“Amazônia”: por que você deve visitar a exposição de Sebastião Salgado
Menu & Busca
“Amazônia”: por que você deve visitar a exposição de Sebastião Salgado

“Amazônia”: por que você deve visitar a exposição de Sebastião Salgado

Home > Entretenimento > Cultura > “Amazônia”: por que você deve visitar a exposição de Sebastião Salgado

Lugar para sair em São Paulo é o que não falta. De bares para curtir com os amigos até museus para entender a história, a diversidade é certa. E hoje a dica é boa: tem exposição do Sebastião Salgado rolando no Sesc Pompéia e você precisa correr para aproveitar!

Então, se você está procurando um rolê legal para fazer neste domingo, fica de olho na dica:

A história por trás da exposição de Sebastião Salgado

“Amazônia” consiste em uma coleção de 205 fotografias inéditas no Brasil, que explora toda a beleza da Amazônia e do povo que nela vive.

Para trabalhar no projeto, o fotógrafo passou sete anos conhecendo doze comunidades indígenas isoladas, navegou o Rio Amazonas e seus afluentes e sobrevoou a floresta amazônica.

Foram anos de trabalho para ganhar a confiança das comunidades e conseguir registrar a vida da floresta.

As fotos falam por si. A experiência de cada um ao visitar a exposição é única. Mas é impossível não sentir o fascínio nas fotos, a grandeza da mata, a pluralidade dos povos que nela vivem e até um certo ar de tristeza pelos últimos acontecimentos envolvendo ambos, a Amazônia e as comunidades indígenas.

Amazônia, Sebastião Salgado, esposições em São Paulo, exposição em São Paulo
A exposição “Amazônia”, de Sebastião Salgado, fica disponível até dia 31 de julho. | Foto: o autor.

“Amazônia” só fica em cartaz até 31 de julho

Se interessou e quer ver a exposição? Saiba que ela está disponível gratuitamente no Sesc Pompéia, tem a duração estimada de 90 minutos e no domingo é possível visitar das 10h30 às 18h (com entrada até 16h30).

Hoje é o último dia da exposição, então corra para não perder a oportunidade de ver tudo isso de pertinho.

Deixando as obras, ainda é possível aproveitar um lanchinho na cantina do Sesc, as opções são variadas e o preço super em conta. Sugestão de ouro: prove o caldo do dia, você não irá se arrepender.

Além disso, antes de ir ver a exposição, vale pesquisar um pouco mais sobre a vida e obra de Sebastião Salgado, as fotos ficam ainda mais interessantes com essa bagagem.

__________________________________________

Por Bianca Sousa – Redação Fala!

Tags mais acessadas