'Indiana Jones e a Última Cruzada' - Leia a crítica do filme
Menu & Busca
‘Indiana Jones e a Última Cruzada’ – Leia a crítica do filme

‘Indiana Jones e a Última Cruzada’ – Leia a crítica do filme

Home > Entretenimento > Cinema e Séries > ‘Indiana Jones e a Última Cruzada’ – Leia a crítica do filme

O último filme de uma trilogia, serve como o encerramento da história. Pontas soltas são esclarecidas, a trama principal chega em seu clímax e a jornada do herói tem sua conclusão. É uma tarefa desafiadora e perigosíssima porque, assim como aquele que está contando a história tem que levar em conta todos os elementos de sua narrativa e do mundo que foi criado, o fim tem que ser satisfatório e definitivo. Em outras palavras, o autor tem que saber o que é melhor para a definição da história, não priorizar as exigências do público. 

Há trilogias que não conseguiram um bom encerramento: a saga Matrix, revolucionário como um longa-metragem de ficção científica e filme de ação com o foco em questões filosóficas e sociais, teve um terceiro filme muito distante de sua premissa original; inicialmente, a franquia Homem-Aranha, com Tobey Maguire, seria de 4 filmes, mas Homem-Aranha 3 foi mal recebido pela crítica e isso acabou com os planos; a terceira trilogia de Star Wars, já emaranhada com a visão de dois diretores sobre o que é a franquia, teve um final que não chega à altura dos “terceiros” anteriores com A Ascensão Skywalker

Mas há trilogias que tiveram conclusões ótimas, como O Senhor dos Anéis com “Retorno do Rei”, Toy Story 3 e, o filme que irei falar sobre, Indiana Jones e a Última Cruzada

Indiana Jones
Filme Indiana Jones e a Última Cruzada. | Foto: Reprodução/ moviepilot.com.

Indiana Jones e a Última Cruzada – leia a crítica do filme

Dirigido por Steven Spielberg, o longa narra a aventura de Indiana Jones pelo Santo Graal. Após ter descoberto que nazistas teriam sequestrado seu pai, Henry Jones, o arqueólogo embarca em uma missão para recuperar o cálice e salvar seu pai. A busca pelo artefato irá afetar a percepção que Indiana tem sobre fé em si mesmo. 

Um dos detalhes importantes do filme é a relação que nosso herói tem com o seu pai, Henry Jones. No começo do longa, sabemos que seu pai era um professor de história que tinha como foco a lenda do Cálice. A primeira impressão do espectador é que ele seja um aventureiro tão destemido quanto seu filho, ainda mais já que este é interpretado por Sean Connery, o icônico James Bond.  

Mas não é bem assim: o pai de Indiana é mais cuidadoso e calmo, se não um tanto atrapalhado. O diálogo entre os dois é sempre bem-vindo, trazendo momentos cômicos e deixando o personagem de Indiana Jones mais “humano”. Durante a trama, pai e filho trabalham juntos para fugir das ameaças, discutem sobre o passado deles e tentam fazer as pazes. Só essa dupla faz do filme bem divertido. 

A ação das cenas tem um bom ritmo com o músico John William ditando trechos de tensão e alívio cômico a partir da trilha sonora. Spielberg também fez um ótimo trabalho na composição, usando o recurso visual para ilustrar aspectos importantes da história e criando momentos de espanto e fascínio.  

Ao que dá a entender, essa seria a aventura definitiva de Indiana Jones, já que esta seria a terceira obra da franquia, além do título ser A Última Cruzada. Mas, assim como toda boa história, ela incentiva quem está vendo a imaginar as próximas descobertas do arqueólogo partindo para o horizonte. Infelizmente, a próxima descoberta foi uma caveira de cristal que não foi tão boa, porém esse não é o ponto.

A característica presente desde o primeiro filme é o senso de descobrimento, a busca pela a aventura. Além disso, o personagem de Indiana Jones é perfeito para essa dinâmica: corajoso, carismático e esperto. Para filmes para ver neste fim de ano, A Última Cruzada é uma ótima opção. 

Sinopse e trailer

Em 1938, depois que seu pai, o professor Henry Jones, desaparece enquanto persegue o Santo Graal, o professor Henry “Indiana” Jones, Jr. se encontra contra os nazistas de Adolf Hitler.

Sinopse pelo IMDb.

Ficha técnica

Título Original: Indiana Jones and the Last Crusade
Lançamento: 18 de agosto de 1989
Direção: Steven Spielberg
Duração: 127 minutos
Gênero: Ação, Aventura
Classificação: Livre
Origem: EUA

______________________________
Por Guilherme Schanner – Fala! Mack

Tags mais acessadas