Vitória de Hamilton, Mercedes e abandonos no GP da Emilia Romagna
Menu & Busca
Vitória de Hamilton, Mercedes e abandonos no GP da Emilia Romagna

Vitória de Hamilton, Mercedes e abandonos no GP da Emilia Romagna

Home > Notícias > Esporte > Vitória de Hamilton, Mercedes e abandonos no GP da Emilia Romagna

Neste domingo, aconteceu em Ímola, na Itália, o Grande Prêmio da Emilia Romagna, ou para os mais antigos na Fórmula 1, o histórico Grande Prêmio de San Marino. A corrida marcou a volta de Ímola para a categoria pela primeira vez desde 2006, quando Michael Schumacher se sagrou o vencedor. Já a prova deste ano, marcou a 93ª vitória de Hamilton, o 7º título de Construtores da Mercedes, novo pódio de Daniel Ricciardo e alguns acidentes “bizarros”.

GP da Emilia Romagna

A organização da Fórmula 1 realizou um teste para este fim de semana de corrida: não realizar os treinos livres na sexta-feira, permitindo carros na pista apenas em um treino no sábado, antes da classificação. Este treino contou com um bom desempenho das Mercedes, Renaults, e de dois pilotos em específico: Pierre Gasly e Charles Leclerc. O francês ficou em 4º e o monegasco em 5º, demonstrando que poderiam desempenhar no treino classificatório.

GP da Emilia Romagna
A bela paisagem do circuito em Ímola. | Foto: F1.

Na classificação, as Mercedes sobraram como de costume, e travaram uma emocionante briga pela pole position, que acabou ficando com Valtteri Bottas, ao cravar uma volta com apenas um décimo de diferença para Hamilton.

Verstappen ficou com a terceira posição, mas o grande destaque foi o piloto da AlphaTauri, Pierre Gasly, que conseguiu repetir a atuação dos treinos e garantiu um grande 4º lugar. Pierre também se destacou por uma atitude fora das pistas, ao usar um capacete semelhante ao que Ayrton Senna usava, na mesma pista que acabou tirando sua vida.

Gasly
Gasly e seu capacete em homenagem à Senna. | Foto: AutoSport.

Destaques da corrida

No domingo, as luzes se apagaram no Autódromo Enzo e Dino Ferrari e os carros da F1 estavam correndo em Ímola após 14 anos. Verstappen fez uma grande largada e assumiu a 2ª posição, empurrando Hamilton para terceiro, e Ricciardo ultrapassou Gasly, pulando para a 4ª colocação. Ainda na primeira volta, Kevin Magnussen da Haas, acabou rodando, mas voltou normalmente para a pista e o Safety Car não precisou ser acionado.

Abandonos

Na nona volta, um grande infortúnio. Pierre Gasly, que fazia um grande fim de semana e prestava bela homenagem a uma das lendas do esporte, teve um problema em sua AlphaTauri e foi forçado a abandonar. Na 28ª volta, uma das disputas mais interessantes de toda a corrida. Magnussen, Leclerc e Albon disputaram a 9ª posição, e proporcionaram uma batalha de tirar o fôlego, que acabou ficando com o piloto da Ferrari.

Uma volta depois, Esteban Ocon teve um problema com a unidade de potência de sua Renault e também abandonou, acionando o Virtual Safety Car, o que acabou sendo favorável para Lewis Hamilton, que realizou sua parada no Pit Stop, e seguiu à frente de Bottas. Na 43ª volta, o finlandês saiu sozinho da pista e passou pele brita, permitindo que Max Verstappen se aproximasse e o ultrapassasse, assumindo a segunda posição do Grande Prêmio.

Com pouco mais de dez voltas para o final, um abandono muito… estranho. Max Verstappen, que havia assumido há pouco a segunda posição, teve seu pneu traseiro direito explodido e acabou deixando a corrida, trazendo o Safety Car para a pista, prometendo emoção para fim da prova. Enquanto o carro de segurança estava na pista, George Russell da Williams, que estava em zona de pontuação, tentou manter seus pneus aquecidos e acabou rodando sozinho, batendo contra o muro e também deixou a corrida de forma prematura.

abandono de Verstappen
O abandono de Verstappen. | Foto: F1.

Na relargada, os três primeiros naquele momento (Hamilton, Bottas e Ricciardo) se mantiveram em suas posições, e quem se destacou foi um dos mais criticados pilotos do Grid: Daniil Kvyat. O russo da AlphaTauri relargou em 7º e ainda na primeira volta, já havia pulado para 4º colocado, chegando ameaçar inclusive o 3º lugar de Daniel Ricciardo da Renault.

Porém, o australiano conseguiu se defender e garantir o seu segundo pódio na temporada. Quem se destacou também, foram as duas Alfa Romeo, que pela primeira vez no ano terminaram na zona de pontuação em uma mesma corrida, com Kimi Raikkonen em 9º e Antonio Giovinazzi em 10°. Quem atraiu atenções de maneira negativa foi Alex Albon, que acabou rodando sozinho e sequer pontuou, aumentando ainda mais a pressão sobre si.

Vitória de Hamilton, heptacampeonato da Mercedes e mais

Juntamente com Ricciardo no pódio do GP da Emilia Romagna, Valtteri Bottas, que largou na primeira posição, cruzou a linha de chegada em segundo e Lewis Hamilton, mais uma vez, foi o primeiro a ver a bandeira quadriculada, conquistando sua 93ª vitória da carreira. O resultado deste domingo garantiu o heptacampeonato da Mercedes do Campeonato de Construtores, em apenas 10 anos de existência da equipe alemã na Fórmula 1.

Hamilton
O pódio em Ímola. | Foto: ge.

O Top 3 no Campeonato de Pilotos segue inalterado após a corrida na Itália, e Hamilton pode conquistar o heptacampeonato daqui duas semanas, na Turquia. No Campeonato de Construtores, a Mercedes agora é definitivamente inalcançável com mais um título, a Red Bull segue em 2º e a disputa pelo 3º lugar segue apertadíssima: Renault em 3º, com 135 pontos, McLaren e Racing Point logo atrás, com 134.

Em duas semanas, a Fórmula 1 volta à Turquia, a qual teve sua última aparição na categoria em 2011, com vitória de Sebastian Vettel, ainda na Red Bull. O circuito em Istanbul traz boas memórias aos brasileiros, pois o maior campeão da pista é Felipe Massa, que venceu 3 corridas na Turquia. Uma prova que os fãs apreciam, chance de mais um título de Hamilton e promessa de uma grande corrida. Alguns dos aperitivos de mais uma etapa da Fórmula 1 em 2020, que infelizmente vai chegando ao seu final, restando apenas mais quatro Grande Prêmios no calendário da categoria.


*Nós, do projeto Esporte em Pauta, estamos realizando uma parceria com o Fala!; se quiser ter acesso a mais conteúdos sobre os mais variados esportes, procure nossa página no Instagram (@esporte_em_pauta) e no Twitter (@EsportePauta).

_______________________________
Por Filipe Saochuk – Fala! PUC

Tags mais acessadas