Home / Colunas / 10 provas que League of Legends é um esporte

10 provas que League of Legends é um esporte

Por Bruna Liu – Fala! M.A.C.K

 

Vocês estão preparados para aceitar essa verdade?

  1. O jogo demanda estratégia em grupo e é disputado por 2 equipes de 5 jogadores cada.

League of Legends? Como é que eu posso começar a explicar League of Legends?

  1. Existem competições de League of Legends.

Em cada país funciona uma liga diferente de campeonatos de LoL, e aqui no Brasil é chamado de CBLOL (Campeonato Brasileiro de League of Legends), enquanto que lá na gringa há outros, como a LCS EU por exemplo. Em tese, é como se o CBLOL fosse o Brasileirão daqui, e a LCS EU a UEFA Champions League da Europa. Ah, e tem um Mundial de LoL também, tá bom pra você?

  1. Há uma entidade que controla todo o joguinho.

Calma, não são os Illuminatis, mas é quase isso. Assim como existe a FIFA para o futebol, existe a RIOT Games para o LoL, criadora do nosso querido lolzinho e realizadora de todos esses campeonatos de LoL que seus pais não entendem o porquê de você ficar na tela de um computador assistindo um monte de marmanjo jogar.

  1. Jogadores Profissionais de LoL são reais.

Se aquele seu primo viciado em joguinho um dia aparecer querendo ser profissional em League of Legends, não se assuste. Os tempos estão modernos e para existir competições de LoL, precisamos de quem jogue!!!

  1. Não apenas reais, Pro Players podem ganhar muito mais do que você pensa.

Sabemos que no mundo do esporte de alto desempenho existem contratos milionários, o que não é diferente no League of Legends. O melhor jogador do mundo chamado Lee “Faker” Sang-hyeok é sul coreano, tem 21 anos e arrecada cerca de US$ 2,5 milhões (R$ 7,8 milhões) por ano. É rico que fala né?

  1. Eles treinam muito assim como qualquer jogador profissional.

Mas para quem pensa que vida de pro player é fácil tá enganado. Ser um profissional exige um treino rígido, que chegam a ser até de 10 horas por dia. Além do acompanhamento físico e psicológico desses jogadores.

  1. A torcida é tão fanática como em qualquer esporte.

Na Coreia do Sul, os e-sports dominam totalmente o cenário, e o League of Legends não fica de fora. Os Pro Players de lá são tão ovacionados como os jogadores de futebol aqui no Ocidente.

  1. Os patrocínios são milionários.

Os esportes de alto desempenho sempre estão na mira dos patrocinadores, e com os e-sports em ascensão não poderia ser diferente. No cenário do League of Legends, empresas multibilionárias como a Samsung e a SK Telecom patrocinam times coreanos.

  1. O Galvão Bueno já narrou uma partida de League of Legends.

E saiu anunciando um quadra, ou como ele gosta de dizer, um “treta-kill” de um jogador. Vocês acharam mesmo que ele não ia narrar lolzinho hoje né?

  1. E até o Ronaldo está envolvido no LoL!!!

O ex-jogador foi mais um dos que começaram a investir no e-sport, e tornou-se patrocinador da equipe brasileira de LoL a “CNB”, e como resultado tivemos essa cena incrível do Ronaldo rindo de nervoso ao não entender nada do joguinho.

 

Confira também:

– Resenha: Me Chame pelo seu Nome

– Lady Bird: A Hora de Voar – confira a resenha do filme!

Confira também

São Paulo: Festival Vegano de Doces e Bolos na Vila Mariana

No mês das crianças Vila Mariana receberá o Festival Vegano de Doces e Bolos Muitas ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *