Evite algumas crenças durante a graduação!
Menu & Busca
Evite algumas crenças durante a graduação!

Evite algumas crenças durante a graduação!

Home > Lifestyle > Evite algumas crenças durante a graduação!

Fernanda Rodrigues (@nandarodss) é estudante de Biologia na Faculdade Federal de Uberlândia – UFU. Por ser apaixonada por conteúdo digital, resolveu criar uma conta no Instagram para compartilhar dicas de beleza, bem-estar e organização pessoal. Além disso, ela também divide informações científicas sobre diversos assuntos.

Evite algumas crenças durante a graduação!
Evite algumas crenças durante a graduação!

Um dos temas abordados em seu feed esta semana foi a importância e as consequências de alguns pensamentos que os jovens costumam ter durante o período de faculdade. Em sua última publicação no @dicasdapiupiu, ela falou mais sobre o tema.

De acordo com sua opinião pessoal e com suas vivências, a universitária relatou que é melhor evitar estes quatro tipos de pensamentos durante o seu período no Ensino Superior:

1 – “CRA não importa”

Importa sim! A sigla CRA significa Coeficiente de Rendimento Acadêmico. Ele é calculado a partir de dois indicadores principais: sua nota final nas matérias, de acordo com o histórico escolar, e a carga horária total de cada disciplina cursada.

“Muitos processos seletivos levam em consideração o seu CRA, inclusive para desempate de candidato; programas de intercâmbio, por exemplo, olham suas notas”, alega Fernanda.

2 – “Não precisa ser bem-feito”

Evite algumas crenças durante a graduação!
Evite algumas crenças durante a graduação! | Foto: Reprodução.

Não é o ideal pensar que o professor nem vai ler o seu trabalho direito. Isso vale também para as provas. São nestas situações que boas oportunidades podem surgir: capriche!

3 – “Eventos são caros, por isso não vou”

Evite algumas crenças durante a graduação!
Evite algumas crenças durante a graduação!

Infelizmente alguns eventos, como congressos, são muito caros. Mas fique de olho nas redes sociais do seu curso e também de outras faculdades, podem surgir algumas oportunidades gratuitas!

4 – “Não é da minha área, não preciso”

Priorizar cursos que englobem a sua área é enriquecedor e fundamental. Entretanto, ter um currículo mais diversificado pode ser um destaque. Permita-se conhecer novos assuntos, quem sabe eles não estão ligados a algum tema da sua profissão?!

Tags mais acessadas