Protesto contra Bolsonaro termina com violência policial e homem machucado
Menu & Busca
Protesto contra Bolsonaro termina com violência policial e homem machucado

Protesto contra Bolsonaro termina com violência policial e homem machucado

Home > Notícias > Urbano > Protesto contra Bolsonaro termina com violência policial e homem machucado

Daniel Campeão da Silva, de 51 anos. Este foi o homem que perdeu um olho após ter sido baleado no rosto por um policial militar durante uma dispersão violenta de um protesto contra o governo do presidente Jair Bolsonaro, no centro do Recife, no fim da manhã de sábado, 29 (para ver os detalhes do protesto e da repressão, você confere clicando aqui).

Protesto contra Bolsonaro
Protesto contra Bolsonaro termina com violência policial, em Recife. | Foto: Reprodução/Marlon Diego.

Protesto contra Bolsonaro termina com violência policial e homem com a perda de um olho

Morador do bairro dos Torrões, zona-oeste da capital pernambucana, Daniel estava nas proximidades da ponte Duarte Coelho exatamente no momento em que os manifestantes tinham chegado à ponte e quando foram surpreendentemente repreendidos pelos policiais do batalhão de choque da Polícia Militar de Pernambuco.

Na confusão em meio à violência policial, que teve tiros de balas de borracha, bombas de gás lacrimogênio e spray de pimenta disparados contra tudo e todos, Daniel foi atingido, perdendo seu globo ocular esquerdo. Agora, a família pede ajuda para cuidar de Daniel.

Os detalhes e imagens do protesto contra Bolsonaro e de Daniel, feitas pelo Marco Zero Conteúdo, você confere abaixo:

____________________________
Por Álvaro José – Fala! UFPE

Tags mais acessadas