Como a menopausa afeta o corpo de uma mulher?
Menu & Busca
Como a menopausa afeta o corpo de uma mulher?

Como a menopausa afeta o corpo de uma mulher?

Home > Lifestyle > Saúde > Como a menopausa afeta o corpo de uma mulher?

A menopausa é uma fase muito delicada na vida de uma mulher. As alterações hormonais que ocorrem nesse período ocasionam mudanças profundas no nosso corpo. Para entender um pouco melhor sobre isso, conversamos com a Dra. Juliana Jansen, médica ginecologista especializada em Climatério e Menopausa e membro da Sociedade Internacional de Menopausa.

Mas o que é a menopausa?

É quando os ovários param de produzir óvulos e hormônios e, consequentemente, a mulher para de menstruar, e não tem mais a possibilidade de engravidar. Isso acontece por volta dos 51 anos, embora diversos fatores contribuam para o adiantamento ou retardamento desse processo.

“A menopausa acontece porque, quando estamos em processo de desenvolvimento, ainda como fetos, lá se formaram nos ovários todos os folículos primordiais, as células que se tornarão óvulos. Quando nascemos, todos os nossos óvulos já estão ali pré-formados, e uma hora, eles acabam”, esclarece a doutora.

Com a menopausa, a mulher não tem mais a produção dos hormônios femininos, principalmente o estrogênio, a progesterona, e também a testosterona. E isso vai impactar na saúde da mulher como um todo, já que os hormônios femininos atuam em todo o corpo da mulher. 

Como é esse processo? 

Ele acontece aos poucos, através de uma fase de transição chamada de Climatério, ou também perimenopausa, em que os ovários, aos poucos, vão parando de funcionar. Essa fase já pode ter alguns sintomas, como a irregularidade menstrual e eventuais ondas de calor, mas a mulher ainda tem a possibilidade de engravidar, embora seja algo mais raro.

menopausa
Conheça os sintomas da menopausa. | Foto: Reprodução.

Quais são os principais sintomas da menopausa? 

Os sintomas mais comuns, entre outros, são: 

  • Ondas de calor (fogachos) e sudorese
  • Irritabilidade e alterações de humor
  • Insônia
  • Sintomas depressivos
  • Ressecamento vaginal

Principais impactos da menopausa na saúde de uma mulher

“Os hormônios femininos atuam no corpo da mulher como um todo, eu digo que é da ponta do cabelo até a ponta do dedo do pé. Então, ela vai ter alterações em relação a todos esses órgãos que eram regidos por esses hormônios”, explicou a doutora.

Os sintomas podem ser divididos em comportamentais, físicos e geniturinários. Os sintomas comportamentais da menopausa podem ser alterações de humor, irritabilidade, sentimentos de tristeza ou depressão, alterações no sono, entre outros.

Já os sintomas físicos, podem variar: há uma alteração na distribuição da gordura corporal, concentrando-se mais na região do abdômen e do tórax. Além disso, a falta de hormônios femininos causam uma perda do contorno feminino do corpo e da relação cintura-quadril. Na pele, a mulher pode sofrer algum ressecamento por causa da perda de colágeno e elastina, que são normalmente melhoradas pelo estrogênio.

A doutora explicou também sobre os sintomas geniturinários da menopausa. “Os tecidos que revestem o aparelho genital feminino podem começar, a partir de alguns anos, a ficarem mais finos, menos resistentes, com menos elasticidade. Então, algumas mulheres podem ter dor durante a relação sexual, podem ter ardência, coceira, sangramentos, ou também sintomas urinários, como perdas de urina ou aumento da frequência urinária.

Existem doenças e distúrbios que são mais comuns após a menopausa? 

Sim. Doenças cardiovasculares podem ser mais comuns a partir da menopausa, visto que o estrogênio é um hormônio que protege o coração, é cardioprotetor. Além disso, a menopausa aumenta o risco de diabetes mellitus e ocasiona uma perda de massa óssea, podendo causar osteopenia e, posteriormente, osteoporose.

Os hormônios também atuam nas células das nossas cartilagens, causando alterações na menopausa, então, dores nas juntas são uma queixa comum entre as mulheres que já passaram pela menopausa. Também, já existem trabalhos mostrando uma relação entre a função hormonal e a parte cognitiva, então é possível associar a menopausa a desordens cognitivas, como a demência e o mal de Alzheimer, por exemplo. 

Como aliviar os sintomas do Climatério e menopausa? 

Os sintomas podem ser tratados com a terapêutica hormonal, ou a terapia de reposição hormonal. Por exemplo, em relação a ondas de calor, calorões, o alívio é em torno de 90%. Os outros sintomas também têm uma melhora bem importante.

Só é necessária uma avaliação por um médico se essa paciente não tem contraindicações para esse tipo de tratamento, como históricos de câncer de mama, infarto cardíaco, derrame cerebral e trombose. Caso ela tenha, existem tratamentos alternativos ou complementares, com certos medicamentos, como antidepressivos, por exemplo.

Existem também medicamentos fitoterápicos, que são à base de plantas, e alguns tratamentos alternativos, como yoga, acupuntura, técnicas de relaxamento e terapia cognitiva comportamental. 

________________________________
Por Malu Jansen – Fala! Cásper

Tags mais acessadas