Mega-explosão em Beirute: negligência e centenas de mortes
Menu & Busca
Mega-explosão em Beirute: negligência e centenas de mortes

Mega-explosão em Beirute: negligência e centenas de mortes

Home > Notícias > Política > Mega-explosão em Beirute: negligência e centenas de mortes

Os registros do dia 4 de agosto são impressionantes. Nas redes sociais, diversos vídeos foram divulgados exibindo o momento da explosão. A cidade de Beirute, no Líbano, foi palco desse incidente. “Vi uma bola de fogo e fumaça subindo sobre Beirute. Pessoas estavam gritando e correndo, sangrando. Sacadas foram arrancadas de edifícios. O vidro dos prédios se partiu e caiu nas ruas.”, relatou uma testemunha.

explosão em Beirute
Mega-explosão em Beirute. | Foto: Abril.

Mega-explosão em Beirute

A zona portuária da capital Libanesa foi a mais atingida, visto que a explosão se deu a partir de um armazém localizado na área. Ao que tudo indica, as responsáveis pela explosão foram as mais de 2.500 toneladas de nitrato de amônio que estavam alojadas no armazém, de maneira irregular, desde 2014.

Esse composto químico é utilizado tanto como fertilizante quanto na fabricação de explosivos, e se as regras de conservação não forem obedecidas, há um grande potencial de risco.

“Eu prometo a você que essa catástrofe não passará sem responsabilidade. As pessoas responsáveis pagarão o preço”, afirmou o primeiro-ministro Hassan Diab durante reunião do Conselho de Alta Defesa acerca da mega-explosão – que deixou, até o momento, 178 mortos, 30 desaparecidos e mais de 6 mil feridos. 

O desenrolar dessa tragédia foi seguido de dias de manifestações populares, confrontando o governo e demonstrando a revolta perante a negligência vista na irregularidade do armazém. No dia 10, ainda, Hassan Diab deixou seu cargo e demitiu toda a equipe do governo.

_____________________________
Por Isabel Mello – Fala! Cásper

Tags mais acessadas