Flamengo perdeu Jorge Jesus e Jorge Jesus perdeu o Flamengo
Menu & Busca
Flamengo perdeu Jorge Jesus e Jorge Jesus perdeu o Flamengo

Flamengo perdeu Jorge Jesus e Jorge Jesus perdeu o Flamengo

Home > Notícias > Esporte > Flamengo perdeu Jorge Jesus e Jorge Jesus perdeu o Flamengo

A vontade de treinar um grande time europeu fez o treinador, que foi multicampeão no Brasil pelo Flamengo em 2019 e 2020, voltar a Portugal para treinar o Benfica e disputar a Champions League. O Flamengo teve que se virar e acabou contratando o técnico catalão Domènec Torrent para substitui-lo

Flamengo futebol
Jogadores e Jorge Jesus comemoram a conquista do título brasileiro. | Foto: Alexandre Vidal/Flamengo.

Após ter sido derrotado por 5 a 0 pelo Independiente del Valle na volta da Libertadores na última quinta-feira (17), o Flamengo sofre a ausência do técnico português que conquistou 6 títulos pela sua passagem pelo rubro-negro, incluindo a tão desejada Copa Libertadores da América após 38 anos. Jorge Jesus havia renovado seu contrato com o Flamengo até junho de 2021, mas o Benfica o convenceu a voltar para Europa.

Antes mesmo do início do campeonato brasileiro, os cartolas do Clube de Regatas tiveram que se encarregar de trazer um novo treinador para encabeçar o projeto, de novamente, grandes expectativas de títulos devido ao gordo investimento feito no elenco. Domènec Torrent, que foi auxiliar de Pep Guardiola nas maiores potências europeias, mas com pouca experiência como técnico, foi o nome eleito para dar procedência à temporada.

No entanto, a instabilidade do desempenho do reforçado Flamengo já punha em xeque o recém-trabalho catalão. A derrota para o Atlético-GO, por 3 a 0, e para o Ceará, por 2 a 0, na segunda décima rodada do campeonato, respectivamente, demonstravam a perda de identidade do time dentro de campo.

Enquanto isso, na Europa, o também reforçado Benfica se preparava para enfrentar o PAOK pelas primeiras eliminatórias da pré-Champions. Quem passasse, enfrentaria o Krasnodar, da Rússia, e o vencedor desse confronto teria sua vaga na fase de grupos. Com Pedrinho, ex-Corinthians, e Éverton Cebolinha, ex-Grêmio, em campo, o Benfica protagonizou a vergonhosa derrota por 2 a 1 para os gregos na última terça (15).

Jorge Jesus e seus comandados estão precocemente eliminados do maior campeonato de clubes do mundo e o Benfica, com um prejuízo calculado em cerca de 70 milhões de euros, 437 milhões em reais – considerando a premiação da Uefa por chegar à fase de grupos, 15,25 milhões de euros, dinheiro de televisão, acordos comerciais e ganhos com torcida.      

Jorge Jesus
Jorge Jesus ao lado de Darwin Núñez, reforço mais caro da história do Benfica. | Foto: Getty Images.

Dois dias depois, o Flamengo foi jogar nos 2.800 metros de altitude de Quito, no Equador, e o resultado não poderia ser pior. Com uma escalação confusa, com dois “camisas 10” de origem, Diego e Arrascaeta, e dois “camisas nove”, Gabriel Barbosa e Pedro, a estratégia tática foi-se por água abaixo. A marcação avançada deixou o time cansado e a defesa exposta.

O segundo tempo foi pior. Após 1 a 0 no primeiro tempo, a volta do intervalo parecia mais promissora com a volta de Bruno Henrique. No entanto, aos 3 minutos já sofreu outro belo gol e ficou desestabilizado emocionalmente, tecnicamente além de taticamente desde o início.

O casamento perfeito entre técnico, elenco e instituição acabou e o divórcio está sendo mais dolorido do que parecia para todos.

_______________________________
Por Nina Galiotte – Fala! Cásper

Tags mais acessadas