foi a música Camisa de Time, lançada neste ano. A música, até o momento, tem 60 mil visualizações.

Gravadora lamenta a morte do artista

A gravadora Master Gold, que produzia as músicas de MC Jotinha, fez um comunicado oficial em seu perfil no Instagram lamentando a morte. “A empresa encontra-se de luto, juntamente com a família do artista, que, tão jovem, foi responsável por hits nacionais como Kika uma vez, kika de novo, dentre outros”, escreveram.

Outros funkeiros que morreram

O trágico fim da carreira de MC Jotinha não foi o único nesse meio do funk. Outros artistas também morreram e, alguns, também assassinados a tiros.

Felipe Wellington, famoso por seu nome artístico Felipe Boladão, morreu em 2010. Ele estava com o DJ Felipe Silva Gomes esperando uma carona para fazer um show quando ambos foram assassinados a tiros. Eles tinham 20 anos e nenhum suspeito foi encontrado.

Daniel Pelegrine, mais conhecido como MC Daleste, foi morto a tiros, em 2013, durante um show em Campinas (São Paulo). O jovem tinha 20 anos e, por falta de provas, o crime foi arquivado. Neste ano, o pai do artista, em entrevista ao Cidade Alerta, afirmou que deseja descobrir quem matou seu filho e que a morte foi encomendada por 20 mil reais.

MC Kevin morreu no dia 16 de maio deste ano, após cair do quinto andar de uma suíte de um hotel na Barra da Tijuca (RJ). O cantor tinha 23 anos e, apesar de depoimentos contraditórios de algumas pessoas envolvidas no acontecimento, o inquérito concluiu que o ocorrido foi um acidente. O caso deve ser arquivado.

Agora, MC Jotinha faleceu em decorrência de tiros.

_______________________
Por Giovana Rodrigues – Redação Fala!

Tags mais acessadas