Menu & Busca
O quentíssimo mercado de eventos universitários no Brasil

O quentíssimo mercado de eventos universitários no Brasil


Em meio ao período de recessão econômica e crises políticas no Brasil, o mercado de eventos e festas – importante setor para economia nacional – vem despontando nos últimos anos, sendo hoje o segundo maior mercado no país. Segundo a Associação Brasileira de Empresas e Eventos (ABEOC), esse segmento cresce, em média, 14% ao ano.

O mercado de eventos e festas cresce em média 14% ao ano.

Aproveitando essa ascenção, alguns negócios apostam nas famosas festas universitárias, como a Mackejada e Anhembixos, atraindo um público que, até então, não era considerado um importante alvo para para as grandes empresas, ou mesmo para a mídia.

economiadas mackenzie
Economiadas (2017), Universidade Mackenzie.

No passado, as associações atléticas acadêmicas, historicamente as maiores responsáveis por organizar eventos universitários, encontravam dificuldades para estruturar eventos de grande porte, mas com o crescimento do mercado universitário, os eventos ganharam uma outra dimensão, incluindo cada vez mais gente, mais artistas, mais lugares, mais relevância, e claro, mais dinheiro.

Hoje as associações de estudantes podem obter suporte e parceria de empresas especializadas no ramo de eventos, que oferecem mais facilidade durante a elaboração de grandes projetos.

CONFIRA AS MELHORES FESTAS UNIVERSITÁRIAS DE SETEMBRO

E engana-se quem pensa que as empresas responsáveis por movimentar o setor de eventos no meio universitário fazem apenas festas de formatura. Shows, cervejadas, bailes e festas tradicionais são só alguns exemplos de uma extensa lista de possibilidades.

Renata Artiseveshis, uma das organizadoras da Mackejada, festa-cervejada tradicional da Universidade Mackenzie, comenta que o ponto crítico que merece mais atenção é a segurança do público.

“Nós sempre buscamos priorizar que não tenha nenhum tipo de agressão ou bens furtados.”

Renata Artiseveshis, uma das organizadoras da Mackejada.

Os canais de comunicação, como Instagram e Facebook, também merecem destaque. “É através dessas ferramentas que a Agência Trópica faz todo o marketing digital das edições”, diz Renata. A Agência Trópica é responsável por fazer o gerenciamento das redes sociais da A.A. Eugênio Gudin, atlética de Economia do Mackenzie.

mackejada
Mackejada, Universidade Mackenzie.

Já os os pontos de vendas da Mackejada acompanham um perfil moderno e dinâmico. “Atualmente, as vendas de ingressos são realizadas através da plataforma Blacktag, de pontos de venda como o Bar MAFU (localizado próximo ao Mackenzie), e dos diretórios parceiros e membros das entidades de apoio”.

Fundada em 2012, a BlackTag nasceu da idéia de simplificar as finanças da comissão de formatura, fazendo isso de uma forma prática, segura e transparente. “Nós fomos a primeira empresa a acreditar e focar no mercado universitário’’, relata Cauê Tozati, diretor de inovação e tecnologia da Pixel Solutions, empresa responsável pela área de operação da BlackTag.

A plataforma nasceu de uma necessidade. Em certa ocasião, os sócios fundadores Marcello e Gabriel leveram mais de 2 horas para conseguir entrar em uma cervejada! Ali eles tiveram a ideia de criar a BlackTag. De lá pra cá, a empresa cresceu exponencialmente, investiu em tecnologia e evoluiu em Sistemas e Processos, garantindo novidades constantes no setor.

blacktag
Grupo Blacktag.

“Este ano lançamos oficialmente o sistema para as comissões de formatura, mas já estávamos trabalhando neste projeto há mais de um ano, então as mudanças são constantes”, revela Tozati.

“Hoje a BlackTag é um canal universitário/jovem do grupo, mas com segmentação diferente, por isso estamos trabalhando nessa integração, que visa gerar ainda mais valor para todos. É um processo mais longo, mas que já está mostrando resultados”.

acrescenta Tozati.

O ano de 2019 foi fundamental para a BlackTag se estabelecer no cotidiano de seu público, principalmente com sua plataforma digital, a primeira incluir todo o sistema financeiro, reserva de mesa on-line, entre outras funções.

“Hoje, o formando não precisa mais ligar pra ninguém caso esqueça de pagar um boleto, basta ele acessar a plataforma e gerar uma segunda via com um clique. Nós sempre trabalhamos muito para que nossos clientes aproveitem seu tempo com o mais importante: o evento” explica o diretor da Pixel.

Embora a BlackTag seja um marketplace, a empresa não se restringe e trabalha para buscar resultados também nos setores de Venda, Marketing, Controle de Acesso, Gestão Financeira e Cobertura Multimídia.

“Hoje, a BlackTag atende todas as etapas da vida acadêmica dos universitários. A começar pela cervejada dos bixos, passando pelas festas e Jogos, até chegar ao momento mais importante: a formatura“, destaca Tozati.

cauê tozati blacktag
Cauê Tozati.

Com atuação em duas principais áreas, a de Jogos e a de Festas, a BlackTag reconhece as dificuldades lógicas que cada uma delas propõe. “Os Jogos são mais intensos que os eventos. Tem toda uma preparação de logística, equipamentos, etc. É um processo que começa muito antes do evento começar, e no geral demanda uma equipe maior”.

A BlackTag está no processo de fusão com a Ingresse, grupo que já inclui empresas como a Ingresso Certo, Pixelticket e Foodpass. “A Ingresse mudou seu plano de negócio e virou um grupo com outras empresas do mesmo ramo o que traz uma credibilidade enorme pro mercado e nos ajuda a alcançar melhores resultados’’, comentou Tozati.

O mercado proporciona muitas possibilidades de expansão para as empresas envolvidas, mas o público jovem de hoje em dia é rigoroso e exige sempre o que há de mais moderno, tornando o campo ainda mais desafiador.

Para Tiago Panela, diretor da Usina Universitária, empresa que idealiza e produz eventos relacionados ao mundo universitário, é necessário viver em constante busca por novas parcerias, fornecedores de qualidade, serviço de qualidade atendimento e atlética para surpreender o público.

Tiago panela, Usina Universitária.
Tiago Panela.

“É preciso sempre buscar cidades sedes ideais para cada formato de jogo, já que é de extrema importância que a cidade seja adequada para comportar esse determinado estilo de evento”, aponta. A lógistica dos eventos precisa considerar também as instituições envolvidas no processo.

Tozati, da BlackTag, garante: “eventos são o nosso dia a dia, então acabamos sempre melhorando os processos para que todos sempre estejam satisfeitos: entidades, produtoras e clientes.”

Assim como o mercado de festas e eventos, o ensino superior no Brasil também está passando por várias mudanças com a adesão de modalidades de Ensino à Distância e novas necessidades impostas pela Economia Digital. A resposta das empresas e faculdades é adequar a sua oferta á essa realidade.

“Todo jovem deve ter a oportunidade de ingressar na universidade, para se desenvolver e estar preparado para o mercado de trabalho, tendo grandes conquistas acadêmicas e profissionais”, declara Tales Rodrigues, gerente sênior de estratégia comercial e transformação digital do Santander Universidades.

O Santander é uma das empresas que mais investe em educação, de acordo com um estudo da Fundação Varkey em colaboração com a Unesco. Através de sua divisão ‘Santander Universidades’, o banco já investiu mais de 31 bilhões de reais em diversos setores universitários espalhados no mundo e já distribuiu mais de 14.000 bolsas de estudos e emprego desde 2015.
Esse ano, o Santader pretender distribuir mais de 4.600 bolsas.

“Temos o foco de ajudar o jovem a prosperar, acompanhando e apoiando desde a sua formação até a inserção no mercado de trabalho. E além do jovem, temos foco em toda a cadeia universitária, apoiando professores e funcionários das universidades”.

afirma Rodrigues. 

Os universitários representam um público potente, ao mesmo tempo exigente e vantajoso. Com a atuação de empresas como a BlackTag e o Santander, esse contexto frutífero está proporcionando oportunidades únicas para as marcas e os estudantes.

anitta
Anitta no Bota Fora – Invasão dos Bixos.

O mercado universitário tem boas projeções para o ano de 2019, com um cenário gigantesco a ser explorado. O sinal está verde para negócios que apostam nos universitários.

AS PRINCIPAIS FESTAS DE CADA FACULDADE DE SP

ESPM: Lúcio | Festa do Branco | Sleepover

MACKENZIE : Bota Fora | Mackbixos | Mackejada

USP: Festeca | Peruada

PUC: Filhos da Puc | Vai Bixo! | Advogado do Diabo

CÁSPER: Pororoca | Dezembeer | Marquesa

ANHEMBI: Anhembixos | Poderoso Chefão 

FGV : Gioconda Venuta | Gvjada

INSPER : Montecarlo | Madrelisa 

BELAS ARTES: Vaca na Colméia | Ferruada

Quer se tornar um colaborar e escrever para o fala?
Saiba como

0 Comentários

Tags mais acessadas