Educação Superior indígena é tema do Diálogos da faculdade Mackenzie
Menu & Busca
Educação Superior indígena é tema do Diálogos, da faculdade Mackenzie

Educação Superior indígena é tema do Diálogos, da faculdade Mackenzie

Home > Universidades > Educação Superior indígena é tema do Diálogos, da faculdade Mackenzie

Programa recebe Eliete Solano para debater trajetória da Educação Escolar e Ensino Superior Indígena no Brasil. Saiba mais sobre o assunto

Educação Superior
Educação Superior indígena é tema de debate na faculdade Mackenzie. | Foto: Reprodução.

Educação Superior indígena é tema de debate na faculdade Mackenzie

Nesta quinta-feira, dia 12 de novembro, às 18h30, o Diálogos recebe a professora Eliete Solano, docente do Curso de Licenciatura Intercultural da Universidade do Estado do Pará (UEPA) e pesquisadora associada ao Laboratório de Línguas e Literaturas Indígenas (LALLI-UNB). Organizado pelo Programa de Pós-Graduação em Letras (PPGL) da Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM), a nova edição será transmitida pelo YouTube, numa conversa que será conduzida pelas professoras Regina Pires de Brito e Maria Lucia Vasconcelos, ambas do PPGL da UPM.

Nesta edição, serão discutidas experiências didáticas interculturais e interdisciplinares fruto do desenvolvimento da Licenciatura Intercultural Indígena na UEPA, que teve início em 2012. Serão apresentados conceitos como o que é a educação superior indígena e como é feita nas aldeias indígenas e quem são os autores, parceiros e cooperadores junto à universidade.

A trajetória da Educação Escolar Indígena no Brasil tem demonstrado o quanto os povos indígenas estão em constante busca de reconhecimento e de implementações de políticas públicas diferenciadas, que assegurem seus direitos sociais, territoriais, políticos e, principalmente, educacionais.

A Educação Superior Indígena apresentará histórias diferenciadas quanto ao que é ou ao modo como é feita a depender do estado federativo em que esteja implementada – tendo em vista o contexto histórico dos povos indígenas que ali residem, que a reivindicaram e que lutam por ela.

No Estado do Pará, em particular, o ensino superior indígena teve seu marco no ano de 2012 com a criação do Curso de Licenciatura Intercultural Indígena na UEPA, que inicialmente era voltado para formação de turmas indígenas, atendendo às demandas dos povos: Gavião, Suruí-Aikewara e Tembé-Guamá.

De lá para cá, muitas experiências no plano da graduação e pós-graduação intercultural, diferenciada e bi/multilíngue, foram vivenciadas e compartilhadas pelos discentes indígenas (em sua maioria professores), discutidas e reavaliadas no âmbito dos processos metodológicos de ensino-aprendizagem.

Para saber mais, acompanhe o programa completo. O Diálogos é um evento gratuito que requer inscrições apenas para obtenção de certificado.

Diálogos – Educação Superior indígena: o que é? Como se faz?

Tags mais acessadas