Cadastre-se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Quero me cadastrar!
Menu & Busca
4 dicas do sexo tântrico para casais redescobrirem o prazer

4 dicas do sexo tântrico para casais redescobrirem o prazer

Muitos casais procuram meios e oportunidades para fortalecer o relacionamento e redescobrir o prazer a dois, fugir da rotina e conhecerem melhor uns aos outros, mas não sabem exatamente o que fazer para alcançar este objetivo.

Olhe nos olhos 

Para ajudar homens e mulheres a viverem o melhor da vida a dois, a filósofa, escritora e mestra tântrica Carol Teixeira criadora do ‘I Love My Pussy’,  traz 4 dicas tântricas para casais que buscam fortalecer o relacionamento e explorar todas as possibilidades de autodescoberta e prazer proporcionadas pelo tantra.

4 dicas do sexo tântrico para casais redescobrirem o prazer
4 dicas do sexo tântrico para casais redescobrirem o prazer

O olhar no tantra é uma das formas mais poderosas de conexão. A sensação de ser olhado nos olhos com profundidade gera uma instabilidade positiva, é como você fosse descoberto, despido, enxergado em sua essência.

Essa espécie de nudez te vulnerabiliza, te traz para a presença – e dois do principais ingredientes para um sexo bom ou qualquer troca que valha a pena é justamente a vulnerabilidade e a capacidade de estar presente.

Então fiquei por pelo menos 5 minutos em frente a seu parceiro (a) olhando em seus olhos, sentado em uma posição confortável, com a respiração leve e todos os músculos do corpo relaxados. Não crie nenhuma expectativa enquanto faz isso, simplesmente entregue sua vulnerabilidade para o outro como se fosse um presente.

É possível que você sinta vontade de chorar por tanta entrega e que seu corpo entre num estado de presença como se você estivesse meditando. 

IMPORTANTE: mais da metade dos brasileiros estão infelizes com sua vida sexual.

Descubra o sexo além da penetração

O tantra não exclui a penetração, mas valoriza muito mais todo o resto. O que se chama no ocidente de ‘preliminar’, na visão do tantra já sexo. O corpo inteiro é um órgão sexual, a pele é o maior dos órgão sexuais.

Para compreender isso no corpo, é interessante fazer algumas experiências excluindo qualquer espécie de penetração. No momento em que você elimina essa espécie de finalidade, você descobre um universo de possibilidades de prazer.

Vale tudo – cheirar, lamber, toques sutis, toques mais densos, mover seu corpo de forma que você nunca moveu, dar atenção para áreas que você nunca deu – só não vale penetrar. Você vai descobrir novas sensações, despertar novos sentimentos. 

4 dicas do sexo tântrico para casais redescobrirem o prazer
4 dicas do sexo tântrico para casais redescobrirem o prazer

O sexo além do orgasmo

Como exercício de compreensão de todas as possibilidades de prazer no corpo, é interessante também vocês experimentarem transar algumas vezes sem ter orgasmo.

Com essa calma que vem com a ausência da finalidade, você vai se surpreender de ver a sutileza da conexão que surge.  Sua criatividade sexual é potencializada, sua ansiedade vira quase nula e você vai sentir coisas completamente novas.

É uma forma de reeducar seu corpo, fazer ele sair do automatismo. Depois, em outros momentos, é só agregar todas essas novas possibilidades nas relações sexuais seguintes, mesmo as que envolvam orgasmo.

4 dicas do sexo tântrico para casais redescobrirem o prazer
4 dicas do sexo tântrico para casais redescobrirem o prazer

Tempo e sutileza

Desacelere. Essa talvez seja a dica mais fácil que vou te dar para entrar no estado de tantra. Só esse ato de desacelerar já vai fazer você sair do seu script. Vai deixar sua mente perdida, fora de sua zona de conforto.

Uma das coisas que mais falo em meus cursos é o comando para as pessoas se moverem e conduzirem seus toques ‘devagar, devagar estranho’.

Nesse ritmo você tem tempo para sentir, seu corpo entra inexoravelmente num estado de sutileza se abre.

0 Comentários

Tags mais acessadas