segunda-feira, 17 junho, 24
HomeFamosos e TVMC Pipokinha se desculpa após fala polêmica sobre professores

MC Pipokinha se desculpa após fala polêmica sobre professores

Quando o assunto é a vida particular de alguma pessoa famosa, as notícias se espalham rapidamente. Esse também foi o caso da funkeira MC Pipokinha, que não escapou das críticas de diversos usuários das mais variadas redes sociais.

Do Twitter ao Instagram e até mesmo vídeos do Youtube comentam sobre o caso envolvendo o nome de MC Pipokinha: uma fala debochada a respeito dos salários dos professores do Brasil.

Durante uma live em uma de suas redes sociais, a cantora fez pronunciamentos para lá de polêmicos, que renderam muita discussão no mundo do entretenimento.

Ficou com vontade de conhecer mais sobre o assunto, não é? Então, você não pode deixar de conferir abaixo o conteúdo de hoje! Saiba tudo sobre a polêmica de MC Pipokinha, sua carreira, revelações e muito mais! Siga em frente com a leitura para não perder!

MC Pipokinha vem acumulando polêmicas já no início de sua carreira musical
MC Pipokinha vem acumulando polêmicas já no início de sua carreira musical. | Foto: Reprodução do instagram da cantora.

Afinal, o que aconteceu?

MC Pipokinha estava começando a ser notada na mídia quando, de repente, viu sua carreira sofrer um forte abalo.

Tudo teve início no dia 7 de março deste ano (2023). Em uma live no Instagram, uma fã da funkeira disse que brigou com sua professora para defender a cantora.

Imediatamente após ler o relato da fã, MC Pipokinha disse o seguinte:

“Coitada, deixa ela. Meu baile tá R$ 70 mil, 30 minutinhos em cima do palco eu ganho R$ 70 mil. Ela não ganha nem R$ 5 mil pra ser professora, às vezes. Tem que estudar muito e gostar muito da profissão.”

A fala repercutiu de maneira veloz e desastrosa. Foi assim também que começou uma onda de “cancelamento” contra a funkeira, na qual muitas atitudes polêmicas de seu passado foram resgatadas e vieram à tona.

O pedido de desculpas

Após a fala de MC Pipokinha em resposta à fã, muitos não gostaram do que foi dito, e alegaram que a funkeira se pronunciou claramente em tom de deboche, desrespeitando uma profissão tão difícil e desvalorizada como a dos professores no Brasil.

Dessa forma, a funkeira não teve outra saída a não ser ir às redes sociais e se desculpar pelo que disse.

Confira o pedido de desculpas na íntegra:

“Salve, pessoal! Presta atenção… Primeiramente, queria pedir desculpas a todos vocês e aos professores. Fui mal interpretada pelo o que falei. Se eles se sentiram ofendidos comigo, peço muitas desculpas. Eu estava sofrendo muitos ataques, que não vieram na mídia, então, no calor da emoção, eu falei aquilo mesmo. Mas em nenhum momento eu quis ofender os professores. Não foi minha intenção. É isso, família, espero que tenham entendido!”.

As consequências das falas polêmicas

Além das falas de MC Pipokinha terem virado o assunto do momento nas redes sociais e no mundo do Funk brasileiro, é preciso lembrar da famosa terceira Lei de Newton: para toda ação, existe uma reação.

Assim sendo, a MC teve não apenas o seu nome manchado e mergulhado em um mar de críticas, como também o ato pode significar o início do fim de sua carreira musical.

Isso se deve ao fato de que ao menos 7 shows da funkeira foram cancelados. Rio Grande do Norte, São Paulo, Distrito Federal, Minas Gerais, Santa Catarina, Roraima e Espírito Santo são os estados nos quais haviam shows agendados, mas, agora, não existem mais.

Até onde se sabe, os shows nas seguintes cidades foram cancelados:

  • Natal ( RN ) – 09 de março de 2023
  • Balneário Camboriú ( SC ) – 10 de março de 2023
  • Boate do DF ( DF ) – 10 de março de 2023
  • Cariacica ( ES ) – 10 de março de 2023
  • Ariquemes ( RO ) – 14 de março de 2023
  • Festival de Pouso Alegre ( MG ) – 14 de março de 2023
  • Araraquara ( SP ) – 15 de março de 2023

Quem é MC Pipokinha?

Doroth Helena de Sousa Alves, mais conhecida pelo nome artístico MC Pipokinha, é uma funkeira que nasceu na cidade de Tubarão, em Santa Catarina, em 17 de agosto de 1998.

Segundo fontes, a MC tem uma filha que mora com os avós e recebe suas visitas com frequência.

Sua carreira começou em 2020 e hoje ela é dona dos hits “Bota na Pipokinha”, “Beat do Mario Bros” e “Eu sou a MC Pipokinha”.

A cantora soma mais de 1 milhão de ouvintes na plataforma Spotify.

Relembre outras polêmicas envolvendo MC Pipokinha

Não, a lista de polêmicas com o nome da funkeira não terminou. Veja abaixo mais algumas atitudes que deram o que falar nas redes sociais:

1. Roupas e atos explícitos durante shows

Nas performances de MC Pipokinha, o que o público sempre podia notar eram seus figurinos ousados e atos obscenos praticados em cima dos palcos.

Poses e danças de cunho sexual estão sempre presentes.

O problema é que, em alguns momentos, a MC parece “fortalecer” e distorcer a verdade sobre os crimes de estupro e abuso. O que nos leva para o próximo tópico:

2. Romantização do estupro e da violência contra a mulher

Pois é. Pode parecer estranho uma mulher romantizar atos violentos, como abusos e estupro, mas foi exatamente isso que MC Pipokinha fez durante uma passagem por um Podcast.

O podcast foi gravado e no Youtube o vídeo pode ser conferido por completo. Porém, o trecho mais polêmico foi quando a funkeira disse que a culpa de uma mulher sofrer abuso é dela mesma, se ela não tem coragem de ‘bater de frente’ com o assediador.

A solução dada pela MC foi: “não use roupa curta se você sabe que isso vai acontecer” e “não tem força suficiente para ir contra o homem”.

3. Desmerecer mulheres que tiveram filhos em vários relacionamentos

Também no podcast, MC Pipokinha disse, com ar de superioridade, que uma mãe que teve “cada filho de um homem diferente” tinha sua moral comprometida por ela mesma.

E agora que você sabe de tudo que rolou, o que achou dessa polêmica toda? Continue acompanhando o conteúdo do Fala Universidades para ficar por dentro das notícias que estão em alta!

____________________________________
Por Maísa Siena – Fala! Universidade Cruzeiro do Sul

ARTIGOS RECOMENDADOS