Inscreva-se agora e fique por dentro das novidades!
Quero me inscrever!
Menu & Busca
Resenha: Sharknado

Resenha: Sharknado

Gabriel Fernandes Fusaro – Fala!FIAM FAAM


Ruimview – 
Sharknado

 

O que aconteceria se um tornado passasse no meio do oceano e levasse tubarões junto dele à cidade de Los Angeles? Essa é a trama do já clássico filme trash Sharknado, de 2013. Produzido pela The Asylum para ser mais um terror sem sentido, o longa viralizou de formou que seis sequências fossem feitas.

A história é simples: um tornado passa no meio do oceano e leva tubarões para a metrópole para matar cidadãos inocentes sem mais motivos. Cabe ao nosso heroi Fin Shepard (Ian Ziering, de Barrados no Baile) salvar a todos desse fenômeno natural juntamente de sua ex-esposa April Wexler (Tara Reid, de American Pie).

Com efeitos visuais dignos de uma Framboesa de Ouro, o filme traz situações incríveis para aparecer um tubarão voando a matar alguém, além de momentos heroicos com o uso de uma motosserra como arma fundamental para um ataque desses.


Ponto Positivo
– Ideia genial, que deixa monstros do cinema como Steven Spielberg com recalque, visto que o clássico Tubarão (1975), não chega nem aos pés dessa obra prima.

Ponto Negativo – Esse em si não tem, porém suas continuações…..

Por que assistir? – Um show de horror nas atuações e momentos épicos valem o longa, que de terror passa a ser uma comédia.

Veredito – Um ótimo filme pra quem curte o gênero trash; e pra quem não gosta, vale dar uma chance a essa pérola.

 

0 Comentários