Cadastre-se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Quero me cadastrar!
Menu & Busca
Penn Badgley – Depois de Atuar,  a Prioridade se Tornou a Banda MOTHXR

Penn Badgley – Depois de Atuar, a Prioridade se Tornou a Banda MOTHXR

Depois que a série “Gossip Girl” terminou, Penn Badgley, que interpretou Dan Humphrey ou “The Lonely Boy”, não atuou em mais nenhuma série, pelo menos não em papel de destaque, porém atuou em filmes como “A Mentira” ao lado de Emma Stone, e “The Paper Stone”, seu filme mais recente.

Penn-Badgley-CelebMarriages_com

Nascido no dia 1° de novembro de 1986, Penn teve seu primeiro trabalho em 1999, ao fazer dublagens para videogames como Mario Golf 64 e Mario Tennis 64, este em 2000. Após as dublagens, participou da série “Will and Grace”, da refilmagem da famosa série dos anos 50 “The Twilight Zone”, e da famosa novela americana “The Young and the Restless”, e de mais alguns filmes, porém sua carreira só deslanchou quando participou do filme “Todas Contra John”, interpretando Scott Tucker, irmão mais novo do protagonista. Além disso, em 2007 foi escalado para a série “Gossip Girl”, atuando ao lado de Blake Lively e Leighton Meesters, tendo um dos papeis principais.

Gossip-Girl-season-4-poster

Com o destaque da série Badgley, passou a atuar em diversos filmes, como “O Padrasto” de 2009, obtendo o papel principal, e no filme “Margin Call”, baseado em uma história real ao lado de grandes nomes como Kevin Spacey e Demi Moore.

Em novembro de 2014, Penn, que mesmo com o fim da série continua morando no bairro do Brooklyn, na cidade de Nova York, onde considera seu verdadeiro lar, juntou seus amigos e formou a sua banda “MOTHXR”.

No início a banda não era levada tão a sério quanto atualmente, principalmente porque foi formada apenas como um hobby, mas depois que o single “Easy” foi lançado em 2015 fazendo muito sucesso, o grupo decidiu, então, encarar o projeto como uma banda profissional.

Formada no bairro do Brooklyn, o grupo é composto por Penn Badgley nos vocais, Jimmy Giannopoulos, Simon Osoroft e Darren Will, com influências diretas ao Indie, ao Rock e ao Electrorock, com as músicas falando sobre futuro, auto conhecimento e, no caso de “Easy”, de amor frustrado. “Easy” foi o single responsável pelo contrato que a banda assinou com a gravadora Kitsuné, em 2015, mesmo ano que o primeiro CD “Centerfold” foi lançado, que além do sucesso “Easy” contém “Victim”, “Stranger” e “Wild Ride”.

O nome escolhido para a banda é considerado bastante estranho aos fãs. Primeiramente foi “Mother” (mãe em inglês) e escrito corretamente, porém, com uma entrevista dada a revista Cosmopolitan, Badgley disse que foi de acordo geral que a grafia do nome fosse trocado, trocando a letra “e” pela letra “x”, porque ao pesquisar as músicas como “easy mother” ou “victim mother” no google, os resultados que apareciam eram bem esquisitos.

“Mothxr” está apenas no começo da carreira e ainda não é muito conhecida na América do Sul, tendo apenas pouco mais de 15 mil seguidores nas redes sociais. A banda já esteve em turnê e já fez shows em Vancouver, Paris e Inglaterra.

MOTHXR-blog

Por: Gabriela Esteves – Fala!FAAP

0 Comentários