Demi Lovato lança música de cunho político e pede a fãs que votem
Menu & Busca
Demi Lovato lança música de cunho político e pede a fãs que votem

Demi Lovato lança música de cunho político e pede a fãs que votem

Home > Entretenimento > Famosos e TV > Demi Lovato lança música de cunho político e pede a fãs que votem

A cantora Demi Lovato divulgou hoje (14) sua nova música, Commander in Chief. Na letra, a cantora afirma que, se fizesse as coisas que Trump faz, não conseguiria dormir

Demi Lovato
Demi Lovato lança música voltada diretamente ao presidente americano, Donald Trump. FOTO: Reprodução.

Nesta madrugada (14), a ex-Disney Demi Lovato lançou sua nova música, Commander in Chief. A letra é dirigida ao presidente americano, Donald Trump, e sua resposta à crise do coronavírus e os assassinatos de George Floyd e Breonna Taylor.

Na letra, que Demi escreveu com Julia Michaels, Finneas, Justin Tranter e Eren Cannata, a artista pergunta se o presidente sequer sabe o que está acontecendo no mundo. “Estamos em um estado de crise, pessoas estão morrendo enquanto você alinha seus bolsos profundamente”.

“Houve diversos momentos em que eu quis escrever uma carta ao presidente Trump ou sentar com ele, cara à cara, para fazer essas perguntas”, a cantora afirmou em entrevista para a CNN.

Em suas redes sociais para divulgar o single, Lovato pediu aos seus fãs que votem. As eleições estadunidenses ocorrerão no dia 3 de novembro.

“Estou chamando todos vocês, por favor se unam a mim na votação para a eleição desse ano.”.

Demi Lovato afirmou que fez a escolha consciente de usar a sua plataforma para falar sobre injustiça, fazendo parte de uma onda de artistas das mais novas gerações que são mais ativos politicamente. De acordo com a cantora, ela não está procurando dividir a população com as letras, mas encorajar seus fãs a permanecerem engajados.

Você é condenado se você é [politicamente ativo], você é condenado se não é. Você pode listar Taylor Swift como o exemplo perfeito… por anos ela foi condenada por não defender certas causas e agora ela virou muito política e as pessoas também estão infelizes com isso.

Finneas, irmão de Billie Eilish e produtor de Commander in Chief, elogiou a cantora por tomar partido. “Eu acho que as pessoas subestimam a coragem que é necessária para publicar uma música como essa quando se tem uma plataforma tão grande quanto a de Demi. Mas tenho certeza que, se você a perguntasse, ela diria que era sua responsabilidade.”.

____________________________________________
Por Domitilla Mariotti – Redação Fala!

Tags mais acessadas