Menu & Busca
Godzilla 2: Rei dos Monstros – Leia a crítica

Godzilla 2: Rei dos Monstros – Leia a crítica


O segundo filme da franquia Godzilla chega aos cinemas no dia 30 de maio mostrando como o mundo se recupera dos acontecimentos de 2014 contados no último filme. Godzilla apareceu e muitos como ele estão entre nós. Os monstros das lendas são reais.

A História de Godzilla

O enredo acompanha a trajetória de um grupo da Monarch, instituição que estuda e acompanha há anos os Titãs – que são os monstros como o Godzilla, os primeiro deuses -, e a sua luta para se reerguerem.O foco principal está na família Russel, formada por Emma (Vera Farmiga), Mark (Kyle Chandler) e Maddie (Millie Bobby Brown).

Na última aparição do Godzilla, a família perdeu seu segundo filho, Andrew. Mark passa a odiar esses monstros e Emma tenta descobrir uma maneira de Titãs e seres humanos coexistirem em harmonia. Maddie, a filha, fica no meio deste dilema moral.

Após anos de pesquisa, Emma desenvolve a ORCA, um dispositivo capaz de controlar estes monstros, porém ele cai em mãos erradas.

Godzilla 2

Na narrativa, criamos empatia pelos monstros. Mesmo sem qualquer fala, torcemos para uns e esperamos a morte de outros. Godzilla, o maior vilão no último filme, agora não parece tão ruim – na verdade, esperamos que assuma seu posto como rei dos Titãs.

A produção mostra ideias divergentes de como lidar com os Titãs: uns desejam a destruição completa deles, outros acreditam que a harmonia é possível, e alguns acham que devemos nos curvar a eles e esperar que tenham piedade.

Assim, mais do que um filme de ação com monstros de destruição, Godzilla 2 nos apresenta diversas críticas sociais. A grande questão levantada é: o que fizemos com o planeta? Estamos destruindo ele aos poucos, poluição, superpopulação, ele não vai aguentar por muito tempo.

Mais de 100 mil animais marinhos, como baleias, golfinhos, focas, tartarugas morrem por ano devido ao lixo descartado pela indústria de pesca, segundo um relatório publicado no jornal Independent.

Existe uma ilha de lixo no meio do Oceano Pacífico, apelidada de “Grande Mancha de Lixo do Pacífico”. Segundo um estudo publicado no periódico científico Scientific Reports, a ilha possui o dobro do tamanho do território da França.

Será preciso que algo tão extremo como os monstros das histórias como Godzilla 2 criarem vida para que a consciência nos atinja?

Por Karolyne Oliveira – Fala! Cásper

Quer se tornar um colaborar e escrever para o fala?
Saiba como

0 Comentários

Tags mais acessadas