Kaiky Fernandes e Renan: o futuro dos zagueiros do Brasil
Menu & Busca
Kaiky Fernandes e Renan: o futuro dos zagueiros do Brasil

Kaiky Fernandes e Renan: o futuro dos zagueiros do Brasil

Home > Notícias > Esporte > Kaiky Fernandes e Renan: o futuro dos zagueiros do Brasil

Mesmo muito jovens, os defensores Kaiky Fernandes e Renan se destacam pela qualidade e maturidade com que jogam por suas equipes principais

renan
Kaiky Fernandes (Santos) e Renan (Palmeiras): titulares no profissional de suas equipes mesmo muito jovens. | Foto: Ivan Storti/Santos FC e Divulgação/Twitter/@BasePalmeiras.

Uma renovação de jogadores na Seleção Brasileira é algo que é sempre pedido pelos torcedores. Apesar de atletas veteranos ainda serem os destaques de suas posições, como é o caso do zagueiro Thiago Silva (36 anos) e do lateral-direito Daniel Alves (38 anos), a preocupação em desenvolver jovens talentos para que um dia eles tenham nível de seleção é grande, pensando nas competições do futuro.

Porém, no início da temporada de 2021 do futebol brasileiro, dois zagueiros vêm se destacando muito nas suas equipes, apesar da pouca idade. São eles: Kaiky Fernandes, jogador do Santos, e Renan, do Palmeiras.

Kaiky Fernandes

futebol
O promissor Kaiky Fernandes comemorando o título do Sul-Americano sub-15 em 2019. | Foto: Divulgação/Instagram/@kaikyfernandes_06.

Nascido em 2004, na cidade de Santos, Kaiky integrou as categorias de base do alvinegro praiano ainda criança, com apenas nove anos de idade. Iniciou sua carreira no futsal, mas logo foi levado para o campo, onde começou jogando como volante. Foi recuado para a zaga no sub-11, posição que ele atua até hoje com muito destaque.

Sua estreia como profissional aconteceu no dia 28 de fevereiro deste ano, na partida contra o Santo André pelo Campeonato Paulista, que terminou empatada em 2×2. Seu primeiro gol saiu apenas nove dias depois, no jogo de ida da 2ª fase eliminatória da Libertadores contra o Deportivo Lara. Após um escanteio cobrado pelo meia Jean Mota, Kaiky cabeceou firme no canto do goleiro adversário e garantiu a vitória do Santos por 2×1. Ao todo, já são 15 partidas vestindo a camisa santista na equipe principal, sendo um dos principais jogadores do clube na temporada.

Kaiky Fernandes é um zagueiro de muita técnica, com uma excelente saída de bola e ótimos fundamentos defensivos. Tem médias de 2.8 interceptações e 2.3 cortes por jogo na Libertadores, números excelentes para um garoto de apenas 17 anos. Foi campeão do Sul-Americano sub-15 em 2019, sendo o capitão do Brasil na campanha, e já passou por alguns períodos de testes na equipe sub-17.

Renan

Renan
Talentoso Renan, zagueiro do Palmeiras de 19 anos de idade. | Foto: Divulgação/Instagram/@renanvictor_04.

Nascido em 2002, na cidade de Itapevi, interior de São Paulo, Renan chegou às categorias de base do Palmeiras em 2015, onde conquistou muitos títulos com o passar dos anos. Foi campeão da Copa do Brasil, da Supercopa do Brasil e do Mundial de Clubes, os três na categoria sub-17, em 2019, o que lhe rendeu uma convocação para a Seleção Brasileira naquele ano.

Ele foi lançado no profissional pelo treinador Vanderlei Luxemburgo e fez a sua estreia em outubro de 2020, contra o Coritiba, em partida válida pela 16ª rodada do Brasileirão. Jogou em outros 10 jogos na temporada, sendo titular em nove deles. Porém, foi a partir de março deste ano que Renan começou a atrair os olhares de todos com as suas grandes atuações. O jovem marcou seu primeiro gol na rodada de estreia da Libertadores aos 50 minutos do 2º tempo com uma bela finalização de cabeça, dando a vitória ao clube alviverde em cima do Universitario, do Peru, por 3×2.

Atuando como um zagueiro pela esquerda em uma linha de três jogadores, Renan vem demonstrado muita personalidade e segurança vestindo a camisa do Palmeiras. Bom no jogo aéreo, o garoto também mostra ter muita qualidade com a bolas nos pés, inclusive na efetuação de dribles, permitindo com que o defensor também jogue como lateral-esquerdo. Foi campeão da Copa do Mundo sub-17 em 2019, em uma geração que tinha nomes como Kaio JorgeGabriel Verón e Yan Couto, porém ficando na reserva na maior parte das partidas.


*Nós, do projeto Esporte em Pauta, estamos realizando uma parceria com o Fala!; se quiser ter acesso a mais conteúdos sobre os mais variados esportes, procure nossa página no Instagram (@esporte_em_pauta) e no Twitter (@EsportePauta).

_____________________________
Por Victor Fardin – Fala! PUC-SP

Tags mais acessadas