Home / Colunas / Cinema / Resenha: Mandou Bem

Resenha: Mandou Bem

Karolyne Oliveira – Fala!Cásper

 

O reality de culinária que promete te salvar do tédio com humor

Programas de culinária são uma febre não há como negar, no catálogo da Netflix existem várias opções como Zumbo’s Just Desserts e Cooking on High, mas o programa original da Netflix Mandou bem (Nailed It), que acabou de ter sua segunda temporada disponibilizada foge da fórmula comum.

O reality traz pessoas comuns que gostam de confeitar nas horas vagas, mas que não se saem muito bem nisso. Em cada episódio temos três destes confeiteiros amadores competindo entre si, durante duas rodadas pelo prêmio de 10 mil dólares, quem vence a primeira rodada que é mais “fácil” ganha um belo chapéu e uma vantagem na rodada seguinte, já quem ganha a segunda rodada que é mais complexa leva o grande prêmio. São julgados por três jurados: a apresentadora Nicole Byer, o confeiteiro francês Jacques Torres e um jurado convidado que muda a cada episódio.

Os participantes devem reproduzir pratos impecáveis e complexos, em um curto período de tempo e às vezes sem nenhuma instrução, até esse ponto nada de tão diferente dos demais realities culinários, o diferencial fica por conta da comédia, os confeiteiros realmente não são bons nisso e os resultados são hilários, lembra aquelas postagens de expectativa vs realidade. A apresentadora ajuda no quesito cômico, já que ela é uma comediante conhecida nos EUA, os jurados convidados apesar de serem todos profissionais da culinária se mostram muito bem humorados.

As dificuldades dos participantes em produzir as receitas produz um identificamento instantâneo, afinal quem nunca estragou um prato? Além de acabarmos aprendendo lições valiosas da cozinha, como seguir a receita, porque o resultado pode não ser muito bom.

Mandou Bem é a escolha certa para quando estiver no tédio e vai arrancar muitas risadas. A primeira temporada tem 6 episódios e a segunda 7 episódios. A dublagem honestamente é bem tosca, então recomendo que use as legendas.

Confira também

São Paulo: 40 anos do Centro Acadêmico Vladimir Herzog

A Entidade mais antiga da Faculdade Cásper Líbero recorda seus 40 anos de existência O ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *