Relembre quais foram as piores tragédias de 2019
Menu & Busca
Relembre quais foram as piores tragédias de 2019

Relembre quais foram as piores tragédias de 2019

Home > Notícias > Urbano > Relembre quais foram as piores tragédias de 2019

Apesar dos diversos acontecimentos positivos, 2019 também pode ter ido um ano bastante puxado para muitos de nós. Ocorreram diversas catástrofes que abalaram não só as famílias das vítimas, mas toda a população do país. Relembre quais foram as piores tragédias de 2019:

Tragédias 2019

Brumadinho – Crime Vale

rompimento da barragem de Brumadinho, ocorrido no dia 25 de janeiro de 2019, liberou rejeitos que, acumulados com a lama, inundaram a cidade soterrando diversas pessoas, somando mais de 250 mortes. A tragédia é considerada um desastre industrial, humanitário e ambiental.

A empresa responsável pela barragem, que tinha o objetivo de conter os rejeitos finos oriundos do tratamento do minério, era a Vale S.A, que já havia se envolvido num desastre similar em 2015, na cidade de Mariana, também em Minas Gerais.

BRUMADINHO: SOFRIMENTO EM MINAS GERAIS

Incêndio na CT do Flamengo

incêndio no alojamento do Flamengo ocorreu no dia 8 de fevereiro de 2019, em um alojamento do time brasileiro do Flamengo. O fatídico acontecimento matou 10 pessoas e deixou 3 feridas, sendo elas garotos de 14 a 17 anos.

O fogo se iniciou devido a um possível curto-circuito no ar condicionado. O governador do Estado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel decretou luto oficial de três dias no Estado em virtude da tragédia.

incêndio flamengo tragédias de 2019

CONHEÇA OS JOGADORES MORTOS NO INCÊNDIO DO FLAMENGO

Massacre de Suzano

Massacre de Suzano ocorreu no dia 13 de março de 2019, na Escola Estadual Professor Raul Brasil, no município de Suzano (SP). A dupla de atiradores Guilherme Taucci Monteiro e Luiz Henrique de Castro, ambos ex-alunos, mataram cinco estudantes e duas funcionárias da escola.

Antes do ataque, num comércio próximo à escola, a dupla também matou o tio de um dos assassinos. Após o massacre, que está entre uma das mais tristes tragédias de 2019, um dos atiradores matou o comparsa e em seguida cometeu suicídio.

massacre de suzano
Tragédias

SUZANO: UM DOSSIÊ NA TRAGÉDIA

80 tiros

O músico Evaldo Rosa dos Santos estava indo para um chá de bebê no dia 7 de abril de 2019, acompanhado de sua esposa, seu sogro, seu filho de 7 anos além de uma amiga da família. Confundido com o carro de um bandido, a polícia atingiu o veículo com 80 tiros.

Evaldo morreu no local. As outras vítimas não se feriram, além de seu sogro, que. recebeu tiros nos glúteos mas passa bem. O catador de lixo Luciano Macedo, que tentou ajudar a família ao ver a situação, foi atingido por um tiro e faleceu uma semana após a tragédia.

tragédias de 2019 80 tiros
Foto: Reprodução

Queimadas na Amazônia

Grandes incêndios aconteceram em agosto de 2019 nos Estados do Acre, Rondônia, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, alcançando a fronteira do Brasil com a Bolívia e o Paraguai. O corredor de fumaça, proveniente de queimadas na Amazônia, desceu pela América do Sul e fez o céu ficar nublado.

As queimadas no Brasil aumentaram 82% após a entrada do governo de Jair Bolsonaro (PSL), se comparadas com o ano passado. De acordo com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), foi a maior alta dos últimos sete anos. Diversas regiões do Brasil sofreram com o desmatamento da Amazônia.

Queimadas tragédias de 2019
Reprodução: Facebook Earth Alliance

BOLSONARO DIZ QUE DICAPRIO AJUDOU A FINANCIAR QUEIMADAS NA AMAZÔNIA

Paraisópolis

Uma ação policial que ocorreu na madrugada do dia 1 de dezembro de 2019, em um baile funk na favela de Paraisópolis, resultou em 9 mortes confirmadas pela Secretária Municipal de Saúde, além de 7 feridos. As vítimas foram pisoteadas em meio ao tumulto ocorrido na periferia da Zona Sul de São Paulo durante a festa, que é conhecida como Baile da 17, ou pela sigla DZ7.

tragédias de 2019
Foto: Daniel Arroyo

PARAISÓPOLIS: 9 PESSOAS MORREM EM BAILE FUNK E A FAVELA PROTESTA

0 Comentários

Tags mais acessadas