Opinião: Rebranding - As mudanças de Jair Bolsonaro desde a eleição
Menu & Busca
Opinião: Rebranding – As mudanças de Jair Bolsonaro desde a eleição

Opinião: Rebranding – As mudanças de Jair Bolsonaro desde a eleição

Home > Notícias > Política > Opinião: Rebranding – As mudanças de Jair Bolsonaro desde a eleição

Eleito Presidente em 2018, Jair Bolsonaro (Sem partido) passa por uma repaginação política sem precedentes

Muitos se lembram da campanha vencedora de Bolsonaro em 2018, à época no PSL, como uma campanha anti-sistêmica. Inconsistências e fragilidades do discurso ainda nas eleições à parte, o Presidente parece estar fazendo tudo ao contrário do que prometia sua propaganda eleitoral.

As mudanças não são apenas na forma de Bolsonaro de fazer política, mas também sua base de apoio mudou bastante, e este parece ser o novo norte do governo em busca de uma reeleição em 2022.

Jair Bolsonaro
Veja as mudanças de Jair Bolsonaro desde a eleição. | Foto: Reprodução.

Por que a transformação da base de apoio de Jair Bolsonaro?

Especialistas apontam a principal causa da mutação destes 30% (de acordo com a última pesquisa de opinião da XP/Ipespe) é o tratamento à pandemia (ou a falta de). Muito guinado pelo Auxílio Emergencial de 600 reais, o governo finalmente parece ganhar a simpatia das classes mais baixas.
Enquanto parte das classes médias e altas parecem abandonar o barco do bolsonarismo por conta da gestão da pandemia e da inabilidade com as pastas do meio ambiente e da economia.

Apesar destes fatores, o Presidente conseguiu manter sua base de apoio com a típica inflamação do discurso e até manipulação da narrativa. Um caso claro desta deturpação da realidade é com o caso da votação do Fundeb na câmara dos deputados, que o governo queria mover recursos do fundo, que é essencial para a educação pública no país, para um novo programa de transferência de renda, o Renda Brasil, mas a derrota foi acachapante.

Apenas 7 parlamentares votaram contra a proposta do próprio congresso nacional, um desses votos foi da deputada do DF, Bia Kicis, que era vice-líder do governo na câmara.

Apesar de que todos os 7 que votaram contra o fundo eram bolsonaristas, o Presidente transformou a aprovação do Fundeb como vitória do governo, e ainda para limpar o rastro, retirou Kicis da vice-liderança do governo na câmara.

Melhora da aprovação do governo federal e piora dos governadores

O discurso do governo de culpar governadores também parece surtir efeito, os chefes dos executivos estaduais perderam dois pontos percentuais na mesma pesquisa da XP/Ipespe.

Pensando em 2022, parece ser uma estratégia acertada, visto que João Doria, Governador de São Paulo, parece ser a principal oposição ao Presidente.

Alianças políticas do governo

Desde o racha com o PSL em outubro do ano passado, o governo procura novas fontes de apoio. Prometendo não fazer alianças com o chamado bloco do centrão, Bolsonaro era bem firme em sua campanha eleitoral. Dezoito meses depois, a história mudou.

O governo e o centrão que troca apoio por cargos parece, agora, o maior para-raios do bolsonarismo. Em sua viagem à São Raimundo Nonato, no Piauí, levou Ciro Nogueira, parlamentar do PP (ex-partido do Presidente e integrante do centrão) e Arthur Lira, líder do partido na câmara, é o novo “líder informal” do governo.

Já os cargos que o centrão ocupou, estão o FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação), o Banco do Nordeste e o Ministério das Comunicações, de Fábio Faria, do PSD.

Carimbo – uso de políticas do PT para aumentar a popularidade

O Presidente também faz rebranding com projetos famosos da gestão do PT no governo federal, como o Mais Médicos (Médicos Pelo Brasil), o Minha Casa, Minha Vida (Casa Verde e Amarela) e o Bolsa Família (Renda Brasil).
O carimbo da gestão Bolsonaro se apresenta como cabo eleitoral para suplementar seu apoio crescente das classes baixas.

Outro exemplo é a finalização de obras no Rio São Francisco, que o Presidente posa para fotos, sendo que concluiu apenas 6% da mesma.

_______________________________
Por Eduardo Reis – Fala! Cásper

Tags mais acessadas