Coronavírus: Prefeitura de Salvador anuncia lockdown parcial Coronavírus: Prefeitura de Salvador anuncia lockdown parcial
Menu & Busca
Coronavírus: Prefeitura de Salvador anuncia lockdown parcial

Coronavírus: Prefeitura de Salvador anuncia lockdown parcial

Home > Lifestyle > Saúde > Coronavírus: Prefeitura de Salvador anuncia lockdown parcial

A Prefeitura de Salvador anunciou, nesta quinta-feira (7), o isolamento obrigatório de moradores de alguns bairros da capital. A medida é para evitar a disseminação do novo coronavírus, assim evitando a sobrecarga do sistema de saúde.

A determinação passa a valer a partir deste sábado (9) nos bairros Plataforma, Joana Angélica, Sete de Setembro e Boca do Rio. A princípio, o bloqueio deve durar cerca de sete dias, podendo ser estendido. Os trabalhadores de serviços essenciais devem sair de casa com comprovante para poder exercer as atividades.

Alguns serviços essenciais continuam funcionando, como mercado, farmácias e postos de gasolina. Só se deve sair de casa em caso de necessidade grande, como de trabalhadores essenciais. Quem for pego furando o lockdown pode ser multado ou sofrer advertências. 

De acordo com a Secretária de Mobilidade, o transporte público não sofre alterações, a população tem acesso aos meios de condução.  A interdição do transporte nessas regiões, acontece das 7h às 19h. Moradores,  com a apresentação do comprovante de residência, poderão acessar a qualquer hora do dia.

O prefeito, ACM Neto(DEM), explicou ainda que outros locais da cidade ainda precisam de ajustes.

Não dá para fechar o trânsito na Lima e Silva e em Feirinha porque se não para a cidade. Espero que essas medidas possam ter um caráter pedagógico. Por isso, terão toda a atenção da prefeitura. Vamos estar dialogando com os moradores e queremos que isso seja um modelo. A partir daí, a operação vai sendo ampliada, até que a gente tenha condições de inspirar outros bairros para evitar que, no futuro, seja necessária uma medida mais dura. Para que essa palavra, lockdown, não precise fazer parte do nosso vocabulário.

Falou ACM
Lockdown
Prefeito ACM Neto em pronunciamento. | Foto: Reprodução/YouTube.

A Pituba é o bairro com o maior número de infectados em Salvador. Na segunda-feira (4), a Secretaria Municipal da Saúde divulgou a lista das regiões mais afetadas da cidade. Na Pituba, são 65 casos confirmados, sendo seguida por Brotas (52), Patamares (37), Bonfim (31), Federação (29), Liberdade (25), Engenho Velho de Brotas (24), Imbuí (24), e Uruguai (24).

Até a manhã desta quarta (6), Salvador estava com 128 leitos de UTI e 238 leitos clínicos ocupados. Juntos, município, estado e rede privada oferecem 489 acomodações de UTI e 444 clínicas. Até a manhã desta quarta, havia 2.599 casos confirmados do novo coronavírus apenas em Salvador. Em toda a Bahia, são 4.247 pacientes. 

Lockdown total ainda é uma possibilidade

Depois de anunciar os bloqueios na quarta-feira (6), o prefeito ACM Neto não descartou a possibilidade trazer a medida para toda capital.

“O lockdown total foi tratado como uma hipótese durante reunião entre a prefeitura e o governo do estado na segunda-feira (4). No entanto, o diálogo vem acontecendo diariamente e, se for preciso, vamos adotar as medidas necessárias. Vamos observar o comportamento das pessoas durante o isolamento que faremos de algumas áreas da cidade, a partir de sábado, e então analisar se haverá a necessidade de estender a ação para toda a cidade”, comentou

O transporte público também passará por alterações porque houve um aumento no número de passageiros na última semana. Antes, apenas 28% dos usuários estavam usando o sistema, mas esse número saltou para 35% nos últimos dias. A maior circulação de pessoas justamente quando o vírus está mais ativo na cidade preocupa as autoridades.

____________________________________
Por Leonardo Almeida – Fala! UFBA

Tags mais acessadas