Menu & Busca
Futebol Americano: Funcionamento dos Playoffs

Futebol Americano: Funcionamento dos Playoffs


Por Daniel Saltes- Patriots Brasil  

Os playoffs são o mata-mata da NFL. Mas você deve estar se perguntando como os times vão para esta fase, certo? Qual o caminho a seguir a partir do momento que se classificam? Para responder tais perguntas, precisamos entender primeiro como é a dada a organização dos times.

 

DIVISÃO DE TIMES DA NFL

 

Assim como na maioria dos esportes americanos, a NFL contém duas subdivisões: as conferências e as divisões.

Conferências: 

As conferências dividem a NFL em dois grupos, por um motivo histórico. Na década de 1960, duas grandes ligas de futebol americano dominavam os Estados Unidos: a National Football League (NFL) e a American Football League (AFL). Depois de uma série de episódios e entreveros, as ligas optaram pela “fusão”. Sendo assim, a AFL se tornou um compartimento da já existente NFL. Nela, as antigas ligas se transformaram nas conferências: a Conferência Nacional (NFC) e a Conferência Americana (AFC). Os times de cada conferência são os times que faziam parte das antigas ligas de futebol americano antes da união, com algumas pequenas exceções.

Divisões:

As divisões da NFL são uma subdivisão das conferências. Dividindo a conferência em quatro partes: Norte, Sul, Leste e Oeste. Aqui, basicamente um critério foi considerado: localização geográfica. Em algumas exceções, podemos ver o Dallas Cowboys na divisão leste da NFC, mesmo que Dallas esteja bem longe da costa leste americana. Isso se dá pela grande rivalidade que o Cowboys tem com os outros três times da divisão, que supera a distância geográfica. Contando as quatro divisões de cada conferência, totalizamos oito divisões na NFL.

 

CLASSIFICAÇÃO PARA OS PLAYOFFS:

Os playoffs da NFL possuem um sistema de classificação um pouco diferente do que nos acostumamos a ver em campeonatos do futebol da bola redonda como a Copa do Mundo, por exemplo. Na NFL, 12 das 36 equipes vão para a pós-temporada, sendo 6 de cada conferência. Os times possuem duas maneiras de se classificar para os playoffs: pela divisão ou pela repescagem (wild card).

Divisão: 

O time com a melhor campanha dentro da sua divisão garante automaticamente uma vaga nos playoffs, sem depender do número de vitórias e derrotas.

Wild Card (Repescagem):

Com uma vaga nos playoffs para cada campeão de sua divisão, sobram duas vagas para o restante das equipes da conferência. Essas duas vagas são dadas para os times que fizeram as melhores campanhas e não foram campeões de suas divisões. Ou seja: ao contrário do título de divisão, a única coisa que importa aqui é o número de vitórias e derrotas do time. Há casos em que as vagas do wild card foram para dois times da mesma divisão, ou seja, o segundo e o terceiro colocado dessa determinada divisão tiveram campanhas melhores que qualquer outro “não-campeão” da conferência.

 

CRITÉRIOS DE DESEMPATE:

Para definir o campeão de cada divisão e as vagas da repescagem, a NFL definiu uma série de critérios de desempate para evitar qualquer tipo de empate ou confusão. Eles são divididos em dois: os critérios para desempate para as vagas de playoffs do campeão da divisão e as vagas do wild card. São eles:

Divisão:

  1. Melhor campanha;
  2. Número de vitórias no confronto direto;
  3. Melhor porcentagem de vitórias dentro da própria divisão;
  4. Melhor porcentagem de vitórias nos jogos em comum;
  5. Melhor porcentagem de vitórias nos jogos dentro da conferência;
  6. Campanha dos adversários que foram derrotados;
  7. Campanha dos times que enfrentou na temporada;
  8. Melhor classificação no ranking da conferência em pontos marcados e cedidos;
  9. Melhor classificação no ranking de todos os times em pontos marcados e cedidos;
  10. Melhor saldo de pontos nos jogos em comum;
  11. Melhor saldo de pontos em todos os jogos;
  12. Melhor saldo de touchdowns em todos os jogos;
  13. Cara-ou-coroa.

 

Wild Card (Repescagem):

  1. Melhor campanha;
  2. Confronto direto, se houver;
  3. Melhor porcentagem de vitórias em jogos dentro da conferência;
  4. Melhor porcentagem de vitórias em jogos em comum, mínimo de quatro;
  5. Campanha dos adversários que foram derrotados;
  6. Campanha dos times que enfrentou na temporada;
  7. Melhor classificação no ranking da conferência em pontos marcados e cedidos;
  8. Melhor classificação no ranking de todos os times em pontos marcados e cedidos;
  9. Melhor saldo de pontos nos jogos dentro da conferência;
  10. Melhor saldo de pontos em todos os jogos;
  11. Melhor saldo de touchdowns em todos os jogos;
  12. Cara-ou-coroa.

 

A VANTAGEM DE JOGAR EM CASA E OS CABEÇAS DE CHAVE

New England Patriots quarterback Tom Brady, left, holds the AFC Championship trophy as he celebrates with head coach Bill Belichick after the AFC championship NFL football game, Sunday, Jan. 22, 2017, in Foxborough, Mass. The Patriots defeated the the Pittsburgh Steelers 36-17 to advance to the Super Bowl. (AP Photo/Matt Slocum) ORG XMIT: FBO247


Com os seis times de cada conferência já definidos nos playoffs, já dá para passar para a próxima etapa: a organização de cada time no mata-mata. A NFL define cada uma de suas vagas como 
seed, sendo seis para cada conferência. As seis vagas são dadas de acordo com os critérios abaixo e com os critérios de desempate no tópico anterior.


Critério das Vagas (Seeds):

  1. O campeão da divisão com o melhor recorde;
  2. O campeão da divisão com o segundo melhor recorde;
  3. O campeão da divisão com o terceiro melhor recorde;
  4. O campeão da divisão com o quarto melhor recorde;
  5. O time da repescagem com o melhor recorde;
  6. O time da repescagem com o segundo melhor recorde;

Essa ordem da NFL tem dois propósitos: definir os cabeças de chave e o mando de campo dos jogos (jogos únicos, sem ida e volta). O mando de campo será sempre para o time que tiver a maior seed, ou seja, o time que tiver a seed 1 jogará todas suas partidas no mata-mata em casa, enquanto o time que tiver a seed 6 jogará todas as suas partidas fora de casa nos playoffs. Já os cabeças de chave são sempre os times que tiverem com a seed 1 e 2. Eles terão uma folga na primeira rodada dos playoffs e só entram na segunda, na fase divisional.

Essa classificação é importantíssima para os times. Jogar ao lado de sua torcida é um fator fundamental para o sucesso ou o fracasso do time na pós-temporada, enquanto uma folga na primeira fase dá ao time um fôlego a mais para os jogos mais difíceis da temporada. São justamente esses os motivos que fazem os times preferirem as vagas pelo título da divisão e não pelo wild card, já que a repescagem você tem a desvantagem de jogar fora de casa em quase todos os jogos dos playoffs e ainda não tem a opção de folgar uma semana.

 

MONTAGEM DA TABELA DOS PLAYOFFS

Definido os times que vão para os playoffs e as seeds que cada um ocupa, já é possível determinar quais serão os confrontos da pós-temporada. Os playoffs são separados em três etapas: (1) Wild Card, (2) Divisional, a (3) Final de Conferência e, por fim, o (4) Super Bowl.

  1. Wild Card:
  • Jogo 1: Time com a Seed #3 vs Time com a Seed #6
  • Jogo 2: Time com a Seed #4 vs Time com a Seed #5

Enquanto os times da Seed #1 e #2 folgam, os campeões de divisão com menores recordes enfrentam os times da repescagem em casa. Geralmente, os times que se classificam pela repescagem têm um recorde tão bom quanto os times da Seed #3 e #4, o que torna o jogo ainda mais competitivo. 

  1. Divisional:
  • Jogo 3: Time com a Seed #1 vs Time com a Seed #6 OU Vencedor do Jogo 1
  • Jogo 4: Time com a Seed #2 vs Time com a Seed #3 OU Vencedor do Jogo 1

Se você está um pouco confuso nos confrontos, fique calmo. Nessa rodada, os times que folgaram na semana do Wild Card voltam jogando em casa. O que define os jogos é, mais uma vez, a seed: o time que possui a #1 vai enfrentar sempre o time que passou pelo wild card e tem a pior seed, enquanto o time da seed #2 enfrenta justamente o adversário que teve a maior seed. Mas não se engane: zebras acontecem aos montes nessa fase.

  1.  Finais de Conferência:
  • Jogo 5: Time com a maior Seed vs Time com a menor Seed.

Na final de conferência não há mistério e só tem um critério: o time que tiver a maior seed decide em casa. Esse fator é um dos mais importantes na busca pelo Super Bowl e o histórico recente prova isso. Nos últimos dois anos, todos os times que disputaram a final de conferência em casa foram ao Super Bowl, mostrando que o fator casa pode decidir e muito uma partida.

  1. Super Bowl:

  • Campeão da Conferência Nacional vs Campeão da Conferência Americana

No maior evento esportivo dos Estados Unidos, não existe mando de campo. O mando do Super Bowl é decidido pela liga antes mesmo da temporada começar, tal como é feito a final da Liga dos Campeões. Há ainda uma maldição do Super Bowl, já que nenhum time jamais conseguiu jogar o Super Bowl no ano em que ele foi sediado em sua cidade.

Quer se tornar um colaborar e escrever para o fala?
Saiba como

0 Comentários

Tags mais acessadas