Vacina COVID-19: Resultado positivo anima pesquisadores
Menu & Busca
Vacina Covid-19: Resultado positivo anima pesquisadores

Vacina Covid-19: Resultado positivo anima pesquisadores

Home > Lifestyle > Saúde > Vacina Covid-19: Resultado positivo anima pesquisadores

Vacina Covid-19: 9 mil voluntários participarão de testes no Brasil, nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Paraná e Distrito Federal

Vacina COVID-19
Vacina Covid-19. | Foto: Reprodução.

Vacina Covid-19: Testes serão feitos no Brasil

Uma vacina para combater o novo coronavírus, desenvolvida pela empresa chinesa Sinovac, será testada no Brasil em 12 centros de pesquisa de seis estados brasileiros. O anúncio foi feito no dia primeiro de julho, por João Doria (PSDB), governador do estado de São Paulo.

Já foram definidos os 12 centros de pesquisa que farão os testes da vacina contra o coronavírus aqui, no Brasil. E obviamente isso não será feito apenas em São Paulo.

Disse João Doria, de acordo com O Globo.

Os estudos serão liderados pelo Instituto Butantan, que é vinculado ao governo paulista, e os testes serão feitos com 9 mil voluntários em centros de pesquisa de 6 estados brasileiros, sendo eles São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Paraná e Distrito Federal. A primeira carga com os imunizantes chegou em São Paulo no dia 20/07.

A vacina foi produzida pela instituição chinesa Sinovac. Caso a imunização se mostre eficiente, um acordo assinado permitirá a transferência da tecnologia para a produção da vacina no Brasil.

Outra vacina para combater o novo coronavírus, desenvolvida na Universidade de Oxford, Reino Unido, em parceria com a farmacêutica AstraZeneca, apontada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como a mais avançada até o momento, também será testada no Brasil.

A confecção da vacina para dar à população mundial uma imunização contra o novo coronavírus, doença que já aflige 188 país e tirou a vida de mais de 516 mil pessoas ao redor do mundo, é uma prioridade em todos os países.

Outros lugares também estão confeccionando vacinas para combater a Covid-19, como o imunizante feito pela empresa alemã de biotecnologia BioNTech e pela farmacêutica Pfizer.

Em anúncio feito ontem (21), o instituto alemão afirmou que a vacina mostrou potencial durante o estágio inicial e as 24 pessoas voluntárias para o teste da vacina apresentaram mais anticorpos contra o novo vírus, fato que impactou a bolsa de valores e animou os pesquisadores.

Tags mais acessadas