Por que visitar a Suécia? Conheça seus atrativos
Menu & Busca
Por que visitar a Suécia? Conheça seus atrativos

Por que visitar a Suécia? Conheça seus atrativos

Home > Lifestyle > Viagens > Por que visitar a Suécia? Conheça seus atrativos

Localizada na península escandinava, no norte da Europa, a Suécia reúne diversas belezas naturais espalhadas por todos 449.964 km2 de extensão. De cadeias montanhosas a recifes, o inverno extremo pinta de branco tudo que estiver pela frente. Faz fronteira com a Noruega, Finlândia e com a Dinamarca, mais ao sul. O país também conta com diversas ilhas que embelezam as paisagens.

Mapa da Suécia
Mapa da Suécia. | Foto: artedeomissão.

Suécia

Apesar de fazer parte da União Europeia, não adotou o euro como moeda oficial. É um país que possui um dos melhores  IDH – índice de desenvolvimento humano – do mundo. A grande maioria da população fala a língua inglesa, além da sueca.

A capital Estocolmo, no litoral leste do país, reúne prédios com arquiteturas históricas, gastronomia memorável e vida noturna. O melhor período para visitá-la seria no verão, com temperaturas mais agradáveis. Há diversos espaços culturais, como museus – fechados e a céu aberto -, mercados, praças e belas pontes.

Mais a oeste do país, localiza-se Gotland, que é a maior ilha da Suécia, e tem diversos lugares que valem uma visita. Dentre elas, Visby, que é uma cidade medieval repleta de elementos históricos; e a vizinha, Faro, que vira cenário de filmes por ora ou outra por conta de suas belezas.

No entanto, o norte do país – que ultrapassa a linha imaginária do círculo Polar Ártico – é que realmente chama a atenção. A começar pela pintura feita nos céus pelas auroras boreais no período do inverno – de dezembro a março. Um dos lugares mais recomendados para prestigiar esse fenômeno natural seria Abisko, perto da fronteira com a Noruega. Lá, o tempo é seco e muito gelado, o que evita tempo nublado. A quantidade de sol nesta época do ano é pouca, chegando a escurecer por volta das 15 horas, horário local.

Já no verão, é possível ver o sol da meia noite – que ainda não se pois já que a lógica da quantidade de sol se inverte. Se no inverno escurece muito cedo, no verão, o sol tarda a desaparecer. Quando o solstício de verão está perto, ele não se põe.

Os hotéis feitos com gelo, entre paredes, teto e chão também atraem a atenção dos turistas. Na Lapônia, localiza-se o primeiro hotel a ser produzido com gelo, o IceHotel, que derrete no verão e volta a ser construído em novembro e dezembro, início do inverno. 

Há muitos anos, a região era habitada por Vikings e há diversos resquícios de sua vivência por lá. Há diversos sítios arqueológicos que são considerados Patrimônio Mundial da Unesco. Existe também a tribo sami, grupo indígena que vive da caça e agricultura na região mais selvagem da Europa. Contudo, o grupo não é mais nômade como era antigamente.

____________________________
Por Nina Galiotte – Fala! Cásper

Tags mais acessadas