Menu & Busca
Futebol 2019: A volta do Brasileirão

Futebol 2019: A volta do Brasileirão


O Brasileirão está de volta e com ele, uma nova fase na temporada dos times que disputam um dos campeonatos mais acirrados do mundo todo. As expectativas são as mais variadas: qual time volta mais forte? Qual contratou melhor? Quem vai brigar por título? E a disputa pela sobrevivência? Enquanto os torcedores fazem questionamentos, os clubes buscam retornar com o pé direito.

Contratações do Futebol Brasileiro

A parada para a Copa América pode ter sido um alívio, ou até mesmo uma salvação para alguns times. Com quase um mês livre para treinar e recuperar jogadores de contusão, o mercado da bola não ficou parado. E não pense que o fato de estarmos na metade do ano iria impedir que grandes contratações fossem feitas. Principalmente os candidatos ao título se reforçaram com nomes bem conhecidos.

O líder Palmeiras acertou a volta ao Brasil do volante Ramires.

Ramires em sua primeira coletiva pelo Palmeiras. [Imagem: Ricardo Moreira / Estadão Conteúdo]

Depois de passagem vitoriosa pelo Chelsea, conquistando inclusive a Champions League, o jogador que estava na China decidiu que era a hora de voltar ao seu país de origem. Ramires estava sem clube há mais de um mês, depois de rescindir com o Jiangsu Suning e assinou um contrato de quatro anos com o verdão.

Já o Flamengo decidiu abrir os cofres, mais uma vez. Além de anunciar a vinda de Rafinha e Pablo Marí , o time carioca fechou com o meia Gerson por 49 milhões de reais.

Rafinha chega sem custos ao Flamengo. O contrato com o Bayern acabou em Maio e desde então o namoro entre o lateral e o Flamengo foi crescendo até o momento em que sua chegada foi oficializada. Ele inclusive já estreou na goleada por 6×1 aplicada sobre o Goiás.

 Pablo Marí não pôde estrear, mas o meia Gerson já jogou com a camisa do novo clube contra o Corinthians. O zagueiro espanhol, por ser estrangeiro, possui um processo de regulamentação mais demorado. Marí encerrou seu vínculo com o Manchester City e chegou ao Flamengo para ficar até 2022.

Gerson e Pablo Marí oficializados pelo Flamengo. [Imagem: Marcelo Cortes / Flamengo]

Outros times também agitaram o mercado. O Corinthians acertou o retorno do zagueiro Gil, que estava na China. O jogador, que ganhou os Campeonatos Paulista e Brasileiro com o timão, acertou um contrato de seis meses, que pode ser estendido. Buscando suprir a falta de um centro-avante reserva, o São Paulo agora poderá contar com Raniel. O atacante estava no Cruzeiro e chega por uma quantia perto dos 13 milhões de reais, onde apenas 50% do passe do jogador fica com o time paulista.

Mas não é só de compras que se movimenta o mercado. Alguns times também perderam jogadores importantes para o futebol europeu, como o Athletico. O time paranaense vendeu Renan Lodi, que estava desde os seus 13 anos no clube, para o Atlético de Madrid e teve lucro de mais de 80 milhões de reais. Jean Lucas foi outro brasileiro que fez suas malas para o Velho Continente. O volante que estava emprestado ao Santos chega ao Lyon para, assim como Thiago Mendes, ex- São paulo, ajudar a suprir a vaga deixada por Ndombele e o valor da negociação beira os 34 milhões de reais.

Renan Lodi é apresentado no Atlético de Madrid. [Imagem: Oscar del Pozo / AFP]

Volta e briga por título

Com os times reforçados e prontos para mais meio ano de futebol, a volta do brasileirão foi, no mínimo, empolgante. A décima rodada começou com clássicos e no choque-rei, São Paulo e Palmeiras terminaram empatados e os palmeirenses viram a diferença de pontos para o Santos sumir depois de sofrerem sua primeira derrota diante do Ceará, na décima primeira rodada. O Santos que por sua vez ganhou do Bahia fora de casa com um gol salvador de Carlos Sánchez aos 43 minutos do segundo tempo e logo depois, do Botafogo com um golaço de Marinho, resultados que o fizeram encostar na liderança.

Quinteto ofensivo comandou a goleada. [Imagem: Marcelo de Jesus / Raw-image]

Na partida mais empolgante da primeira rodada após a Copa América, o Flamengo goleou o Goiás no Maracanã. Em uma partida fantástica de Arrascaeta (3 gols) e Gabigol (2 gols), o time carioca venceu por 6×1 na maior goleada do ano no campeonato. Já na briga direta contra o rebaixamento Fortaleza e Avaí jogaram no Ceará e o time mandante conseguiu se distanciar do Z4 vencendo a partida por 2×0.

A briga pelo título promete ser intensa. O atual campeão busca o bi campeonato e agora vê sua tabela ser reduzida depois que o time da capital paulista foi eliminado pelo Internacional na Copa do Brasil. Agora sobrando “apenas” Libertadores e Brasileiro os torcedores enxergam como obrigação a conquista dos títulos pelo time que mais gasta e mais contrata por ano.

Inter elimina o Palmeiras nos pênaltis. [Imagem: Ricardo Duarte / Internacional]

Ainda correndo pelas beiradas, times como Santos, Flamengo, Atlético MG e Inter são os mais próximos do líder. Todos, tirando o Santos, possuem pelo menos mais uma competição para disputar, seja Sul-Americana, Copa do Brasil ou Libertadores. E justamente por possuir só uma competição, o time da baixada santista é um dos principais candidatos a ameaçar o bi campeonato do verdão. Os santistas também se reforçaram, trazendo jogadores como Marinho, Uribe e Evandro para que assim possam acabar com a seca de títulos que já dura três anos. Pode parecer pouco se comparado a times como o São Paulo que amarga na lista de espera desde 2012, mas quem é torcedor não aguenta esperar, ainda mais quando o último Brasileirão conquistado pelo Peixe foi em 2004.

A nação rubro-negra é outra que anda insatisfeita com o time. Com um elenco fantástico e um Maracanã lotado a cada jogo do Mengão, o Flamengo precisa da conquista do Brasileirão e da Libertadores, ainda mais depois de ser eliminado em casa na Copa do Brasil pelo Athletico. Porém não basta apenas um ou outro, os flamenguistas querem dominar o futebol sul-americano e a promessa é de que nenhuma das duas competições será deixada como segundo plano.

E como não custa sonhar e acreditar, times com situações mais delicadas não desistiram desta briga. Mesmo com um elenco limitado e com a Sul-americana para se preocupar, o Atlético Mineiro é o quarto colocado, 6 pontos atrás do Palmeiras. Por este motivo, elenco e torcida querem chegar no ponto mais alto da tabela, mas resta saber qual será a prioridade do Galo, disputar um título nacional com candidatos que possuem mais chance de alcançar o sucesso, ou tentar a competição internacional que também garante vaga direta para a Libertadores.

O São Paulo gastou milhões com reforços de peso e viu por mais um ano seu time ser eliminado de todos os mata-matas que disputou, inclusive perdendo a final do Campeonato Paulista para um de seus maiores rivais. Torcida extremamente insatisfeita, uma diretoria ineficiente e o departamento médico cheio, resumem um pouco de como foi o ano do tricolor Paulista até o momento. Agora, assim como o rival Corinthians, a busca por uma das vagas na Liberta é o foco e os dois times terão de usar todas as suas forças para chegar o mais longe possível e talvez até, pensar em título.

Garotos da base resolvem e São Paulo goleia a Chape. [Imagem: Alan Morici / AGIF]

Rebaixamento

Essa é a parte do texto onde nenhum time deseja ser citado, mas a tabela possui vinte times e quatro destes terão um final infeliz. Terminada a décima primeira rodada, Fluminense, Chapecoense, CSA e Avaí são os últimos colocados. Dos quatro times que vieram da segunda divisão, Fortaleza e Goiás são os únicos que, por enquanto, estão salvos, o time goiano inclusive fazendo uma ótima campanha e ocupando o nono lugar com 16 pontos.

CSA e Avaí são os dois que chegaram e dificilmente continuarão ano que vem. Um com 6 e o outro com 5 pontos, respectivamente, mostrando que até agora não existe motivo para sorriso no rosto e que se a situação não mudar rapidamente, o destino dos dois será o pior.

Técnico Vanderlei Luxemburgo em seu primeiro dia de treino pelo Vasco no CT do Almirante. [Imagem: Rafael Ribeiro / Vasco.com.br]

O Vasco até algumas rodadas atrás via sua situação também muito delicada, mas pelo que parece o time carioca já achou a solução de seus problemas, e ela tem nome: Vanderlei Luxemburgo. Desde que assumiu o cargo de técnico em maio o time parece ter se encontrado e nos últimos 4 jogos possui três vitórias, contra Inter, Fluminense e Ceará, e uma derrota, para o Grêmio fora de casa.

O campeonato é longo e o experiente Luxa ainda terá muito trabalho pela frente, assim como Ney Franco técnico da Chape. O time da cidade de Chapecó não vive boa fase e acumula na competição duas vitórias, dois empates e sete derrotas, totalizando 8 pontos. A grande surpresa na parte de baixo da tabela é o Fluminense que apesar de possuir um bom elenco com jogadores como Pedro, Ganso, Nenê e o garoto João Pedro, não se mostra um time potente como se esperava no começo da competição.

A conclusão é que a segunda metade do ano ainda reserva boas surpresas para os amantes de futebol. Muitos brasileiros na Libertadores, uma Copa do Brasil de alto nível e um Campeonato Brasileiro onde todos tentam tirar a hegemonia da maior potência financeira do futebol brasileiro. O semestre terá inúmeros jogos interessantes e cada vez mais, novas personalidades assumem o protagonismo em busca de títulos, mas para quem conhece, o fato do Campeonato Brasileiro ser totalmente imprevisível não é mais uma novidade, então aproveitem e façam suas apostas sobre o destino dos times brasileiros em 2019.

_________________________________
Por Gustavo Caetano – Fala! Cásper

Quer se tornar um colaborar e escrever para o fala?
Saiba como

0 Comentários

Tags mais acessadas