Michele Morrone revela que nunca pensou em trabalhar em '365 Dni'
Menu & Busca
Michele Morrone revela que nunca pensou em trabalhar em ‘365 Dni’

Michele Morrone revela que nunca pensou em trabalhar em ‘365 Dni’

Home > Entretenimento > Famosos e TV > Michele Morrone revela que nunca pensou em trabalhar em ‘365 Dni’

Por mais que Michele Morrone não seja novato no ramo cinematográfico, seu papel em 365 Dni foi muito significante para sua carreira. Afinal, ao interpretar o mafioso, o astro ganhou reconhecimento tanto na Polônia, quanto em outros locais do mundo.

Sendo assim, na trama, Michele dá vida a Massimo Torricelli, um gângster egocêntrico e muito poderoso da Itália. Entretanto, quando sofre uma cilada, perde seu pai e se vê sem rumo diante da nova realidade. Tendo que assumir os negócios da família, o mafioso encontra-se em um constante desânimo.

Por outro lado, assim que conhece Laura Biel (Anna-Maria Sieklucka), percebe que a executiva pode mudar sua vida. Dessa maneira, a sequestra e espera que ela se apaixone por ele em até 365 dias. Mas se isso não acontecer, ela ficará livre ao final do período.

Mesmo que Morrone seja um sucesso internacional por interpretar Massimo, nunca pensou em atuar numa produção como 365 Dni. Com isso, saiba o que o ator comentou a seguir.

Michele Morrone
Morrone revela que nunca pensou em trabalhar em 365 Dni. | Foto: Reprodução/Montagem (Instagram/ Getty Images).

Michele Morrone revela que nunca pensou em trabalhar em 365 Dni

Apesar de estar há alguns anos na carreira de ator, Michele Morrone nunca pensou que faria um filme como 365 Dni. No entanto, quando surgiu a proposta, não recusou-a em um primeiro momento, mas analisou com cuidado.

De acordo com o artista, teve que fazer um papel bem desafiador. O personagem em questão foi Luigi, de Bar Giuseppe, o qual era um viciado em drogas. Sendo assim, para dar vida a ele, Michele ficou irreconhecível – tendo que escurecer os dentes, alongar os fios e perder 9 kg.

Mesmo enfrentando tamanho desafio, Morrone nunca pensou em vivenciar outro viciado, muito menos um gângster com vício em sexo. Em entrevista à Rádio Zet, o ator detalhou a situação:

Basicamente, eu nunca pensei em fazer nisso [atuar em filmes como 365 Dni], mas estou feliz por ter feito. Porque eu acho que tive uma presença importante. Pois alguém pode pensar que é bonito e fácil de interpretar uma pessoa como Massimo, mas o verdadeiro desafio é transformar a si mesmo.

Por mais que o papel não estivesse em seus planos, pode-se confirmar que Michele se doou ao personagem. Dessa forma, fica difícil imaginar Massimo de outra maneira, sendo interpretado por um artista diferente de Morrone.

E, com certeza, para a estrela, Torricelli tem um espaço especial em sua vida. Mesmo não sendo uma boa pessoa, foi ele quem deu a Michele a chance de expandir sua carreira em nível global.

___________________________________
Por Isabela Cagliari – Redação Fala!

Tags mais acessadas