Conheça Renato Feder, o 4º ministro da Educação do governo Bolsonaro
Menu & Busca
Conheça Renato Feder, o 4º ministro da Educação do governo Bolsonaro

Conheça Renato Feder, o 4º ministro da Educação do governo Bolsonaro

Home > Notícias > Política > Conheça Renato Feder, o 4º ministro da Educação do governo Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro anunciou na manhã da última sexta, 03, segundo o jornal O Estado de S. Paulo, o nome de Renato Feder para assumir o Ministério da Educação, tornando-se o 4º que integra o cargo.

Renato Feder
Renato Feder, secretário de Educação do PR escolhido por Bolsonaro para o MEC. | Foto: Reprodução.

Quem é Renato Feder?

Nascido em 28 de junho de 1978 (42 anos), Renato Feder é graduado em Administração pela Fundação Getúlio Vargas e mestre em economia pela Universidade de São Paulo. É empreendedor, sócio da Multilaser, empresa de eletroeletrônicos e de informática, presente no mercado desde 1987 (quando Feder tinha cerca de 9 anos).

Renato comandou a Multilaser junto com Alexandre Ostrowiecki, até assumir a Secretaria de Educação do Paraná, em 1º de janeiro de 2019, na gestão de Ratinho Júnior, filho do apresentador Ratinho, do SBT, que apoia o presidente Jair Bolsonaro.

Segundo o Portal da Transparência do Paraná, Renato Feder deu aula para o projeto Educação para Jovens e Adultos (EJA) e deu aulas de matemática durante 10 anos, além de ter sido, por 8 anos, diretor de escola.

O nome de Feder aparece no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) como a 7ª maior quantia entre os doadores da campanha eleitoral de 2018, que recebeu R$12 milhões. Na época, ele ainda era proprietário da Multilaser. No entanto, seu nome não consta entre os doadores da campanha de João Doria Jr para governador de São Paulo, pelo PSDB, à qual tem uma relação política considerável.

novo ministro da Educação
Renato Feder. | Foto: Reprodução.

Renato Feder assume o Ministério da Educação, sucedendo Carlos Alberto Decotelli da Silva, que deixou o cargo após escândalos de plágio e mentiras em seu currículo. Decotelli nem chegou a assumir oficialmente o MEC, pois sua posse foi adiada, devido aos escândalos.

Feder iria assumir o MEC no lugar de Decotelli, mas o presidente, além de preferir um nome mais velho para o cargo, (Decotelli tem 70 anos, 28 anos a mais que Feder), o fato do empresário ter trabalhado na Secretária de Educação do Estado de São Paulo, na gestão de João Dória Jr, desafeto político de Bolsonaro, também acabou pesando na escolha anterior.

Cronologia do MEC

Renato Feder é o quarto ministro da Educação em pouco mais de um ano e meio de governo de Jair Bolsonaro. A seguir, confira uma cronologia da pasta de 1º de janeiro de 2019 até aqui:

__________________________
Por Álvaro José – Fala! UFPE

Tags mais acessadas