Futebol Internacional: A Libertadores está de volta!
Menu & Busca
Futebol Internacional: A Libertadores está de volta!

Futebol Internacional: A Libertadores está de volta!

Home > Notícias > Esporte > Futebol Internacional: A Libertadores está de volta!

Durante essa semana, a Libertadores da América voltou, e vamos relembrar cada jogo desta primeira semana e também as classificações de todos os grupos:

Libertadores
Chamada para a final da Libertadores 2020/2021. | Foto: Reprodução.

Grupo A da Libertadores

Libertadores 2020
Classificação do Grupo A. | Foto: UOL.

Barcelona (EQU) 1×2 Junior Barranquilla (COL)

Barcelona e Junior Barranquilla se enfrentaram na quinta-feira, às 23h, no Estádio Monumental Banco Pichincha, em Guayaquil, no Equador. Ambos os times estavam em busca da primeira vitória após duas derrotas nos dois primeiros jogos. E quem saiu na frente foi o time colombiano, com um gol do goleiro Sebastián Viera, logo aos 7 minutos.

Mas, ainda no primeiro tempo, aos 28 minutos, com um gol do centroavante Cristian Colmán, o time equatoriano empatou a partida. Já na segunda etapa, próximo aos 20 minutos do fim do jogo, após cruzamento de Hinestroza, o centroavante Miguel Borja, que ainda pertence ao Palmeiras, colocou novamente o time colombiano na frente e garantiu a primeira vitória do clube na competição.

Independiente Del Valle (EQU) 5×0 Flamengo

Os atuais campeões da Copa Sul-Americana (Del Valle) e da Libertadores (Flamengo) se enfrentaram no Estádio Municipal Ruminahui, em Sangolqui, no Equador, e esse foi o jogo mais surpreendente da rodada. No primeiro tempo, aos 40 minutos, Moises Caicedo, volante da equipe equatoriana, abriu o placar para o time comandado por Miguel Ángel Ramírez.

Mas, na segunda etapa, um atropelo do Independiente Del Valle, logo aos 4 minutos, a equipe fez o segundo gol com o lateral Angelo Preciado, aos 13 minutos, Gabriel Torres marcou o terceiro da equipe equatoriana. Continuando, aos 36 minutos, quem marcou foi Jhon Sánchez, e no apagar das luzes, aos 47 minutos, Beder Caicedo coroou uma atuação muito boa e fechou o placar de 5×0 para o Del Valle.

Grupo B da Libertadores

grupo b
Classificação do Grupo B. | Foto: UOL.

Bolívar (BOL) 1×2 Palmeiras

Bolívar e Palmeiras se enfrentaram na quarta-feira (16), às 21h30, no Estádio Hernando Siles, em La Paz, na Bolívia. E quem saiu na frente foi o time brasileiro, após um pênalti sofrido pelo atacante Rony, Willian Bigode bateu e abriu o placar para o Palmeiras, aos 34 minutos do primeiro tempo.

Já na segunda etapa, aos 15 minutos, Gabriel Menino, que hoje foi convocado por Tite para defender a seleção brasileira, acertou um chute espetacular de fora da área e aumentou a vantagem do alviverde. Mas, aos 22 minutos, Marcos Riquelme diminuiu para a equipe boliviana e colocou fogo no jogo, mas o resultado final foi 2×1 para o Palmeiras, que conseguiu a 3ª vitória em 3 jogos.

Guaraní (PAR) 4×1 Tigre (ARG)

A segunda partida do grupo foi realizada na quinta-feira (17), às 23h, no tradicional Estádio Defensores del Chaco, em Asunción, no Paraguai. E quem saiu na frente foi a equipe visitante, com um gol do centroavante Pablo Magnin, logo aos 9 minutos de jogo. Mas, ainda no primeiro tempo, Bautista Medina empatou a partida para a equipe paraguaia.

Já na segunda etapa, o time paraguaio sobrou em campo e conseguiu garantir a vitória, com um gol de Cecilio Domínguez, aos 22 minutos, de pênalti, um gol de Edgar Benítez, aos 37 minutos, e um gol de Ángel Benítez, aos 45 minutos do segundo tempo, para fechar o caixão e decretar a segunda vitória do Guaraní na competição.

Grupo C da Libertadores

Grupo C
Classificação do Grupo C. | Foto: UOL.

Jorge Wilstermann (BOL) 2×3 Athletico Paranaense

Jorge Wilstermann e Athletico Paranaense se enfrentaram na terça-feira (15), às 19h15, no Estádio Felix Capriles, em Cochabamba, na Bolívia. E quem saiu na frente foi o time mandante, com um gol do centroavante Gilbert Alvarez, aos 11 minutos de jogo. Mas, aos 40 minutos, Lucho González, de pênalti, empatou o jogo para a equipe brasileira.

Na segunda etapa, novamente o time boliviano saiu na frente aos 11 minutos, com um gol de Serginho. Só que, aos 29 minutos, Christian marcou e empatou o jogo, colocando novamente o Athletico na disputa. E aos 46 minutos, no apagar das luzes, Walter, que não marcava um gol há mais de 2 anos, colocou a equipe brasileira na frente e garantiu a segunda vitória na competição.

Colo Colo (CHI) 2×1 Peñarol (URU)

A outra partida do grupo, disputada entre Colo Colo e Peñarol, também foi disputada na terça-feira (15) às 19h15, no Estádio Monumental David Arellano, em Santiago, no Chile. E quem saiu na frente foi a equipe visitante, com um gol do camisa 10 Facundo Pellistri, aos 40 minutos do primeiro tempo.

Mas, na segunda etapa, o time da casa “acordou” e virou a partida antes dos 20 minutos, com gols do meio-campista Gabriel Suazo e do atacante, que já jogou copa do mundo pela seleção chilena, Esteban Paredes de pênalti, os gols saíram aos 6 e 17 minutos, respectivamente.

Grupo D da Libertadores

Grupo D
Classificação do Grupo D. | Foto: UOL.

Binacional (PER) 0x1 LDU de Quito (EQU)

Na primeira partida da 3ª rodada do Grupo D, Deportivo Binacional e LDU de Quito se enfrentaram no Estádio Guillermo Briceno Rosamedina, em Juliaca, no Peru. E quem se deu melhor foi a equipe visitante, com um gol de Matías Zunino, aos 30 minutos do primeiro tempo, assim, assumindo a liderança do grupo.

São Paulo 2×2 River Plate (ARG)

São Paulo e River Plate, dois dos times mais tradicionais da história da Libertadores, se enfrentaram nesta quinta-feira (17), às 19h, no Estádio do Morumbi. E quem saiu na frente foi a equipe brasileira, com um gol contra do volante Enzo Pérez, aos 10 minutos, após chute de Reinaldo. Mas, ainda na primeira etapa, Rafael Borré, um dos destaques da equipe argentina, empatou a partida.

A segunda etapa não foi muito movimentada, tanto que o primeiro gol saiu apenas aos 35 minutos, após belo chute do atacante Julián Álvarez, que colocou o River Plate na frente. Mas 3 minutos depois, mais um gol contra da equipe argentina, o lateral Fabrizio Angileri marcou contra e a partida acabou empatada em 2×2.

Grupo E da Libertadores

jogos libertadores
Classificação do Grupo E. | Foto: UOL.

Internacional 4×3 América de Cali (COL)

Internacional e América de Cali se enfrentaram na quarta-feira (16), às 19h15, no Estádio Beira-Rio. E esse foi o jogo mais movimentado da rodada, logo no primeiro minuto de jogo, Abel Hernándes abriu o placar para a equipe brasileira e, aos 19 minutos, Boschilia aumentou para o Colorado. Mas, aos 28 minutos, Duván Vergara diminuiu para a equipe colombiana.

Só que ainda no primeiro tempo, Abel Hernández marcou seu segundo na partida e o Inter abriu 3×1 no placar. Mas, na segunda etapa, com gols de Adrián Ramos, aos 4 minutos, e Santiago Moreno, aos 33 minutos, o América de Cali empatou a partida, resultado que se manteve até aos 45 minutos, quando Boschilia, que contou com um desvio, garantiu a segunda vitória do Internacional na competição.

Universidad Católica (CHI) 2×0 Grêmio

Universidad Católica e Grêmio se enfrentaram às 21h30 na quarta-feira (16), no Estádio San Carlos de Apoquindo, em Santiago, no Chile. E quem saiu na frente foi o time mandante, com um gol do centroavante Fernando Zampedri no finalzinho do primeiro tempo, aos 44 minutos.

Mas o verdadeiro destaque do jogo foi o meia chileno de 29 anos, César Pinares, que teve uma nota 9.0 pelo aplicativo SofaScore. O jogador foi responsável pela assistência no primeiro gol e também marcou o segundo gol, ainda nos acréscimos do primeiro tempo, aos 46 minutos, assim, conseguindo a primeira vitória para sua equipe na competição.

Grupo F da Libertadores

futebol
Classificação do Grupo F. | Foto: UOL.

Estudiantes de Mérida (VEN) 3×2 Allianza Lima (PER)

No primeiro jogo da 3ª rodada no Grupo F, Estudiantes de Mérida e Allianza Lima se enfrentaram no Estadio Metropolitano, em Mérida, na Venezuela. E quem saiu na frente foi o time visitante, mas, apenas no segundo tempo, aos 6 minutos, com um de pênalti do jogador Alexi Edwin Goméz, e aumentou a vantagem aos 9 minutos, com um gol de Joazhiño Arroé.

A virada do time mandante começou 10 minutos depois, com um gol do meia-direita Edson Rivas. Aos 36 minutos, Wilson Mena empatou o jogo para o time venezuelano, que conseguiu a virada aos 52 minutos da segunda etapa, com um gol de pênalti de José Rivas, assim, garantindo a primeira vitória da equipe na competição.

Racing Club (ARG) 0x1 Nacional (URU)

Dois clubes bem tradicionais na competição se enfrentaram no Estádio Juan Domingo Peron, em Buenos Aires, na Argentina. E quem se deu melhor foi a equipe visitante, aos 8 minutos do segundo tempo, com um gol de pênalti do centroavante Gonzalo Bergessio. A partida também ficou marcada por uma bela atuação do goleiro da equipe uruguaia, Sergio Rochet.

Grupo G da Libertadores

libertadores 2020
Classificação do Grupo G. | Foto: UOL.

Santos 0x0 Olimpia (PAR)

Na primeira partida da 3ª rodada do Grupo G, Santos e Olimpia se enfrentaram na Vila Belmiro, em Santos, na terça-feira (15), às 21h30. E esse foi o jogo menos movimentado da rodada, e ficou marcado por boas atuações dos dois goleiros, João Paulo do time brasileiro, e Librado Azcona, do time paraguaio. A chance mais clara do jogo foi uma bola na trave do venezuelano Yeferson Soteldo, camisa 10 da equipe santista.

Defensa y Justicia (ARG) 3×0 Delfín SC (EQU)

Defensa y Justicia e Delfín se enfrentaram na quinta-feira (17), às 19h, no Estadio Norberto Tomaghello, em Gobernador Julio Costa, na Argentina. E os gols saíram apenas na segunda etapa, o primeiro de Braian Romero, ex-jogador do Athletico Parananese, logo aos 7 minutos.

Os outros dois gols saíram dos pés de Gabriel Hachen e Nicolás Leguizamón, aos 10 e 34 minutos, respectivamente. Essa foi a primeira vitória da equipe argentina na competição, já o Deflfín acumula 2 derrotas e 1 empate nos 3 jogos.

Grupo H da Libertadores

libertadores
Classificação do Grupo H. | Foto: UOL.

Independiente Medellín (COL) 2×3 Caracas (VEN)

A primeira partida da 3ª rodada do Grupo H foi entre Independiente Medellín e Caracas, disputada quarta-feira (16), às 21h30, no Estádio Atanasio Girardot, em Medellín, na Colômbia. E quem saiu na frente foi o time visitante, aos 5 minutos de jogo, com um gol do lateral direito Eduardo Fereira.

E a equipe venezuelana ainda aumentou o placar aos 24 minutos, com um gol de Anderson Contreras. Mas, no finalzinho da primeira etapa, o time mandando diminuiu com um gol de pênalti de Javier Reina. Já no segundo tempo, no primeiro minuto, Leonardo Castro empatou para o time colombiano. E antes dos 10 minutos, Alexis Blanco colocou o Caracas novamente na frente e garantiu a primeira vitória da equipe na competição.

Club Libertad (PAR) 0x2 Boca Juniors (ARG)

Na última partida da 3ª rodada da fase de grupos, Libertad e Boca Juniors se enfrentaram no Estadio Dr. Nicolás Léoz, em Asuncíon, no Paraguai, na quinta-feira (17) às 21h. E quem saiu na frente foi a equipe visitante, com um gol do excelente ponta argentino Eduardo Salvio, logo no começo, aos 6 minutos de jogo.

E o mesmo Eduardo Salvio fez o segundo gol para garantir a vitória, aos 39 minutos da segunda etapa, garantindo a segunda vitória do Boca Juniors, um dos favoritos ao título, na competição.

Essa foi a terceira rodada da fase de grupos da Libertadores da América e apenas três times mantêm o 100% de aproveitamento, são eles: Independiente Del Valle, Palmeiras e Nacional do Uruguai. A próxima rodada começa na terça-feira (22) e termina na quinta-feira (24) e pode definir alguns dos times classificados.

___________________________
Por Leonardo Pignatari – Fala! Esporte em Pauta

Tags mais acessadas