Crônica: O sabor dos nossos medos
Menu & Busca
Crônica: O sabor dos nossos medos

Crônica: O sabor dos nossos medos

Home > Notícias > Urbano > Crônica: O sabor dos nossos medos

Por Eduarda Smilari – Fala! Mackenzie

Eu não sei explicar muito bem, e descobri que cada vez menos consigo.

Perdi o controle das minhas mãos,

Dos meus passos,

Cheguei a escorregar no meu próprio pé mais de uma vez.

Talvez o que eu vá escrever, seja um pouco mais melancólico, e todos que lerem fiquem um pouco mais de dois minutos para entender cada frase. 

Desculpa, não é minha culpa.

 Eu também demorei para entender.

Eu chorei muitas vezes e me senti desprovida de forças para erguer meus ombros pesados,

Tive saudades e pensamentos que talvez nunca me imaginei a ter.

Senti a dor, 

E pela primeira vez não consigo a descrever com algumas frases feitas ou cuidadosamente pensadas.

Minha euforia da vida, se transformou, muitas vezes , em puras ilusões.

Cobrei da minha pele puxões para testar até onde minha elasticidade aguentava.

Senti a solidão mais de perto, a escuridão nos meus olhos me cobriram de medo.

O começo se tornou mais difícil, 

Para mim o único começo que já tive de escolher 

era qual sabor de bolo eu mais gostaria.

Hoje, me dizem que preciso

escolher que caminho da vida tomar,

Mas eles não entendem,

Que sinto a vida,

Ainda como um sabor.

Crônica: O sabor dos nossos medos
Crônica: O sabor dos nossos medos

1 Comentário

  1. Daniela Morrone
    1 ano ago

    Lindo texto

Tags mais acessadas