5 curiosidades sobre a série norueguesa de sucesso “Skam”
Menu & Busca
5 curiosidades sobre a série norueguesa de sucesso “Skam”

5 curiosidades sobre a série norueguesa de sucesso “Skam”

Home > Entretenimento > Cinema e Séries > 5 curiosidades sobre a série norueguesa de sucesso “Skam”

Conheça a produção norueguesa que se tornou um grande sucesso mundial

Skam (vergonha, na língua portuguesa) é uma série norueguesa que foi produzida e lançada entre 2015 e 2017. A produção possui, ao todo, 4 temporadas, sendo cada uma delas apresentada para o público sob a perspectiva de um protagonista. A primeira, a segunda, a terceira e a quarta temporadas apresentam como narradores, respectivamente, Eva (Lisa Teige), Noora (Josefine Frida), Isak (Tarjei Sandvik Moe) e Sana (Iman Meskini). O enredo principal da história envolve a amizade de cinco meninas, muito diferentes, que ingressaram no ensino médio e se aproximaram para comprarem, juntas, um ônibus para darem as festas de despedida da escola, uma tradição na Noruega.

Poster original de Skam.
Poster original de Skam. | Foto: Reprodução.

A série norueguesa, criada e dirigida pela cineasta Julie Andem,  aborda as pressões e os medos dos jovens da Noruega, também mostrando como esses adolescentes conseguem vencer dificuldades, fazer reflexões sobre a sociedade e se unirem em prol de visões de mundo em comum. A série mostra como jovens fazem críticas à sociedade e de que forma eles também se colocam no mundo como agentes de transformação. 

Dito isso, conheça, a seguir, 5 curiosidades sobre Skam, que com certeza contribuem para torná-la única e profunda!!

5 curiosidades sobre Skam

1 – Perfis nas redes sociais para os personagens

Um dos pontos fortes de Skam é, sem dúvida, a preocupação da série em contar uma história que realmente se assemelhe ao máximo à realidade. Durante a fase das pesquisas, Julie Andem e seus colaboradores observaram que as redes sociais e a internet estão muito presentes na vida dos jovens. Em função disso, cada personagem da série ganhou um perfil, coordenado e atualizado pela equipe da produção, em algumas das redes sociais mais usadas no período. Assim, as publicações dos personagens nesses perfis contribuíram para aproximar ainda mais a história da nossa realidade. Além disso, essas postagens foram importantes para mostrarem as máscaras dos personagens, ou seja, o que eles desejavam mostrar nessas plataformas digitais e o contraste disso com a vida “real” de cada um deles.

2 – Alguns cenários e elementos da caracterização são de atores/atrizes do elenco

Apesar de ter sido um grande sucesso mundial, inicialmente, a série era pensada como uma pequena produção, voltada para adolescentes de 16 anos da Noruega. Nesse sentido, durante as gravações, alguns cenários e elementos da caracterização pertenciam aos próprios atores/atrizes que integravam o elenco. Um exemplo é o apartamento de Even (Henrik Holm) mostrado na terceira temporada que, na realidade, é do ator Marlon Langeland, intérprete de Jonas na série teen. Além disso, segundo Julie Andem, algumas roupas e acessórios de Marlon Langeland influenciaram significativamente o estilo do seu personagem, pois inspiraram a cineasta a fazer mudanças no que foi inicialmente pensado para o adolescente Jonas. 

3 – Interação com o público

Outra curiosidade que certamente é um dos diferenciais de Skam é a interação com o público. Em diversos momentos, a opinião dos telespectadores ou algo que eles fizeram apareceram em cenas da série. Um exemplo ocorreu na segunda temporada, quando alguns fãs comentaram sobre o uso frequente de efeitos de câmera lenta na produção norueguesa e, em resposta, Julie Andem criou uma cena utilizando esse efeito ao som da música Illest Motherfucker Alive, de Kanye West feat Jay-Z, cuja letra é: I need a slow motion video right now, cause I´m moving in slow motion(em português, “eu preciso de um vídeo em câmera lenta, porque eu estou me movendo em câmera lenta). Já na última temporada, um desenho feito por uma pessoa que assistia à série se transformou em uma cena real da produção, o que mostra o importante papel do público para a construção da história.

4 – Preocupação em fazer a série de uma forma realista

O ator Tarjei Sandvik Moe, intérprete de Isak, tinha 16 anos na primeira temporada da série.
O ator Tarjei Sandvik Moe, intérprete de Isak, tinha 16 anos na primeira temporada da série. | Foto: Reprodução.

Julie Andem teve uma preocupação em escrever o roteiro e criar cenas que fossem similares à realidade de jovens da Noruega. Para isso, foram utilizados alguns recursos que não são muito comuns em outras séries adolescentes famosas, dentre eles, podemos citar: a idade dos atores/atrizes escolhidos para os papéis e a caracterização dos personagens.  É muito frequente vermos em seriados atores e atrizes mais velhos interpretando personagens mais jovens e, normalmente, utilizando muita maquiagem. Surpreendentemente, Skam rompe com esta prática e apresenta atores e atrizes com idade muito próxima – ou até a mesma idade – dos personagens interpretados, com pouco uso de maquiagens. Além disso, espinhas, marcas de suor e manchas também ficam aparentes, principalmente com o intuito de promover a identificação com os jovens retratados.  

5 – Linguagem simbólica

Outra curiosidade sobre Skam está no fato de que a série possui diversas simbologias que, apesar de não serem claramente reveladas, podem ser apontadas e explicadas por meio da história e de características dos personagens. Esses símbolos aparecem diversas vezes nos figurinos da série, por exemplo em um momento em que várias jovens estão usando roupas com tons claros e apenas Sana (Iman Meskini) utiliza uma roupa escura, mostrando um contraste que pode simbolizar a diferença entre os valores e os ideais dessas personagens. Além disso, alguns elementos simbólicos aparecem de outras formas, como armários cheios e bagunçados representando a mente confusa dos personagens ou até alguns alimentos que em determinadas cenas podem ter alguns significados. Ademais, os trailers das temporadas da série também possuem aspectos simbólicos, mostrando cenas com significado e com várias interpretações possíveis, cabendo destacar o trailer da terceira temporada do seriado.

______________________________________________________

Por Camille Magri Garabosky – Fala! Cásper

Tags mais acessadas