O Majestoso mais importante para o ano do São Paulo
Menu & Busca
O Majestoso mais importante para o ano do São Paulo

O Majestoso mais importante para o ano do São Paulo

Home > Notícias > Esporte > O Majestoso mais importante para o ano do São Paulo

Em 2014, a nova arena do Corinthians foi estreada para ser o estádio sede da Copa do Mundo de 2014, e nela foi a maior goleada entre São Paulo e Corinthians, onde já campeão, o Corinthians jogou com seu time reserva contra o titular do São Paulo, implementando 6 a 1 no rival tricolor e consagrando campeão brasileiro de 2015.

São Paulo
São Paulo e Corinthians se enfrentarão no domingo, na Neo Química Arena. | Foto: Reprodução.

Corinthians e São Paulo

Desde então, foram 12 jogos na Neo Química Arena, 9 vitórias corintianas e 3 empates no clássico, sendo assim, um dos maiores tabus dos clássicos Paulistas. O São Paulo sofreu 25 gols na Arena e fez apenas 10 gols, apesar da ótima fase e favoritismo para o jogo de domingo, o tricolor paulista deverá olhar com cautela esses números apresentados.

Na época em que foi construída a Arena, os times viviam em fases diferentes das atuais. De 2014 para 2020, o Corinthians conquistou 2 Brasileiros e 3 Paulistas, enquanto o São Paulo não conquista um título desde 2012, porém, em 2020, está mais perto de quebrar esse tabu, sendo o grande favorito a ganhar o Brasileirão 2020.

Neste ano, o São Paulo viveu, no começou do ano, eliminações precoces em competições internacionais e, hoje, vira favorito ao título nacional. O Corinthians vive uma fase bem diferente do seu rival, em 11º colocado, lutando para não cair para a Série B, mas essa realidade está ficando mais afastada.

No domingo, o tricolor paulista vai com força máxima para quebrar o tão sonhado tabu na Arena e o Corinthians terá que lutar para seu rival não vencer, com a volta de Jemerson na equipe, que poderá fazer sua estreia pela camisa alvinegra. Além disso, Davó poderá voltar a ser titular no lugar de Jô, que não engrenou em 2020 no Campeonato Brasileiro.

_______________________________
Por Fernando Sid – Fala! Mack

Tags mais acessadas