Estudar à distância pode ser boa alternativa, mas exige cuidados
Menu & Busca
Estudar à distância pode ser boa alternativa, mas exige cuidados

Estudar à distância pode ser boa alternativa, mas exige cuidados

Home > Universidades > Estudar à distância pode ser boa alternativa, mas exige cuidados

Manter-se atualizado, estar sempre disposto a buscar conhecimentos e acompanhar as crescentes tendências mercadológicas são grandes desafios para algumas pessoas. Nesse quadro, como fatores dificultadores, estão: a correria cotidiana, a falta de tempo e os afazeres profissionais e domésticos. Devido a isso, algumas pessoas recorrem à educação à distância a fim de realizarem suas metas.

ead
Estudos à distância valem a pena? | Foto: Reprodução.

Quando alguém decide, por necessidade ou preferência, realizar seus estudos a distância – seja uma graduação, pré-vestibular, uma escola de idiomas ou mesmo um curso livre – é preciso considerar os prós e os contras da modalidade.

Ao tornar-se consciente das vantagens e desvantagens da escolha, você aprende a lidar melhor com a experiência e, consequentemente, a aproveitá-la ao máximo.

Quais os contras do ensino à distância?

Inicialmente, atente-se aos contras na hora de decidir começar os estudos à distância. O aluno que opta por essa metodologia de ensino deve ter em mente que não haverá um professor ao seu lado, presencialmente, para tirar dúvidas ou promover um debate em sala.

Dessa forma, o contato interpessoal apresenta-se significativamente reduzido, o que pode ser bem ruim para pessoas muito comunicativas.

E, atenção! Se você não for compenetrado o suficiente para gerenciar o tempo, a tarefa de assistir aulas via internet pode ser bastante complicada. Tenha noção que não se pode deixar o estudo em segundo plano, logo, priorize-o. 

Além disso, cuidado com as distrações domésticas. Televisão, computador e celular podem ser grandes aliados na Era da Informação, contudo, deve-se ter cautela e não deixar que estes aparelhos consumam 100%  do seu precioso tempo.

Não é proibido utilizá-los, mas tenha moderação e sabedoria. Não desperdice a chance de ser amigo da tecnologia, faça uso sempre que necessário, porém, sem exageros.

E as vantagens?

Na outra face da moeda estão os prós do aprendizado à distância. O primeiro benefício aparece bem antes dos estudos em si. Para quem mora distante dos grandes centros urbanos, o deslocamento de casa até a faculdade pode ser bastante demorado e desgastante.

Assim, muitos precisam realizar baldeações e contam com um ineficiente serviço dos transportes públicos que, muitas vezes, não têm ar condicionado, ficam superlotados e partem com atraso.

Nesse âmbito, estudar à distância pode poupar o tempo que seria gasto na ida e na volta e, no lugar dele, investir em si mesmo, tanto no campo pessoal como no profissional.

Fique tranquilo, falatórios, conversas paralelas e interrupções durante as aulas estarão fora de cogitação. Você não vai mais precisar se preocupar com aquele coleguinha que atrapalha a aula o tempo todo com observações desnecessárias ou óbvias sobre a matéria.

Em contrapartida, você pode se encontrar semanalmente com amigos que, assim como você, estudam à distância e, dessa forma, todos se ajudam e, de vez em quando, o processo de aprendizado pode ficar mais animador e um pouco mais dinâmico que o habitual.

Outro atrativo é a flexibilidade do estudo. Cada pessoa dita o seu próprio ritmo de acordo com sua rotina e disponibilidade. Assim, é possível organizar o seu dia da forma como lhe convir e ainda sobrar tempo para curtir a família e os amigos e descansar. O mais incrível é a possibilidade de acessar o conteúdo das aulas em qualquer meio digital – computador, notebook, celular e  tablet – como e onde você estiver.

O estudo à distância é capaz de fomentar o senso de responsabilidade e, assim, desenvolver importantes competências no indivíduo. E, chegando ao final do time dos prós do estudo a distância, está o preço da mensalidade que mostra-se bem abaixo do que o valor de um curso presencial, principalmente uma graduação, por exemplo.

Confira 6 dicas valiosas que podem te ajudar:

  • Recorra, diariamente, às agendas, planilhas e listas de tarefas por ordem de prioridade. Isso fará com que você otimize o tempo e evite a procrastinação.
  • Divida seu dia com sabedoria: reserve um momento para assistir às aulas, ler o conteúdo e resolver os exercícios propostos.
  • Semanalmente, faça uma auto-análise. Veja se conseguiu cumprir pequenas metas, como ler algumas páginas de um livro e mentalize metas maiores, como a conquista do diploma. Fazer isso irá te motivar a persistir em seus objetivos sem desanimar.
  • Escolha um local apropriado para estudar. Iluminação, barulho e organização são aspectos que merecem ser considerados.
  • Utilize todos os recursos disponibilizados na plataforma da Instituição, tais como fóruns, e-mail e monitorias.
  • Procure conversar com pessoas que têm o mesmo estilo de vida que você, isso faz com que você se sinta acolhido e menos solitário.

Afinal, vale a pena?

Agora, ao final da matéria, fica claro que estudar à distância tem suas adversidades. Mas, por outro lado, tem muitas vantagens. Então, se houver disciplina e determinação, acima de tudo, é possível chegar aonde quiser. 

É só organizar direitinho que todo mundo estuda, trabalha e se diverte. Portanto, se você é o tipo de pessoa responsável que sabe dividir o tempo e focar no seu objetivo, vale a pena sim estudar à distância.

____________________________________
Por Ana Paula Jaume – Fala! UFRJ

Tags mais acessadas